Mercado fechado

O que é realidade virtual? Conheça esta tecnologia que pode mudar o mundo

Ariane Velasco

Realidade virtual é, como o nome já indica, um ambiente virtual no qual o usuário pode se inserir como se estivesse mesmo ali, mas tudo não passa de um sistema computacional. A tecnologia induz efeitos visuais e sonoros, permitindo total imersão no ambiente simulado virtualmente. O usuário pode interagir ou não com o que vê ao seu redor, dependendo das possibilidades do sistema utilizado.

Ao longo dos anos e com a evolução da tecnologia, a realidade virtual ganhou nuances diferentes. Hoje, por exemplo, ela tem como base displays estereoscópicos (tais como os populares headsets, óculos especiais para exibir o ambiente simulado), que servem como o meio pelo qual o usuário se conecta com o mundo virtual. No entanto, sua história é bem mais complexa do que isso, conforme você poderá ver a seguir.

Realidade virtual: variações do conceito ao longo dos anos

Os primeiros usos do conceito de realidade virtual (embora não como a conhecemos hoje) datam do ano de 1938, quando o autor francês Antonin Artaud usou o termo em seu livro Le Théâtre et son double, sugerindo um teatro onde “a ilusão de personagens (...) criava uma realidade virtual”. Ainda, os monóculos com imagens de pontos turísticos, simulando efeito 3D,  já buscavam “transportar” pessoas para outros lugares, o que prova que essa vontade de se “teletransportar” existe há bastante tempo no imaginário do ser humano.

Capa de "Le Théâthre et son double", de Antonin Artaud (Imagem: Divulgação)

Myron Krueger e a “realidade artificial”, que antecedeu a realidade virtual

Nos anos 1970, Myron Krueger, artista digital responsável por desenvolver algumas das primeiras instalações interativas, já utilizava o termo “realidade artificial” em seus estudos de combinação entre computadores e outros sistemas de vídeo. Já o termo “realidade virtual” tal como é conhecido atualmente é creditado como de autoria de Jaron Lanier, fundador da VPL Research Inc. quando, no início dos anos 1980, ele o utilizou para diferenciar as simulações tradicionais realizadas por computadores de simulações envolvendo múltiplos usuários, em um ambiente compartilhado (tal como ocorrem em jogos que usam a realidade virtual).

Jaron Lanier, responsável pelo termo "Realidade Virtual" (Foto: Divulgação/Veja)

Óculos de realidade virtual: como eles funcionam?

É comum que esse questionamento surja quando nos deparamos com os famosos óculos (ou headsets) de realidade virtual. Como, para forjar a realidade, uma imagem plana não bastaria, a realidade virtual cria uma ilusão de profundidade através da estereoscopia, onde duas imagens diferentes são geradas, uma para cada olho. Assim, o cérebro interpreta que as duas são uma só, o que forja a sensação de realidade.

Essa tecnologia de realidade virtual, que começou com fotos, pode ser também usada em filmes e outros ambientes tridimensionais gerados no computador (como é o caso dos games). Mas a tecnologia usada pela realidade virtual não para por aí: além de criar essa ilusão para o cérebro, os óculos mais modernos permitem que o cenário interaja com o movimento da cabeça do usuário. Assim, diferente dos óculos 3D do cinema, a visão é completamente sobreposta, o que faz com a imagem não permaneça estática em um ponto, mas acompanhe completamente qualquer movimentação do usuário, que pode ter uma visão completa do ambiente no qual está virtualmente inserido.

Óculos de realidade virtual (Foto: Divulgação)

Realidade virtual hoje em dia

O termo “realidade virtual” está ainda mais difundido nos anos 2010, parte graças a produtos como o Oculus Rift ou o Samsung Gear VR. Além disso, os jogos têm contribuído muito para a popularização da tecnologia,uma vez que contam com estações como a Virtualizer, da Cyberith, que permitem ao jogador sentir-se, literalmente, dentro do game.

Além dos games, no entanto, a realidade virtual é empregada em diversas outras funções, como em treinamentos para soldados no exército estadunidense. Psicólogos também utilizam óculos de realidade virtual para tratar fobias em pacientes, prática que vem mostrando resultados positivos. E treinamentos diversos vêm sendo feitos em realidade virtual, protegendo a integridade física dos indivíduos enquanto eles realizam as ações no ambiente simulado.

Psicóloga usando óculos de realidade virtual para tratar fobia (Foto: Raphael Feitoza/eurio.com.br)

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: