Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.716,00
    -2.354,48 (-2,06%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.395,94
    -928,98 (-2,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    79,43
    -4,06 (-4,86%)
     
  • OURO

    1.651,70
    -29,40 (-1,75%)
     
  • BTC-USD

    18.941,42
    -273,12 (-1,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    434,61
    -9,92 (-2,23%)
     
  • S&P500

    3.693,23
    -64,76 (-1,72%)
     
  • DOW JONES

    29.590,41
    -486,27 (-1,62%)
     
  • FTSE

    7.018,60
    -140,92 (-1,97%)
     
  • HANG SENG

    17.933,27
    -214,68 (-1,18%)
     
  • NIKKEI

    27.153,83
    -159,30 (-0,58%)
     
  • NASDAQ

    11.388,00
    -177,50 (-1,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0976
    +0,0649 (+1,29%)
     

O futuro de The Last of Us

A pergunta sobre o tema que abre esta matéria vem sendo feita por muitos fãs da principal franquia da Sony desde 2020. Qual será o futuro de The Last of Us? O que vem por aí depois do que já está anunciado, principalmente em relação a uma continuação do game, seja acompanhando mais uma vez a continuação da história de Ellie ou com uma trama completamente nova?

Enquanto o remake do primeiro game da série chegou no começo de setembro de 2022, entre críticas quanto ao valor cobrado e elogios às melhorias gráficas, não era exatamente o que os fãs estavam esperando. Eles querem mais e, principalmente, algo inédito. Nesse sentido, as notícias não são muito boas, mas não é como se os fanáticos pela marca não tivessem motivos para olhar adiante.

Temos a chegada do multiplayer Factions 2, que deveria fazer parte do pacote de The Last of Us Parte 2, mas foi promovido a um jogo maior, e a tão aguardada adaptação que está em produção pela HBO. Com Pedro Pascal (O Mandaloriano) e Bella Ramsey (Game of Thrones) nos papéis principais, trata-se de um dos produtos de maior destaque do portfólio do canal para o futuro próximo.

Série de The Last of Us deve sair em 2023

Com uma trama que deve se aproximar do que vimos no primeiro game da série, mas com algumas modificações e eventos inéditos, o seriado da HBO ainda não tem data prevista para estrear. Entretanto, em julho, o diretor do canal, Casey Bloys, confirmou que a produção deve chegar no começo de 2023, sendo exibida tanto na televisão quanto no serviço de streaming HBO Max.

O formato de lançamento ainda não foi divulgado, mas, caso siga a tradição dos outras atrações de destaque da emissora, a série de The Last of Us deve ser lançada semanalmente, com 10 capítulos ao todo. As filmagens já foram encerradas e o primeiro teaser já foi revelado, mostrando alguns dos momentos bem conhecidos do game, um breve olhar sobre a caracterização dos dois atores principais e uma visão rápida do mundo devastado.

Pascal é Joel e Ramsey é Ellie, aparecendo ao lado de Gabriel Luna (Agentes da SHIELD) como Tommy, Anna Torv (Mindhunter) como Tess, Merle Dandridge (do próprio game) no papel de Marlene e Nick Offerman (Parks and Recreation) interpretando de Bill. Os intérpretes originais dos personagens centrais nos games, Ashley Johnson (Blindspot) e Troy Baker (Bioshock Infinite), também terão papéis inéditos na telinha.

Nomes de peso também estão na equipe de produção, o que explica a ansiedade dos fãs pelo que parece ser uma rara adaptação de games com qualidade. Neil Druckmann, diretor criativo da desenvolvedora Naughty Dog e responsável pelos dois títulos da série, é um dos showrunners ao lado de Craig Mazin, de Chernobyl.

É ele, inclusive, que dá uma luz sobre o que dá para esperar do enredo. Enquanto a ideia é, sim, ser fiel ao material original, Mazin afirma que as adições virão para preencher lacunas dos games e expandir o universo, o que inclui até mesmo conceitos descartados por Druckmann durante a produção dos jogos. Ele, porém, garante que não existirão exageros nem fugas de contexto, definindo o novo material, em entrevista à BBC, como “sério e orgânico”.

Factions 2: de modo multiplayer a jogo completo

<em>Modo multiplayer de The Last of Us Parte 2 foi "promovido" a jogo completo, com história e elementos próprios; lançamento está previsto para 2023 (Imagem: Divulgação/Sony)</em>
Modo multiplayer de The Last of Us Parte 2 foi "promovido" a jogo completo, com história e elementos próprios; lançamento está previsto para 2023 (Imagem: Divulgação/Sony)

O primeiro The Last of Us chegou às lojas em 2013 com um multiplayer que expandia o combate entre humanos no mundo devastado pelos fungos. O mesmo, porém, não pôde ser dito do segundo game, com um vácuo de informações fazendo muita gente pensar que o modo havia sido cancelado para que a Naughty Dog focasse na história. Não é o caso, e a ideia da empresa é que Factions 2 seja maior do que o imaginado.

A confirmação veio pelo próprio Druckmann, durante o Summer Game Fest que abriu a temporada de eventos do que seria a E3 de 2022. A ideia é que o modo Facções 2 agora seja um título separado e independente, com seu próprio elenco de personagens e uma história que se desenrola em meio às partidas em novas regiões dos Estados Unidos que ainda não foram vistas na franquia.

Poucos detalhes concretos foram dados pelo produtor, que apenas adiantou uma previsão de lançamento para 2023. Na única imagem divulgada, Factions 2 passa ares como o de um game de mundo aberto, com combates acontecendo nas ruas e também nos telhados, com uma grande amplitude de cenários que deve transformar a jogatina mais localizada e brutal que vimos na primeira versão.

Com dois anos em desenvolvimento e um pouco mais pela frente, a ideia é que a gente veja mais sobre o multiplayer de The Last of Us Parte 2, agora promovido a experiência individual, também no ano que vem. Fica, porém, uma pergunta não respondida: será que, assim como seu antecessor, ele chegará ao PlayStation 4 ou será lançado apenas no PlayStation 5?

The Last of Us 3 ou Parte 3?

<em>Enquanto produtor diz ter uma ideia para um The Last of Us Parte 3, game ainda não teve produção iniciada e não tem data de lançamento (Imagem: Divulgação/Sony)</em>
Enquanto produtor diz ter uma ideia para um The Last of Us Parte 3, game ainda não teve produção iniciada e não tem data de lançamento (Imagem: Divulgação/Sony)

Chegamos então à parte mais suculenta, mas também vazia, dos futuros projetos de The Last of Us. Até o momento em que esta matéria é escrita, nem a Sony nem a Naughty Dog confirmaram o desenvolvimento de uma continuação para o game. Por outro lado, há uma única informação concreta sobre isso, que veio, mais uma vez, de Druckmann.

Em abril de 2021, em entrevista ao podcast Script Apart, ele afirmou já ter um argumento e uma história para The Last of Us Parte 3, mas que o título ainda não havia entrado em produção naquele momento. Ele não deu uma estimativa de quando isso pode acontecer nem mesmo se vai, e levando em conta que a primeira sequência saiu sete anos após o jogo original, é possível que a espera seja longa.

Para muita gente, a fala do produtor também resolve uma questão que muitos vêm especulando desde a continuação. Ele escolheu falar, especificamente, “Parte 3”, o que indicaria uma possível continuação para a história de Ellie. Quem jogou o segundo game sabe que, ainda que fechada, seu destino abre espaço para novos eventos e, principalmente, uma possível jornada de redenção.

Apresentando o episódio final da minissérie sobre a temporada de eventos do Script Apart. The Last of Us Parte 2 com Neil Druckmann e Halley Gross. O diretor e co-roteirista do maior jogo de todos os tempos fala sobre suas ideias iniciais, o final oficial e AQUELA morte devastadora. Já disponível!

Além disso, há quem espere uma expansão da própria história de The Last of Us Parte 2, aos moldes do que aconteceu com o primeiro e seu DLC, Left Behind. Novamente, sem novidades concretas nessa fronte, ainda que seja possível enxergar, por exemplo, como a trama poderia ser levada adiante a partir da visão de Tommy durante os eventos do game ou, até mesmo, como uma forma de fechar a saga da própria Ellie no lugar de um título completo e em grande escala.

Enquanto isso, a própria ideia de Facções 2 pode servir como um ensaio para que a Naughty Dog leve a série a novos ares. Quem jogou sabe que, ao lado das jornadas de Ellie e Joel, muita coisa está acontecendo, com um game passado em outra região ou até mesmo país, com novos personagens e uma trama inédita, sendo um caminho possível.

Aos fãs, entretanto, só resta aguardar ansiosamente por novidades e, enquanto isso, aproveitar os produtos disponíveis ou prestes a serem lançados.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: