NY deve abrir em alta após dados de vendas de janeiro

As bolsas de Nova York devem abrir em alta nesta quarta-feira, após a leitura positiva sobre as vendas no varejo nos EUA em janeiro. Às 12h15 (de Brasília), o índice Dow Jones futuro subia 0,11%, o Nasdaq tinha alta de 0,32% e o S&P 500 ganhava 0,22%.

As vendas no varejo cresceram 0,1% em janeiro, dentro da previsão dos analistas. O economista-chefe para os EUA do banco canadense RBC Capital Markets, Tom Porcelli, destaca em uma nota enviada a clientes que a expectativa pelos dados do varejo era alta, justamente para ver o primeiro impacto no comércio de todas as mudanças nos impostos para os norte-americano, incluindo empresas, a partir de janeiro. A primeira leitura indica um impacto pequeno.

No caso das pessoas, muitas estão tendo de pagar este ano imposto de renda maior, o que contribui para gastar menos no comércio, destaca o economista do RBC. No caso de empresas, várias anteciparam o pagamento de dividendos, principalmente em dezembro, para evitar impostos maiores a partir de janeiro, o que se refletiu em acionistas com renda extra e, consequentemente, maior propensão a consumir.

Além dos dados do varejo, Wall Street também deve monitorar de perto o discurso do presidente do Federal Reserve de Saint Louis, James Bullard, que começa às 14h10 (de Brasília). Bullard é novo membro votante do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) no rodízio deste ano e já se manifestou recentemente contra algumas medidas de estímulo do banco central.

No noticiário corporativo, as ações de empresas do setor de comércio eram destaque no pré-mercado, após os dados das vendas de varejo. A ação da Amazon.com subia 1,26% por volta das 12h15. Já o papel da General Eletric tinha alta de 2,88%. Na terça-feira a companhia de TV a cabo Comcast informou que vai comprar a participação restante de 49% da GE na rede de televisão NBCUniversal. O papel da Comcast tinha alta de 7,01% no horário acima.

A ação da fabricante de computadores Dell volta ao foco dos investidores, após o fundo T. Rowe Price, que é acionista da empresa, informar que não pretende aderir à oferta para fechar o capital da companhia, ao preço proposto de US$ 13,65 por ação. Na semana passada, foi anunciada a venda da Dell em uma operação de US$ 24,4 bilhões. Por volta das 12h15 o papel perdia 0,15% no pré-mercado.

cotações recentes

 
Cotações recentes
Símbolo Preço Variação % Var 
Seus tickers vistos mais recentemente aparecerão aqui automaticamente se você digitou um ticker no campo "Inserir símbolo/empresa" na parte inferior deste módulo.
É necessário permitir os cookies do seu navegador para ver as cotações mais recentes.
 
Entre para ver as cotações nos seus portfólios.

Resumo do Mercado

  • Moedas
    Moedas
    NomePreçoVariação% Variação
    3,2287-0,0095-0,29%
    USDBRL=X
    3,5946-0,0128-0,35%
    EURBRL=X
    0,89720,000,00%
    USDEUR=X
  • Commodities
    Commodities
    NomePreçoVariação% Variação

Destaques do Mercado

  • Líderes em Volume
    Líderes em Volume
    NomePreçoVariação% Variação
    13,16+0,07+0,53%
    PETR4.SA
    14,78-0,34-2,25%
    VALE5.SA
    3,41+0,03+0,89%
    USIM5.SA
    3,72+0,01+0,27%
    GOAU4.SA
    9,21+0,01+0,11%
    GGBR4.SA
  • Altas %
    Altas %
    NomePreçoVariação% Variação
    12,09+1,83+17,84%
    MNDL3.SA
    1,00+0,09+9,89%
    TIET1.SA
    1,66+0,10+6,41%
    JHSF3.SA
    21,48+1,60+8,05%
    BRKM3.SA
    495,00+35,00+7,61%
    DOMC11.SA
  • Baixas %
    Baixas %
    NomePreçoVariação% Variação
    61,08-18,52-23,27%
    SPTW11.SA
    3,52-0,23-6,13%
    JBDU4.SA
    3,90-0,27-6,47%
    TIET12.SA
    2,58+0,02+0,78%
    ATOM3.SA
    68,00-2,00-2,86%
    JRDM11B.SA