Mercado fechado

O que você precisa saber e acompanhar nesta quinta-feira

Carlos Mercuri e Gabriel Roca

Aqui estão as notícias para você começar o dia BC corta projeção para o PIB em 2020 de alta de 2,2% para zero

O Banco Central revisou sua projeção para o desempenho do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro de 2,2% para zero, segundo Relatório de Inflação publicado há pouco. A estimativa reflete o conjunto de informações que disponíveis até 16 de março. O BC explica que a alteração está associada, principalmente, a impactos econômicos expressivos decorrentes da pandemia da covid-19. Mas, além disso, resultados abaixo do esperado em indicadores econômicos no final de 2019 e início de 2020 também afetaram a expectativa de desempenho da atividade no primeiro trimestre.

Por impacto do coronavírus, BC reduz projeções de inflação de 2020 a 2022

O Banco Central reduziu suas projeções para a inflação deste e dos próximos dois anos. De acordo com o Relatório Trimestral de Inflação de março, divulgado nesta quinta-feira, a autoridade monetária agora projeta o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) em 2,6% neste ano, 3,2% em 2021 e 3,3% em 2022. Essa previsão considera câmbio e juros estimados na pesquisa Focus, compilação semanal de projeções coletadas junto ao mercado financeiro. No relatório anterior, de dezembro de 2019, as projeções eram de 3,5% em 2020, 3,4% em 2021 e 3,4% em 2022.

Agenda forte dá o tom aos ativos em novo dia de baixas no exterior

Em dia de agenda forte no exterior e no Brasil, os mercados globais operam novamente em tom negativo, à espera da aprovação do pacote de US$ 2 trilhões pela Câmara dos Representantes dos Estados Unidos, após ter passado na quarta-feira pelo Senado, e de notícias acerca da evolução da pandemia do novo coronavírus pelo mundo. Os futuros de ações cediam mais de 1% em Nova York às 9 horas, após os três índices principais terem fechado em alta. Investidores se preparam para o que se espera ser um dos piores relatórios de desemprego dos EUA na história, sublinhando o amplo dano econômico causado pela pandemia. Nesta jornada, saem indicadores importantes dos EUA para aferir o nível de atividade da economia americana, como a leitura final do Produto Interno Bruto (PIB) do quarto trimestre de 2019, pedidos de seguro-desemprego e estoques do atacado em fevereiro.

EUA publicam pedidos de seguro-desemprego na semana

O Departamento de Trabalho dos EUA publica, às 9h30 (de Brasília), o número de novos pedidos de seguro-desemprego requeridos na semana. Na semana anterior, houve 281 mil pedidos. Os agentes aguardam com ansiedade o indicador, que deve mostrar um salto no número de pedidos.

BCs anunciam decisões de política monetária

O Banco da Inglaterra (BoE, banco central) anuncia nesta manhã sua decisão de política monetária. O Banco Central do México anuncia sua decisão às 16h (de Brasília).

FGV informa Sondagem da Construção de março

O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre-FGV) informa nesta manhã a Sondagem Conjuntural do Setor da Construção de março. Na medição de fevereiro, o Índice de Confiança da Construção (ICST) recuou 1,4 ponto, para 92,8 pontos. No mesmo horário, o Ibre comunica o Índice Nacional de Custos da Construção do Mercado (INCC-M) de março. Na medição de fevereiro, o índice subiu a 0,35%, nível superior ao apurado no mês anterior, quando a taxa foi de 0,26%.

EUA divulgam leitura final do PIB do quarto trimestre

O Departamento do Comércio dos EUA comunica nesta manhã a leitura final do PIB do quarto trimestre de 2019. A leitura anterior foi de +2,1%. Junto com o relatório do PIB, o Departamento do Comércio dos EUA apresenta os dados de consumo pessoal e o núcleo do índice de preços de gastos com consumo pessoal (PCE) do quarto trimestre de 2019. E o Departamento do Comércio dos EUA publica os dados da balança comercial de bens de fevereiro. A leitura anterior foi de déficit de US$ 65,5 bilhões. Também nesta manhã, o Departamento do Comércio dos EUA publica os dados de estoques do atacado em fevereiro. Em janeiro, os estoques recuaram 0,4% na margem.

Investigação na Via Varejo encontra fraude de R$ 1,19 bi

A investigação feita por consultores independentes na Via Varejo constatou evidências de fraude contábil caracterizada pela manipulação da provisão para processos trabalhistas, com valor estimado em R$ 1,19 bilhão.

Embraer

A fabricante de aeronaves Embraer teve prejuízo de R$ 867,8 milhões no quarto trimestre, comparado à perda de R$ 1,4 milhão no mesmo período de 2018. No acumulado do ano, o prejuízo líquido foi de R$ 1,3 bilhão, cerca do dobro do prejuízo de 2018.

JBS

A JBS registrou no quarto trimestre um lucro líquido de R$ 2,4 bilhões, mais de quatro vezes acima do apurado no mesmo período de 2018, com o momento favorável para os frigoríficos nos Estados Unidos e a maior necessidade de importações da China impulsionando o desempenho. A teleconferência com analistas e investidores está marcada para as 9h.

Petrobras

O conselho de administração da Petrobras aprovou ontem a criação da diretoria de logística e a extinção da diretoria de assuntos corporativos. As alterações entram em vigor em maio. Com a mudança, a estatal passa a ter quatro diretorias corporativas e quatro operacionais.

IRB

O IRB Brasil Re informou que, diante das incertezas econômicas geradas pela covid-19, o conselho de administração recomendou à diretoria a revisão da proposta de distribuição de dividendos. A proposta de remuneração de seus administradores e as indicações para os conselhos de administração e fiscal também serão revistas. O IRB informou também que Pedro Guimarães, presidente da Caixa, renunciou ao cargo que ocupava no conselho de administração.

Gerdau

A agência de classificação de risco S&P Global reduziu a perspectiva de crédito da Gerdau de “positiva” para “neutra”. A nota global foi mantida em “BBB-” e o rating em escala nacional em “brAAA”. A revisão reflete a paralisação de parte das operações da siderúrgica pelo mundo, devido à pandemia de covid-19.

TIM

O conselho de administração da TIM S.A, subsidiária integral da TIM Participações, aprovou a contratação de empréstimo de até R$ 1 bilhão em moeda estrangeira a ser firmado no prazo de um ano e meio e com custo final menor ou igual a 160% do CDI.

Lojas Renner

A Lojas Renner decidiu, por tempo indeterminado, não demitir funcionários sem justa causa. A iniciativa ocorreu simultaneamente ao fechamento de todas as lojas físicas, anunciada na semana passada, por conta da epidemia do novo coronavírus.

IMC

A International Meal Company (IMC), dona de redes de restaurante como KFC, Pizza Hut e Frango Assado, demitiu nos últimos dias 30% dos funcionários do Brasil. Parte dos que permaneceram na companhia tiveram contratos suspensos ou tiraram férias.

AES Tietê

A AES Tietê voltou a cobrar da Eneva informações que considera essenciais para avaliar a proposta de combinação de negócios realizada pela geradora térmica no início de março. Conforme a empresa, essas informações — referentes à estrutura legal da transação e potenciais sinergias, por exemplo — têm sido pedidas à Eneva desde a apresentação inicial da oferta.

BB Seguridade

A BB Seguridade anunciou ontem a aprovação pela Casa Civil de Erik da Costa Breyer para a diretoria de finanças, relações com investidores e gestão das participações da companhia. Atualmente, Breyer é o diretor de mercado de capitais e infraestrutura do Banco do Brasil (BB).

NotreDame Intermédica

Os acionistas da NotreDame Intermédica aprovaram ontem o pagamento de R$ 100 milhões, a título de dividendo mínimo obrigatório do exercício de 2019.

Tegma

A Tegma informou que as operações de logística de veículos encontram-se praticamente interrompidas ou operando de maneira residual, por conta da pandemia do novo coronavírus (covid-19).

Locaweb

A Locaweb registrou no quarto trimestre um lucro líquido de R$ 6,9 milhões, um aumento de 29,8% em base anual. A receita subiu 25,8%, para R$ 105,2 milhões, e o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) subiu 37,3%, para R$ 29,5 milhões. A teleconferência está marcada para as 14h.

Eternit

A Eternit, em recuperação judicial, teve lucro de R$ 6,7 milhões no quarto trimestre, revertendo prejuízo registrado no mesmo período de 2018. A receita recuou 18,4%, para R$ 159,5 milhões, e o Ebitda foi positivo em R$ 34,3 milhões. A teleconferência está prevista para as 10h.

Grendene

O conselho de administração da Grendene aprovou ontem a criação de um novo programa de recompra de ações, que visa adquirir até 25 milhões de ações ordinárias, o equivalente a 9,2% dos papéis em circulação.

Paranapanema

A Paranapanema informou que poderá “criteriosamente” suspender as operações em suas plantas de Utinga (SP) e Serra (ES) em função da pandemia de coronavírus. A planta de Dias D’Ávila (BA) continua a operar regularmente.

Iata

A Associação Internacional de Transportes Aéreos (Iata) realiza hoje, às 13h30, entrevista coletiva para tratar da situação das companhias aéreas na América Latina.