Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.923,93
    +997,93 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,23 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,59
    +1,61 (+2,01%)
     
  • OURO

    1.813,70
    +4,10 (+0,23%)
     
  • BTC-USD

    17.210,95
    +257,80 (+1,52%)
     
  • CMC Crypto 200

    407,51
    +6,08 (+1,52%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,88 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.556,23
    -2,26 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    18.675,35
    -61,05 (-0,33%)
     
  • NIKKEI

    27.814,97
    +37,07 (+0,13%)
     
  • NASDAQ

    11.994,50
    -15,75 (-0,13%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4984
    +0,0044 (+0,08%)
     

O que é PowerShell no Windows?

Desenvolvedores e estudantes em linguagem de programação podem aprender o que é PowerShell no Windows. Essa ferramenta utiliza linhas de comando para gerenciar e automatizar tarefas de forma prática e funcional no sistema da Microsoft.

O que é PowerShell?

O PoweShell é uma ferramenta shell criada pela Microsoft que permite acessar um número maior de serviços no sistema operacional. A sua base de operação é aceitar e retornar objetos .NET por linhas de comando e linguagem script.

A utilidade do PowerShell é tamanha que pode facilitar a vida dos usuários do Windows, ainda que não tenham domínio sobre programação. Ou seja, é possível resolver problemas e empecilhos do sistema para melhorar o seu funcionamento. O seu conglomerado de recursos inclui:

  • Histórico de linha de comando robusto;

  • Previsão de comando e conclusão da guia;

  • Suporte de comando e aliases de parâmetro;

  • Piperline para comandos de encadeamento;

  • Sistema de ajuda no console.

Além disso, o PowerShell também pode resolver problemas em versões antigas do Windows, como o XP, e ser utilizado em computadores com Linux e macOS.

Como funciona o PowerShell?

O PowerShell foi desenvolvido pela Microsoft para criar automações em um sistema operacional para resolver problemas e executar tarefas com praticidade, sem precisar lidar com todo o processo. A ferramenta possui diversos recursos e você pode criar scripts para simplificar gerenciamento de sistema e torná-lo menos repetitivo.

Ainda é possível utilizar o PowerShell para compilar, testar e implementar soluções em ambientes, geralmente de CI/CD. A linguagem de script possui os seguintes recursos:

  • Extensível por meio de funções, classes, scripts e módulos;

  • Sistema de formatação extensível para saída fácil;

  • Sistema de tipos extensível para criação de tipos dinâmicos;

  • Suporte integrado para formatos de dados como CSV, JSON e XML.

Devido à natureza extensível da ferramenta, ela possui módulos habilitados em um ecossistema que abrange quase todas as tecnologias trabalhadas pelos programadores, como Azure, Exchange, SQL, AWS, VMWare e Google Cloud.

Como usar o PowerShell?

Para começar a usar o PowerShell no seu computador com Windows, basta clicar no botão iniciar e digitar "PowerShell". Em seguida, abra o aplicativo Windows PowerShell para digitar códigos de comando e inserir tarefas automatizadas no sistema.

Alguns dos principais comandos são:

  • “get-help”: exibe a lista de tarefas básicas para ajudar o usuário e pode atualizar o programa para sua versão mais recente;

  • "“wbAdmin start backup -backupTarget:E -include:C -allCritical -quiet”: cria um backup de imagem no sistema e armazena na unidade E:;

  • "ps | sort –p ws | select –last 5": mostra 5 programas que mais estão consumindo memória no computador.

Execute linhas de comando no PowerShell para simplificar tarefas (Captura de tela: Thiago Furquim/Canaltech)
Execute linhas de comando no PowerShell para simplificar tarefas (Captura de tela: Thiago Furquim/Canaltech)

Pronto! Agora, você já sabe para que serve e como utilizar alguns dos principais comandos do PowerShell no Windows.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: