Obama chega ao Havaí para passar férias em meio ao temor do "abismo fiscal"

Washington, 22 dez (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, chegou neste sábado ao Havaí para passar com sua família as férias de Natal, que previsivelmente terá que interromper para continuar em Washington as negociações para acabar com "abismo fiscal" e evitar uma alta generalizada de impostos em janeiro de 2013.

A família Obama chegou em Honolulu após um voo de 10 horas que partiu de Washington. No arquipélago, o presidente se dirigiu a sua residência de férias em Kailua, uma praia situada no leste de Oahu.

A cidade de Kailua está localizada a cerca de 19 quilômetros de Honolulu e a casa fica perto de uma base militar da Marinha e de uma praia popular entre surfistas.

Por enquanto, não está previsto que a família Obama realize atos públicos durante sua estadia no Havaí, estado onde nasceu e passou parte de sua infância.

No entanto, é possível que o presidente tenha que interromper suas férias e voltar a Washington para continuar as negociações e evitar o "abismo fiscal", uma alta generalizada de impostos e maciços cortes nos gastos públicos, que entrarão em vigor em janeiro se republicanos e democratas não chegarem a um acordo.

O Congresso entrou em recesso até 27 de dezembro e na entrevista coletiva que Obama realizou na sexta-feira antes de partir o presidente se despediu com um "nos veremos na semana que vem".

No ano passado, Obama teve que esperar o início de suas férias até que o Congresso chegasse a um acordo sobre uma lei trabalhista.

Em 2010, ocorreu algo parecido e ele adiou seu descanso até o tratado de desarmamento nuclear ser ratificado com a Rússia. E em 2009, ele não iniciou suas férias como planejado em função dos debates sobre a reforma da saúde. EFE

Carregando...