Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.575,47
    +348,38 (+0,32%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    41.674,30
    -738,17 (-1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    45,53
    -0,18 (-0,39%)
     
  • OURO

    1.788,10
    -23,10 (-1,28%)
     
  • BTC-USD

    17.861,09
    +262,84 (+1,49%)
     
  • CMC Crypto 200

    333,27
    -4,23 (-1,25%)
     
  • S&P500

    3.638,35
    +8,70 (+0,24%)
     
  • DOW JONES

    29.910,37
    +37,90 (+0,13%)
     
  • FTSE

    6.367,58
    +4,65 (+0,07%)
     
  • HANG SENG

    26.894,68
    +75,23 (+0,28%)
     
  • NIKKEI

    26.644,71
    +107,40 (+0,40%)
     
  • NASDAQ

    12.257,50
    +105,25 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3746
    +0,0347 (+0,55%)
     

NVIDIA lança desktop que pode ter até 320 GB de memória de GPU e 512 GB de RAM

Ramon de Souza
·2 minuto de leitura

Sabe aquela clássica piada “será que roda Crysis?”, utilizada ironicamente por internautas para salientar as capacidades técnicas de um computador de alto desempenho? Pois bem: a brincadeira perdeu a graça nesta segunda-feira (16) depois que a Nvidia resolveu apresentar o DGX Station A100, seu próprio desktop projetado para uso profissional. Sente-se confortavelmente, pois as especificações do modelo certamente lhe assustarão.

Antes de mais nada, vamos às GPUs. O gabinete pode ser configurado com até quatro placas gráficas A100 nas versões de 40 GB ou 80 GB; isto significa que, caso o consumidor seja endinheirado o suficiente para escolher esta última opção, ele terá um total de 320 GB de memória gráfica à sua disposição. Bom, é óbvio que vai rodar Crysis — aliás, isso é desempenho o suficiente para executar umas três instâncias do jogo simultaneamente.

Os absurdos não param por aí. O processador é um AMD Ryzen Threadripper 3990X de 64 núcleos pareado com incríveis 512 GB de memória RAM e um SSD de 7 TB NVME. Configurações invejáveis? Sim, mas vale observar que o DGX Station A100 não foi projetado para uso doméstico. Segundo a própria NVIDIA, ele foi criado para fornecer “um desempenho de um data center sem um data center”.

Isso significa que médias e grandes empresas poderão usar o gabinete para executar tarefas de alta complexidade — big data, inteligência artificial e machine learning — de uma forma relativamente mais barata e de manutenção mais fácil. A companhia não revelou quando o desktop será lançado e tampouco seu preço sugerido, mas vale lembrar que cada placa A100 sai por US$ 199 mil (R$ 1 milhão) lá nos EUA.

Black Friday é no Canaltech Ofertas

Está chegando a época com as melhores promoções do ano! A Black Friday 2020 vai acontecer no dia 27 de novembro e promete grandes descontos em várias categorias cobiçadas pelos brasileiros, como smartphones, smart TVs, notebooks, smartwatches, pulseiras inteligentes, monitores e muitos outros eletrônicos.

Para ajudá-lo a encontrar os menores preços da internet, o Canaltech Ofertas fará a cobertura em tempo real da Black Friday, e você pode receber os descontos diretamente no seu celular ao entrar em nossos grupos de WhatsApp e Telegram. Não deixe para se preparar em cima da hora, clique no link abaixo e comece a economizar imediatamente!

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: