Mercado fechado

O Flamengo não vai renovar com Diego Alves, diz jornalista

Antonio Mota
·2 minuto de leitura

Após longa, polêmica e arrastada novela, o Flamengo decidiu que não vai renovar com o goleiro Diego Alves, e o arqueiro rubro-negro deve deixar o clube no final do ano, quando se encerra o seu contrato. Internamente, o “martelo” já foi batido.

Segundo informações do jornalista Venê Casagrande, o Rubro-Negro tomou a decisão em reunião e o motivo foi os valores pedidos pelo goleiro – R$ 700 mil por mês, em um contrato de duas temporadas.

Ídolo, Diego Alves tem contrato com o Flamengo apenas até o final do ano e não vai renovar. | Buda Mendes/Getty Images
Ídolo, Diego Alves tem contrato com o Flamengo apenas até o final do ano e não vai renovar. | Buda Mendes/Getty Images

Para além do clube, o próprio Diego Alves também não acredita em uma ampliação do vínculo, sobretudo após as eliminações precoces na Copa do Brasil e na Conmebol Libertadores.

Assim, o Flamengo deve seguir, a partir do dia 31 de dezembro de 2020, com três goleiros: Hugo, César e Gabriel Batista.

DA NOVELA

O Flamengo e Diego Alves negociam há tempos uma renovação, no entanto, os envolvidos nunca chegaram a um consenso. Em determinado momento, Bruno Spindel, diretor-executivo do clube, Eduardo Maluff, empresário do atleta, e o próprio goleiro, até entraram em acordo, mas o Departamento Financeiro do Mais Querido e o presidente Rodolfo Landim barraram o negócio. Com isso, o time e o medalhão 'se afastaram' e o veterano deve mesmo mudar de ares.

Vale notar, porém, que, caso uma das partes ceda, o acordo pode sair.

DIEGO ALVES NO FLAMENGO

Ídolo, multicampeão e líder, Diego Alves tem 155 jogos pelo Flamengo e 6 títulos, incluindo um Campeonato Brasileiro e uma Conmebol Libertadores. Ele chegou ao clube em 2017.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.