Mercado fechado

O que você precisa saber e acompanhar nesta quinta

Aqui estão as notícias para você começar o dia Lucro da Suzano cai 61% e empresa cancela dividendos

lucro líquido da Suzano de outubro a dezembro de 2019 recuou 61% em base anual, para R$ 1,1 bilhão. A empresa continuou sentindo o peso da forte desvalorização dos preços da matéria-prima. A administração da companhia comentará o resultado durante evento marcado para hoje, em São Paulo, a partir das 10h30. Em entrevista ao Valor, o presidente da Suzano, Walter Schalka, disse que a empresa está reforçando a política de conservadorismo financeiro, tendo em vista o cenário mais ácido para a celulose, e não pagará dividendos relativos a 2019. A Suzano informou ainda que as sinergias geradas pela fusão com a Fibria serão maiores do que o inicialmente projetado. Agora, a companhia avalia que as sinergias operacionais ficarão entre R$ 1,1 bilhão e R$ 1,2 bilhão, antes de tributos, em base recorrente a partir de 2021.

Ana Paula Paiva/Valor

IBGE divulga Pesquisa Mensal de Serviços de dezembro

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga, às 9h, a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) de dezembro. Em novembro, o setor de serviços no Brasil mostrou ligeira variação negativa (-0,1%) frente ao mês anterior, após crescimento acumulado de 2,2% entre setembro e outubro. Na série sem ajuste sazonal, contudo, o total do volume de serviços avançou 1,8% em novembro de 2019 frente a igual mês do ano anterior, alcançando a terceira taxa positiva consecutiva.

BB tem lucro ajustado 20,3% maior no 4º trimestre de 2019, de R$ 4,6 bi

O Banco do Brasil (BB) obteve lucro líquido ajustado de R$ 4,625 bilhões no quarto trimestre de 2019, resultado 20,3% superior ao obtido pela instituição no mesmo período do ano anterior. Ante o terceiro trimestre, o crescimento foi de 1,8%. O resultado ficou levemente acima da previsão dos analistas ouvidos pelo Valor, de R$ 4,576 bilhões no período. O lucro líquido contábil somou R$ 5,694 bilhões entre outubro e dezembro de 2019, alta anual de 49,7%. No ano fechado de 2019, o BB teve lucro ajustado de R$ 17,848 bilhões, com avanço de 32,1%.

Comissão do Senado sabatina indicado a embaixada em Washington

O diplomata Nestor Forster, indicado para assumir a embaixada do Brasil em Washington, será sabatinado na Comissão de Relações Exteriores do Senado. Sessão terá início às 10h e o embaixador Hermano Telles Ribeiro, indicado para o Líbano, também tem a sabatina agendada.

Cade acolhe recurso do MPF contra fusão Boeing-Embraer

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) acolheu ontem um recurso do Ministério Público Federal (MPF) contra a decisão da área técnica do órgão antitruste que aprovou a parceria entre as fabricantes de jatos Boeing e Embraer.

Totvs reverte prejuízo e volta ao lucro

A Totvs registrou no quarto trimestre um lucro líquido consolidado de R$ 54 milhões, revertendo o prejuízo de R$ 41,7 milhões registrado no mesmo período de 2018, quando as operações descontinuadas registraram uma perda de R$ 76 milhões. A teleconferênci a está marcada para hoje, às 10h30. A empresa informou ainda que convocou assembleia geral extraordinária para abril para discutir o desdobramento das ações na proporção de três papéis ordinários para cada ativo da mesma espécie.

Duratex tem lucro no 4º trimestre

A Duratex reverteu o prejuízo líquido de R$ 141,9 milhões do quarto trimestre de 2018 e registrou lucro líquido de R$ 284,7 milhões de outubro a dezembro do ano passado. A teleconferência está marcada para hoje, às 10h. A empresa informou ainda que o conselho de administração da Duratex aprovou pagar em 28 de fevereiro os juros sobre capital próprio (JCP) declarados em reunião realizada em 11 de dezembro.

Fundador da Hypera é denunciado pelo MPF

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou ontem o fundador e acionista da farmacêutica Hypera, João Alves de Queiroz Filho e seus ex-executivos Nelson José de Mello, Carlos Roberto Scorsi e Sílvio Tadeu Agostinho. Na denúncia, o MPF os coloca como suspeitos de integrar esquema para favorecer os interesses do grupo farmacêutico no Senado Federal, entre 2013 e 2015.

Eletrobras vai demitir 68 funcionários até abril

A Eletrobras confirmou ontem ao Valor que prevê demitir 68 funcionários até abril deste ano. Desse total, serão desligados 61 funcionários da subsidiária Eletronorte e sete da própria holding.

Banco Inter tem lucro 16% maior

O Banco Inter teve um lucro líquido de R$ 81,6 milhões em 2019, um crescimento de 16% frente ao ano anterior, com avanço das receitas das operações de crédito e da prestação de serviços. A teleconferência está prevista para hoje, às 11h.

Azul terá novos voos

A empresa vai adicionar quatro novos voos diários e regulares, a partir de 11 de junho, de Curitiba a Guarulhos (SP) e a Porto alegre.

Guararapes fecha acordo com a Carter’s

A controlada Lojas Riachuelo celebrou um acordo de licença com a americana Carter’s, comerciante de roupas e produtos para bebês e crianças, para operar com exclusividade a marca Carter’s no país pelo prazo inicial de dez anos.

Credores de Viracopos se reúnem

Os credores do aeroporto de Viracopos se reúnem hoje, às 14h, em Campinas (SP), para discutir um plano para devolução da concessão.