Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,39 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,98
    +1,48 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    60.984,24
    +87,77 (+0,14%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,69 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.324,00
    -154,75 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

O que é esse tal de NFT? Conheça os mais caros do mundo

·3 minuto de leitura

Talvez ao ler o título dessa matéria, você tenha se perguntando o que significa NFT. De forma literal, NFT é a sigla em inglês para “non-fungible tokens”, ou tokens não fungíveis no bom português. Ainda parece complexo? Vamos simplificar. Os NFTs são uma espécie de certificado de autenticidade digital que conferem à uma arte, um meme, uma música ou até o primeiro tweet da história, o valor de originalidade e dão aos seus detentores o direito e a propriedade digital. 

Ou seja, esse sistema de certificação garante que determinado arquivo ou fotografia sejam únicos no mundo digital, podendo ser multiplicados apenas com a autorização do autor ou criador.

Como no mundo físico dos colecionadores de obras de arte, os NFTs hoje movimentam milhões de dólares com artigos raros e colecionáveis que são leiloados sob a certificação digital. Só no primeiro trimestre de 2021, esse mercado movimentou mais de US$ 2 bilhões (R$ 10,7 bilhões). As cifras milionárias que acompanham algumas vendas de NFTs tem atraído cada vez mais investidores que vêem nessa nova era de comercialização, uma fonte promissora para investir. Quer saber quais são os 6 NFTs mais caros do mundo? Confira a lista:

  1. CryptoPunk 3100

  2. Everydays: the First 5000 days

  3. CryptoPunk #7804

  4. Crossroads

  5. Ocean Front

  6. Código original da World Wide Web

CryptoPunk 3100

O exemplar vendido é o CryptoPunk 3100. Foto: Reprodução/Internet.
O exemplar vendido é o CryptoPunk 3100. Foto: Reprodução/Internet.

CryptoPunks são colecionáveis digitais de arte cripto. Existem 10.000 pequenos punks de 8 bits, cada um com uma característica própria e única. O CryptoPunk 3100 é um alien com uma bandana na cabeça e é hoje o NFT mais caro da história. Ocupava o segundo lugar quando foi comprado em março deste ano por US$ 7,58 milhões (R$ 40,1 milhões na cotação atual) e agora está à venda novamente por uma bagatela de US$ 90,5 milhões (R$ 481,8 milhões).

Everydays: the First 5000 Days

Everydays: the First 5000 Days.
Everydays: the First 5000 Days.

O artista Mike Winkelmann, conhecido como Beeple fotografou todos os dias, de 1º de maio de 2007 a 7 de janeiro de 2021. Todas as fotografias feitas ao longo desses 5000 dias, criaram “Everydays: the First 5000 Days”. A obra de arte até março de 2021 era o NFT mais caro, no valor de US$ 69 milhões (R$ 369,4 milhões), ocupando atualmente o segundo lugar.

CryptoPunk #7804

CryptoPunk #7804.
CryptoPunk #7804.

Mais um CryptoPunk na lista, os punkzinhos pixelados e caríssimos NFTs. O projeto foi criado pela Larva Labs, trazendo personagens em um estilo que mistura o punk com retrô. O CryptoPunk #7804 (a hashtag refere-se a sua numeração dentre os 10 mil criptopunks), foi vendido por US$ 7,5 milhões (R$ 40,1 milhões) tornando-se a terceira arte digital mais cara da história.

Crossroads

Crossroads.
Crossroads.

Mais uma vez a presença do artista Beeple entre os NFTs mais caros, “Crossroads” é uma obra que foi criada durante as últimas eleições americanas. Dois vídeos foram criados pelo artista, que seriam lançados conforme o resultado final das eleições. Com a derrota de Trump, o vídeo em que mostra o ex-presidente caído no chão foi o NFT oficial vendido por US$ 6,6 milhões (R$ 35,3 milhões).

Ocean Front

Ocean Front.
Ocean Front.

E parece que o artista Beeple é o novo milionário da onda de vendas de NFTs. Isso porque outra obra sua, a “Ocean Front” foi vendida por US$ 6 milhões (R$ 32,1 milhões), sendo o 5º NFT mais cara até o momento. A obra pretende transmitir o atual desafio da humanidade diante das mudanças climáticas na Terra.

Código original da World Wide Web

World Wide Web.
World Wide Web.

Criado e assinado por Tim Berners-Lee (pensou que era obra do Beeple de novo, né?), o NFT do código-fonte original da World Wide Web foi arrematado no leilão de Sotheby’s por US$ 5,4 milhões (R$ 28,9 milhões). Além do código, estava incluso no NFT o arquivo original do código-fonte escrito entre outubro de 1990 e agosto de 1991 com registro de data e hora. Há também uma carta de Berners-Lee escrita em junho de 2021 explicando o processo de criação do código.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos