Mercado abrirá em 4 horas 1 minuto
  • BOVESPA

    112.764,26
    +3.046,26 (+2,78%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.853,37
    +392,77 (+0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,01
    -2,08 (-2,26%)
     
  • OURO

    1.799,50
    -16,00 (-0,88%)
     
  • BTC-USD

    24.052,76
    -615,41 (-2,49%)
     
  • CMC Crypto 200

    571,78
    +0,50 (+0,09%)
     
  • S&P500

    4.280,15
    +72,88 (+1,73%)
     
  • DOW JONES

    33.761,05
    +424,35 (+1,27%)
     
  • FTSE

    7.514,89
    +14,00 (+0,19%)
     
  • HANG SENG

    20.040,86
    -134,76 (-0,67%)
     
  • NIKKEI

    28.871,78
    +324,80 (+1,14%)
     
  • NASDAQ

    13.521,25
    -56,50 (-0,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1906
    -0,0129 (-0,25%)
     

“O meu mundo tinha acabado”, diz CEO sobre perrengue na Olist

Quem acompanha as notícias sobre o Olist talvez possa imaginar que o caminho para se tornar uma plataforma de soluções de e-commerce e logística avaliada em mais de US$ 1 bilhão não foi só de flores. Tiago Dalvi, CEO e fundador da startup unicórnio, confirma que empreender não é fácil e exige, além de resiliência para enfrentar os desafios, capacidade de reinvenção para conseguir crescer.

Na trajetória do Olist, Dalvi destaca um perrengue que quase prejudicou a primeira rodada institucional de captação de investimentos da startup em 2016. Na ocasião, a empresa estava crescendo cerca de 30% por semana, mas a tecnologia da plataforma, ocasionando a perda de 80% da receita por três meses. “Naquele momento, o meu mundo tinha acabado”, revela o executivo.

Olist: perrengue que quase prejudicou a primeira rodada institucional de captação de investimentos da startup em 2016. (Getty Images)
Olist: perrengue que quase prejudicou a primeira rodada institucional de captação de investimentos da startup em 2016. (Getty Images)

A solução encontrada por Dalvi e seu time foi abrir o jogo para os investidores e apresentar o plano de ação que previa a migração para uma plataforma com arquitetura condizente com a aceleração do crescimento do Olist. “E aí foi muito legal. Todos os investidores com quem estávamos conversando disseram confiar em mim e no meu time”, afirma o CEO do Olist.

De empreendedor para empreendedor

Empreendedor Endeavor, formado em administração pela Universidade Federal do Paraná e filho de empreendedores, Tiago Dalvi atua com empreendedorismo desde o início da sua carreira. A experiência no varejo fizeram o executivo conhecer as dores do mercado e os desafios da digitalização das vendas e, por consequência, se debruçar sobre soluções para viabilizar e facilitar a vida de quem quer vender produtos na internet.

Desde a fundação do Olist como uma loja de produtos artesanais em um shopping de Curitiba, Dalvi se adaptou às demandas do mercado e transformou o seu negócio em um ecossistema tecnológico que serve soluções de e-commerce e logística para mais de 100 mil Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPMEs) e marcas digitais. Em 2021, o Olist virou um unicórnio entre as startups ao ser avaliada e mais de US$ 1,2 bilhão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos