Mercado fechado
  • BOVESPA

    100.591,41
    -172,59 (-0,17%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.435,45
    +140,65 (+0,29%)
     
  • PETROLEO CRU

    111,88
    +0,12 (+0,11%)
     
  • OURO

    1.819,70
    -1,50 (-0,08%)
     
  • BTC-USD

    20.282,99
    -457,75 (-2,21%)
     
  • CMC Crypto 200

    439,30
    -10,76 (-2,39%)
     
  • S&P500

    3.821,55
    -78,56 (-2,01%)
     
  • DOW JONES

    30.946,99
    -491,31 (-1,56%)
     
  • FTSE

    7.323,41
    +65,09 (+0,90%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,47 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    0,00 (0,00%)
     
  • NASDAQ

    11.688,75
    +14,50 (+0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5436
    -0,0005 (-0,01%)
     

Oceânica Engenharia pede registro de companhia aberta junto à CVM

SÃO PAULO (Reuters) - A fornecedora de infraestrutura marítima usada na exploração de petróleo Oceânica Engenharia pediu registro de companhia aberta, segundo informações no website da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta segunda-feira.

Criada em 1978 e com sede na capital do Rio de Janeiro, a Oceânica presta serviços de inspeção e monitoramento de estruturas submarinas e subaquáticas, e tem como uma de suas principais clientes a Petrobras.

A companhia afirma em seu website que teve receita líquida de 320,3 milhões de reais em 2021, um aumento de 79% em relação ao ano anterior.

Segundo o registro na CVM, não houve um pedido imediato da companhia para uma eventual oferta de ações, embora o registro solicitado a credencie para tal.

O pedido de registro da Oceânica ocorre num momento de estagnação no mercado de ofertas iniciais de ações (IPO) no Brasil, com o ciclo de alta de juros afastando investidores de ativos de maior risco.

Ao mesmo tempo, porém, ações de empresas que atuam no setor de petróleo e gás têm escapado da derrocada nos mercados de ações, dada os preços globais elevados do petróleo.

No começo deste mês, a Oceânica recebeu dois veículos operados remotamente (ROVs) de classe de trabalho (work class) da Forum Energy Technologies para apoiar as atividades de inspeção, reparo e manutenção nos campos de petróleo da Petrobras.

(Por Aluísio Alves; edição de André Romani)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos