Mercado fechará em 38 mins
  • BOVESPA

    111.311,83
    -761,72 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    54.533,19
    -485,72 (-0,88%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,74
    +0,33 (+0,43%)
     
  • OURO

    1.927,90
    -14,90 (-0,77%)
     
  • BTC-USD

    24.072,35
    +1.081,37 (+4,70%)
     
  • CMC Crypto 200

    548,65
    +3,34 (+0,61%)
     
  • S&P500

    4.179,59
    +60,38 (+1,47%)
     
  • DOW JONES

    33.999,07
    -93,89 (-0,28%)
     
  • FTSE

    7.820,16
    +59,05 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    21.958,36
    -113,82 (-0,52%)
     
  • NIKKEI

    27.402,05
    +55,17 (+0,20%)
     
  • NASDAQ

    12.839,25
    +425,00 (+3,42%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4685
    -0,0859 (-1,55%)
     

O índice Artprice100© de artistas de primeira linha aumentou 3% em comparação com 2022 Vs SP 500 -19%

PARIS, 18 de janeiro de 2023 /PRNewswire/ -- Como indicador baseado em vendas, nosso índice Artprice100© reflete uma abordagem puramente financeira para a arte que de forma alguma substitui as relações não financeiras entre colecionadores de arte e artistas. Essencialmente, nosso índice revela o resultado financeiro hipotético que você obteria se fosse investir nos artistas mais vendidos do mundo para se beneficiar financeiramente do sucesso deles.

Artprice100© vs. SP 500 - Base 100 em janeiro de 2000.

Artprice100© vs. S&P 500 – Base 100 in January 2000
Artprice100© vs. S&P 500 – Base 100 in January 2000

 

Infográfico - https://mma.prnewswire.com/media/1985066/Artprice100_Infographic.jpg

Artprice Global Index - Base 100 em janeiro de 2000.

Artprice Global Index – Base 100 in January 2000
Artprice Global Index – Base 100 in January 2000

 

Infográfico - https://mma.prnewswire.com/media/1985067/Artprice_Global_Infographic.jpg

"Em termos financeiros, investir em obras-primas de arte nunca foi tão caro, com os preços dos leilões atualmente frequentemente atingindo oito ou nove dígitos em dólares americanos. Porém, ao mesmo tempo, graças às soluções de propriedade conjunta, nunca foi tão fácil", disse Thierry Ehrmann, CEO da Artmarket.com e fundador da Artprice.

O índice Artprice100© é, portanto, uma referência de mercado essencial: um exercício puramente teórico que simula investimentos nos 100 artistas mais bem-sucedidos do mercado de arte sem qualquer outra consideração estética ou preferencial. Para calcular o índice, construímos um portfólio dos 100 artistas mais vendidos do mundo com base em sua receita de leilões nos cinco anos anteriores (neste caso, de 1 de janeiro de 2017 até 31 de dezembro de 2021). Também aplicamos um critério de liquidez: para cada artista, pelo menos dez obras (excluindo gravuras e réplicas) devem ter sido leiloadas anualmente para que sejam incluídas nos cálculos (veja abaixo a lista de artistas incluídos).

O contexto econômico e as tendências do mercado de arte

Em termos globais, o ano de 2022 ficou marcado por um conjunto de questões que incluem as consequências e o persistente impacto econômico da pandemia mundial de covid (inflação, China…) e os novos desafios econômicos colocados pela guerra na Ucrânia, sobretudo em termos de energia. Nos 12 meses de 2022, o S&P 500 perdeu 19% de seu valor, enquanto as criptomoedas entraram em um mercado de baixa que desacelerou substancialmente as transações NFT.

No entanto, apesar desses empecilhos na economia global, o mercado global de leilões de arte teve um ano próspero e, de fato, um dos melhores de sua história. A Artprice atribui este bom desempenho principalmente aos sucessos alcançados pelas casas de leilões americanas, registando vendas recordes com resultados verdadeiramente sensacionais no meio da pintura, mas também na fotografia e na tapeçaria. E, como você verá em nosso abrangente Relatório Global do Mercado de Arte de 2022 (a ser publicado no início de março de 2023 em www.artprice.com), fortes resultados na França, Alemanha e Hong Kong também estabilizaram o mercado global de leilões de arte.

Entre as principais tendências do mercado de arte em 2022, a Artprice destacou a disputa mais acirrada do que nunca por obras-primas das coleções mais prestigiadas, que incluíam as coleções Hubert de Givenchy, Thomas Ammann, Yusaku Maezawa e, claro, Paul G. Allen. Os resultados do ano mostraram também a continuação de um apetite voraz por obras de artistas muito jovens (Arte Ultra-Contemporânea), a que a Artprice dedicou o seu último Relatório Anual.

www.artprice.com/artprice-reports/the-contemporary-art-market-report-2022

Nosso  Global Artprice Index caiu 18% em 2022, mas nosso  Artprice100© ganhou 3%

Com exceção do mercado de arte ultra-alto, o contexto econômico global, no entanto, levou os compradores de arte a adotar uma postura geralmente mais cautelosa. Com 1 milhão de lotes apresentados em todo o mundo (conforme registrado pela Artprice da Artmarket.com em 2022), a oferta mais uma vez se expandiu para um nível sem precedentes, com mais da metade das transações (56% dos lotes vendidos) concluídas abaixo do limite de $ 1.000 (incluindo taxas).

Assim, enquanto nosso Blue-chip 100 Artists Index mostra um leve crescimento nos últimos doze meses (+3%), os preços gerais do mercado de arte registraram uma contração de 18%: quase a mesma contração do índice S&P 500. As causas são muitas e variadas, a começar pela suspensão dos leilões de arte na China e o enfraquecimento do euro em relação ao dólar.

Deve-se notar que muitas obras de arte que alcançaram resultados sensacionais em salas de leilão durante 2022 não podem ser incluídas no cálculo do nosso Artprice Global Index. Obras extremamente raras, como Georges Seurat's Les Poseuses (1888) ou telas frescas, como Avery Singer's Happening (2014), não estão incluídas no cálculo da Global Indices, seja porque não há histórico de vendas repetidas, ou porque não há dados suficientes para usar um método de avaliação hedônico. Por exemplo, pode não haver trabalhos semelhantes suficientes em circulação ou ainda há pouca visão retrospectiva para avaliar o valor desses trabalhos regularmente (anualmente ou trimestralmente).

www.artprice.com/artist/26469/georges-seurat/painting/28444347/les-poseuses-ensemble-petite-version

www.artprice.com/artist/611277/avery-singer/painting/26880003/happening

Por último, a progressão do índice Arptrice100© pode, por si só, parecer fraca, considerando os resultados espetaculares registrados na PriceFor 2022 para artistas de primeira linha. No entanto, este índice leva em consideração todas as obras vendidas pelas 100 assinaturas mais vendidas e mais líquidas, e algumas dessas obras tiveram muito menos sucesso do que as peças mais lendárias.

Por exemplo, o terceiro melhor resultado do ano de 2022 foi alcançado por La Montagne Sainte-Victoire (1888-1890) de Paul Cézanne. Adquirida em 2001 por $38,5 milhões, esta pintura foi revendida por $137,8 milhões (incl. taxas) este ano como parte da Paul G. Allen Collection. No entanto, alguns dias depois(17 de novembro), outra pintura de Cézanne, a Maisons au Chou, à Pontoise (cerca de 1881), adquirida em 2007 por $6,8 milhões, foi revendida por apenas $3,7 milhões na Christie's, em Nova York.

Portanto, se compararmos os índices Artprice100©Global Artprice, vemos que artistas de primeira linha conseguiram superar um ano economicamente desafiador com um leve aumento no valor de mercado e que as obras-primas mais raras dessas assinaturas de primeira linha apresentaram claramente os melhores retornos.

 índice Artprice100©: Artista + ponderação do portfólio em 2022:

1. Pablo PICASSO (1881-1973). 8,6%

2. Jean-Michel BASQUIAT (1960-1988). 4,4%

3. Andy WARHOL (1928-1987). 4,2%

4. Claude MONET (1840-1926). 4,0%

5. ZAO Wou-Ki (1921-2013). 3,8%

6. QI Baishi (1864-1957). 2,8%

7. Gerhard RICHTER (1932-). 2,6%

8. FU Baoshi (1904-1965). 2,2%

9. WU Guanzhong (1919-2010). 2,1%

10. David HOCKNEY (1937-). 2,1%

11. Yayoi KUSAMA (1929-). 1,9%

12. Roy LICHTENSTEIN (1923-1997). 1,7%

13. René MAGRITTE (1898-1967). 1,7%

14. Vincent VAN GOGH (1853-1890). 1,7%

15. Cy TWOMBLY (1928-2011). 1,7%

16. Alberto GIACOMETTI (1901-1966). 1,6%

17. SAN Yu (1895/1901-1966). 1,6%

18. Alexander CALDER (1898-1976). 1,5%

19. Marc CHAGALL (1887-1985). 1,5%

20. Willem DE KOONING (1904-1997). 1,4%

21. Joan MIRO (1893-1983). 1,4%

22. Yoshitomo NARA (1959-). 1,3%

23. CUI Ruzhuo (1944-). 1,3%

24. Jean DUBUFFET (1901-1985). 1,2%

25. Lucio FONTANA (1899-1968). 1,1%

26. BANKSY (1974-). 1,1%

27. Amedeo MODIGLIANI (1884-1920). 1,1%

28. Joan MITCHELL (1925-1992). 1,1%

29. Henri MATISSE (1869-1954). 1,0%

30. Fernand LEGER (1881-1955). 1,0%

31. Wassily KANDINSKY (1866-1944). 1,0%

32. Paul CEZANNE (1839-1906). 1,0%

33. Ed RUSCHA (1937-). 0,9%

34. Pierre-Auguste RENOIR (1841-1919). 0,9%

35. CHU Teh-Chun (1920-2014). 0,9%

36. Peter DOIG (1959-). 0,9%

37. George CONDO (1957-). 0,8%

38. PAN Tianshou (1897-1971). 0,8%

39. Christopher WOOL (1955-). 0,8%

40. Franois-Xavier LALANNE (1927-2008). 0,8%

41. KAWS (1974-). 0,7%

42. LIN Fengmian (1900-1991). 0,7%

43. Jeff KOONS (1955-). 0,7%

44. Pierre SOULAGES (1919-2022). 0,7%

45. Henry MOORE (1898-1986). 0,6%

46. Frank STELLA (1936-). 0,6%

47. Keith HARING (1958-1990). 0,6%

48. Edgar DEGAS (1834-1917). 0,6%

49. Camille PISSARRO (1830-1903). 0,6%

50. Robert RAUSCHENBERG (1925-2008). 0,6%

51. Paul GAUGUIN (1848-1903). 0,6%

52. PU Ru (1896-1963). 0,6%

53. Morton Wayne THIEBAUD (1920-2021). 0,6%

54. ZHOU Chunya (1955-). 0,6%

55. Richard PRINCE (1949-). 0,5%

56. Sigmar POLKE (1941-2010). 0,5%

57. ZENG Fanzhi (1964-). 0,5%

58. Louise BOURGEOIS (1911-2010). 0,5%

59. Rudolf STINGEL (1956-). 0,5%

60. Damien HIRST (1965-). 0,5%

61. Paul SIGNAC (1863-1935). 0,5%

62. Constantin BRANCUSI (1876-1957). 0,5%

63. LIU Ye (1964-). 0,5%

64. Tsuguharu FOUJITA (1886-1968). 0,4%

65. Georgia O'KEEFFE (1887-1986). 0,4%

66. Georg BASELITZ (1938-). 0,4%

67. Auguste RODIN (1840-1917). 0,4%

68. Whan-Ki KIM (1913-1974). 0,4%

69. Salvador DALI (1904-1989). 0,4%

70. Fernando BOTERO (1932-). 0,4%

71. Ufan LEE (1936-). 0,4%

72. Nicolas DE STAL (1914-1955). 0,4%

73. Jasper JOHNS (1930-). 0,4%

74. Ernst Ludwig KIRCHNER (1880-1938). 0,4%

75. Adrian GHENIE (1977-). 0,4%

76. Norman Perceval ROCKWELL (1894-1978). 0,4%

77. Bernard BUFFET (1928-1999). 0,4%

78. Albert OEHLEN (1954-). 0,4%

79. Sam FRANCIS (1923-1994). 0,4%

80. Helen FRANKENTHALER (1928-2011). 0,3%

81. ZHANG Xiaogang (1958-). 0,3%

82. Donald JUDD (1928-1994). 0,3%

83. DONG Qichang (1555-1636). 0,3%

84. WU Hufan (1894-1968). 0,3%

85. Takashi MURAKAMI (1962-). 0,3%

86. Brice MARDEN (1938-). 0,3%

87. Agnes MARTIN (1912-2004). 0,3%

88. Egon SCHIELE (1890-1918). 0,3%

89. Pierre BONNARD (1867-1947). 0,3%

90. Kazuo SHIRAGA (1924-2008). 0,3%

91. Yves KLEIN (1928-1962). 0,3%

92. Tamara DE LEMPICKA (1898-1980). 0,3%

93. Francis PICABIA (1879-1953). 0,3%

94. Max ERNST (1891-1976). 0,3%

95. Gustav KLIMT (1862-1918). 0,3%

96. Ellsworth KELLY (1923-2015). 0,3%

97. Jean-Paul RIOPELLE (1923-2002). 0,3%

98. Robert MOTHERWELL (1915-1991). 0,3%

99. WEN Zhengming (1470-1559). 0,3%

100. Tom WESSELMANN (1931-2004). 0,3%

Imagens: [https://imgpublic.artprice.com/img/wp/sites/11/2023/01/image1-artprice100-vs-sp500.png]
[https://imgpublic.artprice.com/img/wp/ sites/11/2023/01/image2-artprice-global-index.png]

Direitos autorais 1987-2023 Thierry Ehrmann www.artprice.com - www.artmarket.com

Sobre a Artmarket:

A Artmarket.com está listada na Eurolist pela Euronext Paris, SRD Long Only e Euroclear: 7478 — Bloomberg: PRC — Reuters: ARTF.

