Mercado abrirá em 8 h 8 min
  • BOVESPA

    108.402,27
    +1.930,35 (+1,81%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.354,86
    +631,43 (+1,35%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,54
    -0,22 (-0,24%)
     
  • OURO

    1.801,80
    -3,40 (-0,19%)
     
  • BTC-USD

    23.869,43
    +537,91 (+2,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    557,74
    +14,86 (+2,74%)
     
  • S&P500

    4.140,06
    -5,13 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    32.832,54
    +29,07 (+0,09%)
     
  • FTSE

    7.482,37
    +42,63 (+0,57%)
     
  • HANG SENG

    20.228,71
    +182,94 (+0,91%)
     
  • NIKKEI

    27.972,80
    -276,44 (-0,98%)
     
  • NASDAQ

    13.213,25
    +30,00 (+0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2117
    +0,0023 (+0,04%)
     

O que acontece se uma pessoa beber água salgada?

Já é senso comum a informação de que a água do mar é imprópria para consumo. Mas você já parou para pensar no por quê? O que acontece, afinal, se uma pessoa beber água salgada? Acontece que os rins de um ser humano são incapazes de administrar essa alta quantidade de sal.

A National Oceanic and Atmospheric Administration afirma que a salinidade da água do mar é muito alta para os humanos processarem com segurança, pois as células precisam de água em uma forma relativamente pura. O mesmo não acontece necessariamente com os animais: em muitas espécies os rins filtram as impurezas da água.

Na prática, os rins dissolvem as impurezas no excesso de água, que é então enviada para a bexiga para ser eliminada. Entretanto, os rins só podem produzir urina menos salgada que o nosso sangue, e a água salgada contém mais de três vezes a quantidade de sal do que o sangue humano. Isso quer dizer que a água salgada é incapaz de saciar a sede. Pelo contrário: deixa com mais sede ainda.

Animais podem beber água salgada?

Os rins não conseguem filtrar direito a água do mar, que é mais salgada que o sangue humano (Imagem: leungchopan/envato)
Os rins não conseguem filtrar direito a água do mar, que é mais salgada que o sangue humano (Imagem: leungchopan/envato)

Alguns animais são adaptados para beber água salgada com segurança. É o caso de aves como albatrozes, gaivotas e pinguins, que podem passar semanas em mar aberto, sem água doce. Elas têm glândulas em seus bicos que filtram o excesso de sal da água ingerida antes que ela atinja o estômago e seja absorvida no sangue.

Mas a característica não é exclusiva das aves: alguns mamíferos, como baleias, golfinhos e focas também desenvolveram adaptações que permitem a ingestão de água salgada sem que lhes faça mal, eliminando o excesso de sal de seus organismos.

Os cientistas teorizam que a maioria de nossos ancestrais não foi exposta à água salgada, sejam animais em geral, primatas ou insetívoros. Com isso, a seleção natural aperfeiçoou o processamento de água sem sal, e nossa fisiologia não pôde lidar com a água do mar da mesma forma que essas outras espécies que evoluíram sempre cercadas pelo oceano.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos