Ofertas de emprego para executivos em 2012 têm o menor resultado em quatro anos

SÃO PAULO - As ofertas de emprego em 2012 para executivos paulistas tiveram os piores resultados em quatro anos. Segundo aponta a pesquisa Impex, realizada pela LAERTE CORDEIRO Consultores em Recursos Humanos, ao decorrer do ano, foram ofertadas apenas 6,7 mil vagas, contra mais de 9,4 mil em 2011.

A consultoria aponta a crise internacional como o maior motivo para a diminuição das vagas, uma vez que seus efeitos alcançaram as grandes empresas principalmente no segundo semestre do ano. “As correções de rumo decididas pelo Governo, embora no caminho certo, não puderam oferecer resultados imediatos. Em consequência, os números ficaram muito aquém do que seria desejável para empregar os executivos disponíveis no mercado”, constatou o relatório.

A pesquisa também revela que 2008 teve o maior número de empregos ofertados, com mais de 13.200 vagas disponíveis paa diversos cargos de gerência e diretoria. Já nos anos seguintes, as ofertas de emprego estiveram na marca de 7,7 mil em 2009 e 8,9 mil em 2010.

Mais oportunidades em 2013
Há indicações de que 2013 possa ser um ano bem melhor para os executivos brasileiros, disse a pesquisa. “Juros baixos, redução de impostos, um PIB razoável e muita disposição das autoridades para promover investimentos na indústria, principalmente para melhorar nossa produtividade e competitividade, parecem conduzir para uma melhoria significativa do emprego neste novo ano”.

A consultoria prevê ainda que o mercado oferecerá mais oportunidades para os profissionais da Área Geral de Vendas e Marketing, seguidos das Áreas de Produção Industrial, de Finanças e Controladoria e de Serviços (TI, Recursos Humanos e Jurídica). O desenvolvimento empresarial aumentará, também, a busca de Gerentes Gerais ou equivalentes, que serão os comandantes do esforço de recuperação e crescimento.

Diretores/Gerentes de Vendas, Diretores/Gerentes Comerciais, Diretores/Gerentes de Marketing, Diretores/Gerentes Industriais, Diretores/Gerentes de Supply Chain e Logística, Diretores/Gerentes Administrativo-Financeiros, Diretores/Gerentes de Recursos Humanos, Diretores/Gerentes Jurídicos, serão provavelmente os cargos para os quais haverá maior recrutamento em 2013.

A Indústria será, mais uma vez, a maior recrutadora de executivos, este ano com talvez maior intensidade, para aproveitar as oportunidades da nova etapa de desenvolvimento econômico. A seguir, os Setores de Serviços, de Comércio e Bancário/Financeiro.

O estudo indica também que as empresas mais recrutadoras estarão nos segmentos de Produtos de Consumo, de Confecções, de Autopeças, de Engenharia, de Saúde, de Telecomunicações e Química.

Carregando...