Mercado fechará em 4 h 30 min
  • BOVESPA

    108.289,38
    +910,46 (+0,85%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    42.267,20
    +362,14 (+0,86%)
     
  • PETROLEO CRU

    43,82
    +0,76 (+1,76%)
     
  • OURO

    1.803,00
    -34,80 (-1,89%)
     
  • BTC-USD

    19.186,48
    +734,52 (+3,98%)
     
  • CMC Crypto 200

    379,31
    +17,89 (+4,95%)
     
  • S&P500

    3.605,52
    +27,93 (+0,78%)
     
  • DOW JONES

    29.896,02
    +304,75 (+1,03%)
     
  • FTSE

    6.413,41
    +79,57 (+1,26%)
     
  • HANG SENG

    26.588,20
    +102,00 (+0,39%)
     
  • NIKKEI

    26.165,59
    +638,22 (+2,50%)
     
  • NASDAQ

    11.955,00
    +49,75 (+0,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3797
    -0,0606 (-0,94%)
     

O que você precisa saber e acompanhar nesta quarta

·4 minuto de leitura

Aqui estão as notícias para você começar o dia Reprodução/Facebook/@localizahertz Lucro da Localiza sobe 59%, puxado por vendas de seminovos O lucro líquido da Localiza no terceiro trimestre chegou a R$ 325,5 milhões, alta de 59% ante igual período do ano passado. A receita líquida foi de R$ 3,07 bilhões, alta de 19%. Do total, R$ 1,02 bilhão corresponde aos aluguéis, alta de 2% no comparativo anual. A receita líquida de seminovos cresceu quase 30%, para R$ 2,04 bilhões. A companhia tem teleconferência com analistas às 12h. Copom anuncia decisão de taxa Selic O Comitê de Política Monetária anuncia, a partir das 18h, a decisão sobre a taxa básica de juros da economia brasileira, a Selic, atualmente em 2% ao ano, a ser praticada até 9 de dezembro. Pesquisa conduzida pelo Valor na semana passada mostrava que todas as 76 instituições financeiras e consultorias ouvidas esperavam manutenção da Selic em 2% ao ano. Dona da Vivo tem alta de 25% no lucro A Telefônica Brasil, controladora da Vivo, registrou alta de 25% no lucro no terceiro trimestre, para R$ 1,21 bilhão. A receita líquida caiu 2,3% no terceiro trimestre, para R$ 10,79 bilhões, no comparativo anual. O custo de vendas cresceu 6,7%, para R$ 5,85 bilhões. A empresa tem teleconferência com analistas às 10h. Raia Drogasil vê lucro cair 66% A Raia Drogasil registrou lucro de R$ 154,7 milhões no terceiro trimestre, queda de 66% em relação ao mesmo período do ano passado. A receita subiu de 11%, para R$ 5,09 bilhões, beneficiada pelo crescimento de medicamentos sem prescrição e higiene e perfumaria. Carrefour tem crescimento de 27% nas vendas brutas O Carrefour Brasil informou, em prévia operacional do terceiro trimestre, crescimento de 27% nas vendas brutas totais, para R$ 19,28 bilhões, na comparação anual. O número inclui as vendas de gasolina. Excluindo gasolina, as vendas brutas somam R$ 18,76 bilhões, alta de 30%. Por segmento, o Atacadão obteve crescimento de 31% nas vendas brutas de julho a setembro, para R$ 13,54 bilhões. Já o braço de varejo, excluindo gasolina, registrou crescimento de 26%, para R$ 5,21 bilhões. Já no varejo, o avanço nas mesmas lojas foi de 27%. Cielo reverte prejuízo e lucra R$ 100 milhões A Cielo revertou o primeiro prejuízo desde que abriu capital, para um lucro líquido de R$ 100,4 milhões no terceiro trimestre. Comparado ao mesmo período de 2019, porém, o resultado representa recuo de 71,5%. O lucro foi abaixo da média projetada pelos analistas ouvidos pelo Valor, que esperavam o montante de R$ 109 milhões. O volume financeiro transacionado teve queda de 3,6% na mesma base, para R$ 165,6 bilhões. Novartis tem queda de 5% no lucro A farmacêutica Novartis registrou lucro líquido de US$ 1,93 bilhão no terceiro trimestre deste ano, queda de 5% na comparação com os US$ 2,04 bilhões registrados no mesmo período de 2019. O lucro por ação recuou 6%, de US$ 0,90 no terceiro trimestre do ano passado para US$ 0,85. Já a receita de vendas somou US$ 12,25 bilhões, pouco acima dos US$ 12,17 bilhões do mesmo período de 2019. Smiles vê lucro cair 66% A Smiles, empresa de programa de fidelidade da Gol, encerrou o terceiro trimestre com um lucro líquido de R$ 50,2 milhões, resultado 66% abaixo do ganho registrado no mesmo período de 2019. A companhia associou a queda no lucro aos efeitos da pandemia de covid-19. A receita líquida teve redução de 52%, para R$ 133,9 milhões. No terceiro trimestre, a Smiles registrou acúmulo de 20,1 milhões de milhas, o que representou queda de 24,2% ante o ano passado e crescimento de 45,7% em relação ao segundo trimestre. A companhia realiza teleconferência com analistas às 11h. Microsoft tem alta de 30% no lucro A Microsoft registrou lucro de US$ 13,89 bilhões no primeiro trimestre fiscal (encerrado em setembro), alta de 30%, na comparação anual. A receita da companhia avançou 12% no período, para US$ 37,15 bilhões, impulsionada pelo crescimento no segmento de serviços. Por segmento, a companhia registrou alta de 11% na receita da divisão de produtividade e processos de negócios, crescimento de 20% em nuvem inteligente, e de 6% em computação pessoal. Cofundador do Quinto Andar participa de live do Valor O cofundador do QuintoAndar Gabriel Braga participa, às 11h, de live do Valor, abordando temas como o panorama do setor imobiliário e dos negócios da startup com a pandemia, além de tendências de negócios e tecnologia. Petrobras acerta com Shell e Petrogal compra de plataforma A Petrobras assinou um acordo de compromisso com a Shell e Petrogal, suas sócias no campo de Tupi, no pré-sal da Bacia de Santos, para compra da plataforma P-71. Ao todo, a estatal pagará US$ 353 milhões pela unidade, que seria originalmente alocada no campo de Tupi, mas que será deslocada para o projeto de Itapu. O valor do negócio corresponde à parcela dos sócios na P-71. A Shell detém 25% do consórcio e a Petrogal mais 10%. O acordo ainda está sujeito a condições precedentes relacionadas a marcos no avanço físico da plataforma.