Mercado fechará em 6 h 57 min
  • BOVESPA

    119.920,61
    0,00 (0,00%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.934,91
    +535,11 (+1,11%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,23
    -0,48 (-0,74%)
     
  • OURO

    1.842,90
    +27,20 (+1,50%)
     
  • BTC-USD

    57.631,86
    +12,03 (+0,02%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.495,86
    +24,45 (+1,66%)
     
  • S&P500

    4.201,62
    +34,03 (+0,82%)
     
  • DOW JONES

    34.548,53
    +318,19 (+0,93%)
     
  • FTSE

    7.102,63
    +26,46 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.788,50
    +190,75 (+1,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3529
    -0,0137 (-0,22%)
     

O cérebro masculino é diferente do cérebro feminino?

Nathan Vieira
·2 minuto de leitura

O cérebro segue sendo o maior mistério do corpo humano, e os cientistas querem entender o seguinte: o cérebro masculino é diferente do cérebro feminino? De acordo com um estudo publicado na revista científica Neuroscience & Biobehavioral Reviews, não há diferenças significativas entre a estrutura ou atividade do cérebro de homens e mulheres, e nenhuma das supostas diferenças cerebrais explica possíveis diferenças de personalidade entre homens e mulheres.

O estudo aponta que, no geral, o tamanho total do cérebro dos homens é cerca de 11% maior do que o das mulheres, mas nenhuma área específica do cérebro é desproporcionalmente maior em homens ou mulheres, e que o tamanho do cérebro é proporcional ao tamanho do corpo: a diferença cerebral entre os sexos é, na verdade, menor do que outros órgãos internos, como coração, pulmões e rins, que variam de 17% a 25% de diferença. Assim, nenhuma região cerebral individual varia mais do que cerca de 1% entre homens e mulheres.

"As diferenças cerebrais entre homens e mulheres parecem triviais e específicas da população", aponta o estudo. Os neurocientistas há muito têm esperança de que estudos mais complexos e métodos melhores finalmente tragam descobertas em relação às diferenças entre o cérebro masculino e o cérebro feminino, mas a verdade é que, à medida que os estudos aumentaram, essas diferenças diminuíram cada vez mais.

Especialistas tentam entender a diferença entre o cérebro masculino e o cérebro feminino (Imagem: twenty20photos/envato)
Especialistas tentam entender a diferença entre o cérebro masculino e o cérebro feminino (Imagem: twenty20photos/envato)

Muitas das pesquisas sobre as diferenças do cérebro humano se concentraram na assimetria, e uma antiga afirmação é que os cérebros dos homens funcionam de uma forma mais lateralizada do que as das mulheres, por causa da conexão entre os hemisférios. No entanto, mais pesquisas foram realizadas para testar essa hipótese usando imagens estruturais e funcionais, e essa diferença acabou se mostrando irrelevante.

No lado funcional, a evidência relatada pelo estudo diz respeito a uma conectividade inter-hemisférica ligeiramente maior em mulheres. De qualquer forma, o estudo conclui que entre as poucas diferenças confiáveis, quase todas são subprodutos do tamanho do cérebro.

"Apesar das claras diferenças comportamentais entre homens e mulheres, as diferenças no cérebro são pequenas e inconsistentes. A maioria dos neurocientistas presume que essa ambiguidade será resolvida por meio de melhorias técnicas: que estudos maiores, usando imagens de maior resolução e melhores canais de processamento, irão descobrir as diferenças entre a estrutura do cérebro masculino e feminino e os padrões de conectividade. No entanto, indicamos que tal diferença relacionada ao sexo não existe", conclui a análise.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: