Mercado fechado

O que você precisa saber e acompanhar nesta terça

·3 minutos de leitura

Aqui estão as notícias para você começar o dia Divulgação Petrobras adia venda de participação na BR A Petrobras vai esperar para vender sua participação na BR Distribuidora até o ano que vem. A expectativa é que a ação da BR melhore seu desempenho na bolsa, refletindo a expansão das operações e o corte de custos. Neste ano, o papel acumula queda de 28%, enquanto o Ibovespa cai 16%. Ultra e Raízen têm interesse na Repar A Ultrapar confirmou na noite de ontem que continua na disputa pela Refinaria Presidente Getúlio Vargas (Repar), da Petrobras. Mais cedo, a Petrobras havia informado que a Ultrapar é uma das três participantes do processo de venda da Repar, juntamente com consórcio liderado pela Raízen e pela companhia chinesa Sinopec, que já teria abandonado a disputa. Tesouro informa relatório bimestral de receitas e despesas A Secretaria do Tesouro Nacional informa, às 10h, o Relatório Bimestral de Avaliação de Receitas e Despesas Primárias do quarto bimestre de 2020. No relatório do terceiro bimestre, o governo ajustou sua projeção de resultado primário para um déficit de R$ 787,4 bilhões. Em maio, a projeção era de R$ 540,5 bilhões. Em meio a sinais de uma queda menos profunda do que o esperado, o governo manteve em –4,7% a previsão oficial para o crescimento da economia. A taxa Selic média ficou estimada em 2,6%, enquanto a taxa de câmbio médio ficou em R$ 5,10. O preço do barril de petróleo foi projetado em US$ 41,90. Presidente do Federal Reserve depõe à Câmara dos Deputados O presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, presta depoimento à Câmara dos Deputados dos EUA às 11h (de Brasília). STF prossegue audiência sobre o Fundo Clima O Supremo Tribunal Federal (STF) retoma, às 9h, a audiência sobre o Fundo Clima. Serão ouvidos membros da academia e do setor financeiro, começando por Armínio Fraga e Ricardo Abramovay; e representantes de empresas como Natura, Companhia Vale do Rio Doce e Suzano Papel e Celulose. Totvs acusa comitê da Linx A Totvs acusou o comitê especial independente constituído pelo conselho de administração da Linx de estar retardando a análise de combinação dos negócios da duas empresas feita pela Totvs com o objetivo de favorecer a Stone. Livraria Cultura pode falir nos próximos dias A maioria dos credores da Livraria Cultura rejeitou alterações no plano de recuperação judicial da companhia, o que pode levá-la à falência nos próximos dias. Em junho, a rede havia apresentado um aditamento ao plano aprovado em 2019, alegando que, por conta da pandemia, que fechou suas lojas, não estava conseguindo cumprir com as obrigações assumidas. Maksoud Plaza pede recuperação O Maksoud Plaza entrou ontem com pedido de recuperação judicial na Justiça de São Paulo. O pedido envolve dívidas da ordem de R$ 120 milhões, incluindo dívidas trabalhistas e demais credores. As dívidas tributárias, estimadas em R$ 400 milhões, ficaram fora do processo. Novaes renuncia ao cargo no Banco do Brasil O Banco do Brasil anunciou que o presidente Rubem de Freitas Novaes renunciou ao cargo, com efeito já a partir desta terça-feira. TST manda acabar greve dos Correios A Seção Especializada em Dissídios Coletivos do Tribunal Superior do Trabalho (TST) determinou ontem que os profissionais dos Correios encerrem a paralisação e voltem a operar hoje, sob pena de multa diária de R$ 100 mil. A decisão se deu após a resolução judicial do conflito entre os grevistas e a direção da estatal B3 vai pagar JCP A B3 anunciou o pagamento de R$ 302 milhões em juros sobre capital próprio, equivalente ao valor bruto de R$ 0,1477 por ação e valor líquido de R$ 0,1256. O crédito será feito em 7 de outubro para acionistas posicionados em 24 de setembro.