Mercado fechado

Obi-Wan Kenobi | Qui-Gon Jinn deve aparecer na série como um Fantasma da Força

Beatriz Vaccari
·3 minuto de leitura

A série Obi-Wan Kenobi é uma das produções mais esperadas para 2021 entre os fãs de Star Wars. Promovendo um verdadeiro fan service, a Disney anunciou a princípio que Ewan McGregor reprisará seu papel de Mestre Jedi na trilogia prequela, e recentemente, conforme anunciado no Disney Investor Day 2020, o ator Hayden Christensen estrelará a produção para viver Anakin Skywalker novamente.

Com o anúncio de Christensen, é certo que a série mergulhará na vida de Obi-Wan Kenobi como nunca visto na franquia. E há um personagem da segunda trilogia que ainda não foi confirmado que pode agregar muito à história — principalmente na nova vida pós-guerra de Obi-Wan Kenobi, já que a série se passará 10 anos após os eventos do Episódio III - A Vingança dos Sith: Qui-Gon Jinn.

Obi-Wan Kenobi e seu Mestre Jedi, Qui-Gon Jinn (Imagem: Divulgação / Lucasfilm)
Obi-Wan Kenobi e seu Mestre Jedi, Qui-Gon Jinn (Imagem: Divulgação / Lucasfilm)

De acordo com o CBR, o Mestre Jedi de Obi-Wan Kenobi deve aparecer como um Fantasma da Força na série. As aparições do personagem na trilogia que conta a ascensão de Darth Vader são breves. Qui-Gon Jinn foi apresentado e assassinado por Darth Maul no Episódio I - A Ameaça Fantasma, porém sua figura é muito importante para o legado da Força. Quando morre, ele seu espírito é ancorado pela Força. Vale lembrar que Yoda descobre durante a Guerras Clônicas que está prestes a transcender ao estado entre a vida e a morte.

Inclusive, após tentativas de Yoda, essa técnica Jedi que Qui-Gon Jinn buscava para se tornar um Fantasma da Força é finalmente conquistada por ambos personagens.

Essa jornada de Yoda para completar o trabalho de Qui-Gon Jinn e a aceitação do seu destino fornecem pistas sobre o que esperar na nova série do Disney+. Além disso, Obi-Wan Kenobi está longe de saber que seu antigo aprendiz será o responsável por sua morte. Anos após a guerra com os Separatistas, ele ainda estaria aprendendo coisas novas sobre si mesmo e seu lugar na Força; no entanto, Yoda está vivendo no exílio durante este período, deixando a escolha mais lógica para um tutor nas mãos de Qui-Gon Jinn.

Embora tenha morrido no Episódio I, Qui-Gon Jinn foi uma importante figura para o legado da Força (Imagem: Divulgação / Lucasfilm)
Embora tenha morrido no Episódio I, Qui-Gon Jinn foi uma importante figura para o legado da Força (Imagem: Divulgação / Lucasfilm)

Não seria a primeira vez que personagens inicialmente pouco explorados recebem uma segunda chance em spin-offs de Star Wars, como aconteceu em The Clone Wars. No entanto, o lugar de Qui-Gon Jinn permanece em grande parte em seu momento pós-morte, com os poucos trechos conhecidos sobre sua vida revelados. Com sua mortalidade fora do caminho, Obi-Wan Kenobi poderia oferecer ao Mestre Jedi uma chance de completar seu arco enquanto permanece morto.

O retorno de Qui-Gon Jinn seria interessante para Obi-Wan Kenobi, que provavelmente estará num mau momento da vida: solitário e recuperando-se da guerra, derrotado pela ascensão do Império. Não há dúvidas de que o Padawan precisará de alguém para conversar; e seu mestre é a figura familiar mais próxima que ele possui, além de ser a mais indicada no momento, mesmo como um Fantasma da Força.

O momento em que Obi-Wan é morto por seu antigo aprendiz (Imagem: Divulgação / Lucasfilm)
O momento em que Obi-Wan é morto por seu antigo aprendiz (Imagem: Divulgação / Lucasfilm)

O retorno, ao que tudo indica, não seria uma má notícia para Liam Neeson. A experiência do ator em Star Wars é positiva e com boas lembranças da produção. A volta de Qui-Gon Jinn seria mais um passo para os fãs entenderem com mais clareza o desenvolvimento de Obi-Wan Kenobi entre o Episódio III - Vingança dos Sith e o Episódio IV - Uma Nova Esperança.

Qui-Gon Jinn pode oferecer a chance de mostrar ao público como os Mestres Jedi enfrentam o destino e a morte, especialmente quando esse desfecho não é necessariamente sobre um triunfo heroico — vale destacar que Obi-Wan Kenobi foi derrotado por Darth Vader mais tarde.

Obi-Wan Kenobi está atualmente em desenvolvimento e será distribuído exclusivamente pelo Disney+. A série é dirigida por Deborah Chow e estrelada por Ewan McGregor e Hayden Christensen, ainda sem uma data de lançamento.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: