Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.564,44
    +1.852,44 (+1,57%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.399,80
    +71,60 (+0,15%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,31
    -0,38 (-0,58%)
     
  • OURO

    1.786,60
    +10,60 (+0,60%)
     
  • BTC-USD

    56.811,21
    +2.348,17 (+4,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.456,23
    +50,93 (+3,62%)
     
  • S&P500

    4.167,59
    +2,93 (+0,07%)
     
  • DOW JONES

    34.230,34
    +97,31 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.039,30
    +116,13 (+1,68%)
     
  • HANG SENG

    28.417,98
    -139,16 (-0,49%)
     
  • NIKKEI

    28.812,63
    -241,37 (-0,83%)
     
  • NASDAQ

    13.483,50
    -52,50 (-0,39%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4262
    -0,1131 (-1,73%)
     

'O importante agora é seguir em frente', diz presidente da Uefa

LANCE!
·1 minuto de leitura


Após comemorar o recuo do Manchester City em relação à Superliga Europeia, o presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, fez o mesmo com a decisão tomada pelos cinco clubes ingleses que anunciaram sua decisão posteriormente aos Cityzens. Em comunicado, o dirigente falou em "reconstruir a unidade" do futebol europeu.

+ Veja a tabela da Champions League


- O importante agora é seguir em frente, reconstruir a unidade que este esporte tinha antes e seguir em frente juntos - afirmou Ceferin.

Na terça-feira, o presidente da Uefa deixou as portas abertas para os clubes voltarem atrás em suas decisões e disse que a Superliga foi um erro.

- Esses clubes cometeram um grande erro, mas agora estão de volta, e sei que têm muito a oferecer, não só às nossas competições, mas a todo o futebol europeu - concluiu.

+ Goretzka, Haaland, Ansu Fati… Saiba os 30 jogadores que mais se valorizaram na temporada europeia

Até o momento, dez dos 12 clubes fundadores da Superliga anunciaram suas desistências. Real Madrid e Barcelona são os únicos que ainda não se pronunciaram.