Descubra a Artmarket e seu departamento Artprice no vídeo: www.artprice.com/video

A Artmarket e seu departamento de Artprice foram fundados em 1997 por seu CEO, Thierry Ehrmann. A Artmarket e seu departamento Artprice é controlada pelo Groupe Serveur, criado em 1987.

Ver biografia certificada em Who's who ©:
Biographie_thierry_Ehrmann_2022_WhosWhoInFrance.pdf

A Artmarket é um player global no Mercado de Arte com, entre outras estruturas, seu departamento Artprice, líder mundial no acúmulo, gerenciamento e exploração de informações históricas e atuais do mercado de arte em bancos de dados contendo mais de 30 milhões de índices e resultados de leilões, abrangendo mais de 800.000 artistas.

A Artprice by Artmarket, líder mundial em informações sobre o mercado de arte, estabeleceu a ambição de ser a principal plataforma NFT de Belas Artes do mundo através de seu Global Standardized Marketplace.

A Artprice Images® permite o acesso ilimitado ao maior banco de imagens do mercado de arte do mundo: nada menos que 180 milhões de imagens digitais de fotografias ou reproduções gravadas de obras de arte de 1700 até os dias atuais, comentadas por nossos historiadores da arte.

A Artmarket com seu departamento Artprice acumula dados de forma permanente de 6.400 Casas de Leilões e produz as principais informações do Mercado de Arte para as principais agências de imprensa e mídia (7.200 publicações). Seus 7,2 milhões de usuários ('registros de membros'+mídias sociais) têm acesso a anúncios postados por outros membros, rede que hoje representa o líder Global Standardized Marketplace® para compra e venda de obras de arte a preço fixo ou licitado (leilões regulados pelos parágrafos 2 e 3 do Artigo L 321.3 do Código Comercial da França).

A Artmarket com o seu departamento Artprice, foi distinguida com o selo do Estado "Empresa Inovadora" pelo Banco Público de Investimento (BPI) (pela segunda vez em novembro de 2018 por um novo período de 3 anos) que está apoiando a empresa no seu projeto de consolidação da sua posição como um player global no mercado de arte.

A Artprice publica seu relatório do Mercado de Arte Ultracontemporânea 2022:
https://www.artprice.com/artprice-reports/the-contemporary-art-market-report-2022

O relatório semestral Artprice 2022: o mercado de arte retorna ao forte crescimento no Ocidente:
https://www.artprice.com/artprice-reports/global-art-market-in-h1-2022-by-artprice-com

Artprice pelo Artmarket's 2020 Global Art Market Report publicado em março de 2022:
https://www.artprice.com/artprice-reports/the-art-market-in-2021

Relatório do mercado Arte contemporânea 2020/21 da Artprice por Artmarket.com:
https://www.artprice.com/artprice-reports/the-contemporary-art-market-report-2021

Índice de comunicados de imprensa publicados pela Artmarket com seu departamento Artprice:
serveur.serveur.com/Press_Release/pressreleaseEN.htm

Siga todas as notícias da Art Market em tempo real com a Artmarket e seu departamento Artprice no Facebook e Twitter:

www.facebook.com/artpricedotcom/  (mais de 5,9 milhões de seguidores)

twitter.com/artmarketdotcom

twitter.com/artpricedotcom

Descubra a alquimia e o universo da Artmarket e seu departamento Artprice https://www.artprice.com/video com sede no famoso Museu de Arte Contemporânea Organe "The Abode of Chaos" (segundo o New York Times): https://issuu.com/demeureduchaos/docs/demeureduchaos-abodeofchaos-opus-ix-1999-2013

· L'Obs - O Museu do Futuro: https://youtu.be/29LXBPJrs-o

· www.facebook.com/la.demeure.du.chaos.theabodeofchaos999 (mais de 4 milhões de seguidores)

· https://vimeo.com/124643720

Entre em contato com a Artmarket.com e seu departamento Artprice - Contato: Thierry Ehrmann ir@artmarket.com

Logotipo - https://mma.prnewswire.com/media/1009603/Art_Market_logo.jpg

 

Art Market logo
Art Market logo

 

FONTE Artmarket.com