Mercado fechado

O que você precisa saber e acompanhar nesta segunda

Gabriel Roca e Carlos Mercuri

Aqui estão as notícias para você começar o dia Aumento de casos de covid-19 pressiona ativos globais

Francisco Seco/AP

As ações globais operam em queda acentuada nesta segunda-feira, na esteira de relatos de casos crescentes de covid-19 nos Estados Unidos e de um novo surto em Pequim e em Tóquio. O cenário eleva as preocupações dos investidores sobre o impacto econômico da pandemia. Os mercados europeus e os futuros dos EUA abriram a semana com quedas significativas, após grandes perdas na Ásia, que foram também motivadas por dados de varejo e indústria da China aquém do esperado. Por volta de 8h20, o índice Stoxx Europe 600 operava em queda de 0,8%, com destaque para a pressão sobre as ações da BP, que apresentou uma previsão sombria para o setor de petróleo e gás. Os futuros apontam abertura em queda de cerca de 2% em Nova York. O índice do dólar DXY cedia levemente (-0,1%), aos 97,195 pontos, enquanto subia frente às moedas emergentes. As commodities apresentavam um começo de sessão negativo, com o petróleo perdendo 1% em Londres e 2% em Nova York. No Brasil, os agentes vão repercutir com a confirmação da saída de Mansueto Almeida, secretário do Tesouro, da equipe econômica de Paulo Guedes. O dia, portanto, tende a estender as perdas vistas na bolsa no fim da semana passada, quando os investidores aproveitaram o aumento de cautela global para realização de lucros após o rali recente.

FGV informa prévia do Indicador de Incerteza da Economia de junho

O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre-FGV) informa nesta manhã a prévia do Indicador de Incerteza da Economia Brasil (IIE-Br) de junho. O IIE-Br caiu 20,2 pontos em maio de 2020, para 190,3 pontos, após acumular alta de 95,4 pontos no bimestre março-abril. Em maio, os dois componentes do Indicador de Incerteza trilharam caminhos opostos. O componente de Mídia, recuou 24,2 pontos, para 171,1 pontos, segundo maior nível da série histórica, contribuindo em 21,1 pontos para a queda do índice geral no mês. O componente de Expectativas continuou subindo, agora em 4,3 pontos, para 230,1 pontos, segundo maior nível da série ficando atrás apenas de outubro de 2002 (257,5 pontos), com contribuição de 0,9 ponto para o comportamento do IIE-Br.

FGV divulga Indicador do Comércio Exterior de maio

O Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV/Ibre) divulga nesta manhã o Indicador do Comércio Exterior (Icomex) de maio. O saldo da balança comercial foi de US$ 6,7 bilhões em abril, um bilhão acima do resultado de abril de 2019. No acumulado do ano, porém, o resultado até abril em 2020 no valor de US$ 11,8 bilhões foi inferior ao de igual período de 2019. O melhor desempenho da balança mensal, na comparação entre os meses de abril de 2019 e de 2020, é explicado pela queda mais acentuada das importações (-14,8%) em relação às exportações (-5,0%). Os índices do Icomex permitem uma análise mais detalhada dos fluxos de comércio. Em volume, as exportações cresceram 0,3% e as importações caíram 7,6% entre os meses de abril de 2019/2020.

Projeção para PIB de 2020 tem 18ª queda seguida, para -6,51%

A mediana das projeções do mercado para o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro em 2020 voltou a cair, de -6,48% para -6,51%, no Relatório Focus, do Banco Central (BC), divulgado hoje com estimativas coletadas até a última sexta-feira. O corte, 18º consecutivo na sondagem semanal do BC, reflete as mudanças nas expectativas anunciadas por bancos, corretoras, gestoras de recursos e consultorias nas últimas semanas, após o aumento dos receios quanto aos efeitos da pandemia de covid-19, causada pelo novo coronavírus, na economia. Algumas instituições já projetam retração de 5% ou maior para o PIB brasileiro em 2020.

IBGE informa Pesquisa Mensal de Comércio de abril

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informa, às 9h, a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) de abril. A estimativa média de instituições financeiras e consultorias ouvidas pelo Valor Data é de queda de 11,7% no volume de vendas no varejo restrito (que não inclui automóveis e material de construção) em relação a março, feitos os ajustes sazonais, e de 21,3% no ampliado. No confronto com o mesmo período do ano passado, as estimativas são de queda de 13% e de 30,1%, respectivamente. Em março, as vendas no varejo restrito recuaram 2,5% em relação a fevereiro (série com ajuste sazonal). Já no varejo ampliado, o volume de vendas recuou 13,7% em relação a fevereiro.

IBGE comunica Pnad Covid-19 referente a maio

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) comunica, às 9h, a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Covid19 referente ao mês de maio. Realizada em parceria com o Ministério da Saúde, a pesquisa quantifica as pessoas com sintomas de covid-19 e os impactos da pandemia no mercado de trabalho. É feitra por telefone em 193,6 mil domicílios distribuídos em 3.364 municípios de todos os Estados do país.

Secint apresenta balança comercial da segunda semana de junho

A Secretaria Especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais (Secint) apresenta, às 15h, o resultado da balança comercial da segunda semana de junho. A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 1,787 bilhão na primeira semana de junho. O valor resulta de exportações de US$ 4,207 bilhões e importações de US$ 2,419 bilhões no período. No ano, as exportações totalizam US$ 88,724 bilhões e as importações, US$ 71,365 bilhões, com saldo positivo de US$ 17,359 bilhões.

Fed de Nova York anuncia índice Empire State de junho

O Federal Reserve de Nova York anuncia, às 9h30 (de Brasília), o índice Empire State de atividade manufatureira da região de Nova York de junho. Em maio, o índice estava em -48,5 e a expectativa é de -30.

Presidente e diretor clínico do Grupo Fleury falam na Live do Valor

A Live do Valor desta segunda-feira, dia 15 de junho, é com o presidente do Grupo Fleury, Carlos Marinelli, e com o infectologista e diretor clínico do Grupo Fleury, Celso Granato. A entrevista será conduzida por Beth Koike, repórter da área de saúde do Valor Econômico, e poderá ser acompanhada pelo site e pelas páginas do Valor no YouTube e no LinkedIn.

BP anuncia baixa bilionária e corte de produção

A britânica BP anunciou que irá fazer uma baixa contábil entre US$ 13 bilhões e 17,5 bilhões nos segundo trimestre que poderá reduzir a produção de petróleo e gás por causa dos preços mais baixos e da demanda mais fraca com a pandemia. As ações da empresa e de outras produtoras estão em queda.

CCR elege novo diretor-presidente

O conselho de administração da CCR elegeu hoje Marco Antônio Souza Cauduro como novo diretor-presidente da companhia. Ex-diretor-presidente da Log-In, ele assumirá o cargo em 6 de julho. A CCR anunciou no ano passado a saída de Vianna. Com 25 anos na empresa, ele assumiu como diretor-presidente em 31 de julho de 2018, em meio a denúncias que vieram à tona com a delação do doleiro Adir Assad. Vianna entrou no lugar de Renato Vale, executivo que havia comandado o grupo desde a fundação da empresa e se tornou delator da Lava-Jato.

Petrobras começa fase vinculante de venda de fatia em eólicas

A Petrobras deu início à fase vinculante referente à venda conjunta, com a Wobben Windpower, da totalidade de suas ações (51% Wobben e 49% Petrobras) nas empresas Eólica Mangue Seco 3 e Eólica Mangue Seco 4, proprietárias de usinas de geração de energia eólica.

S&P mantém rating da Sabesp, mas reduz perspectiva

A agência de classificação de riscos S&P Global reduziu a perspectiva da Sabesp de estável para negativa, mantendo os ratings em escala global e nacional em “BB-” e “brAAA”, respectivamente.

BR Malls retoma operação de mais shoppings

A BR Malls retomou a operação de mais sete shoppings centers de seu portfólio na quinta e sexta-feira, totalizando 20 unidades reabertas. Os shoppings reabertos representam 65,3% da área bruta locável (ABL) total e 75,3% da ABL própria da companhia, e representaram 72,3% do resultado operacional líquido (NOI) em 2019.

Hypera informa mudança no bloco de controle

A Hypera informou que Claudio Bergamo dos Santos, ex-presidente da companhia, deixou o bloco de controle da companhia, desvinculando do acordo de acionista a totalidade das ações da companhia detidas por ele, cerca de 0,6% das ações ordinárias.

Conselho da Smiles elege diretor financeiro e de RI

O conselho de administração da Smiles elegeu, na sexta-feira, Hugo Reis de Assumpção para o cargo de diretor financeiro e de diretor de relações com investidores.

Unidas conclui aquisição da Zetta Frotas

A Unidas concluiu a aquisição da Zetta Frotas, anunciada em abril, após a obtenção das aprovações regulatórias e a assinatura do termo de fechamento da operação.

Oi divulga resultado do primeiro trimestre

A Oi divulgará hoje, após o fechamento do pregão, os resultados do primeiro trimestre, junto com o aditamento ao plano de recuperação judicial.