Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.923,93
    +998,33 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,18 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    80,34
    -0,88 (-1,08%)
     
  • OURO

    1.797,30
    -3,80 (-0,21%)
     
  • BTC-USD

    16.967,05
    -33,36 (-0,20%)
     
  • CMC Crypto 200

    404,33
    +2,91 (+0,72%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,87 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.556,23
    -2,26 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    18.675,35
    -61,09 (-0,33%)
     
  • NIKKEI

    27.777,90
    -448,18 (-1,59%)
     
  • NASDAQ

    11.979,00
    -83,75 (-0,69%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4940
    +0,0286 (+0,52%)
     

Nvidia GeForce RTX 4080 é até 19% superior à RTX 3090 Ti em 1º review

Faltando poucas horas para chegar ao mercado, a Nvidia GeForce RTX 4080 recebeu seu primeiro review pelas mãos do canal chinês Big Hardware Play (硬件大玩家), responsável pelos testes antecipados de alguns dos lançamentos mais recentes do mundo do hardware. Segundo os dados divulgados, a nova placa premium da Nvidia tem força para superar a RTX 3090 Ti por uma margem significativa de até 19%, ainda que passe bem longe da irmã mais avançada, a RTX 4090.

O modelo da RTX 4080 testado não foi informado, mas aparentemente trata-se de uma variante customizada com duas configurações de BIOS: uma travada com consumo a 320 W, e outra operando a 450 W. A GPU foi instalada em um sistema com um Intel Core i9 13900K e 32 GB de RAM DDR5 a 6.200 MT/s, sendo comparado à RTX 3090 TI PGF, modelo mais poderoso lançado pela Zotac, e à RTX 4090.

Um aspecto importante a ser considerado é que as outras duas placas foram testadas em um sistema diferente que, apesar de manter o processador, utilizam memórias DDR5 mais velozes, que atingem os 6.800 MT/s. Ainda que as diferenças não sejam gritantes, é preciso ter em mente que pode sim haver um impacto perceptível no desempenho, especialmente com a velocidade dos módulos de RAM lentamente começando a interferir no games.

Em games, a RTX 4080 mostrou ser cerca de 19% mais potente que a RTX 3090 Ti, e 21% inferior à RTX 4090 (Imagem: Big Hardware Player (硬件大玩家)/Bilibili)
Em games, a RTX 4080 mostrou ser cerca de 19% mais potente que a RTX 3090 Ti, e 21% inferior à RTX 4090 (Imagem: Big Hardware Player (硬件大玩家)/Bilibili)

Com isso fora do caminho, os resultados mostram bons números em favor da nova GPU, que atinge taxas de quadros em resolução 4K pouco mais de 19% maiores que a RTX 3090 Ti em games como Forza Horizon 5, Cyberpunk 2077, Borderland 3, Total War Troy e Shadow of the Tomb Raider, e pontuações 21% mais altas na suíte de benchmarks do 3DMark.

Os resultados são bem menos favoráveis em comparação à RTX 4090, que conseguiu marcas 23% e 21% superiores nos testes, respectivamente, aparentemente posicionando a novidade bem no meio das duas irmãs. Vale destacar que, em ambos os casos, apenas as médias foram publicadas, podendo haver diferenças ao serem considerados os resultados individuais.

O cenário foi parecido nos testes feitos no 3DMark, em que a RTX 4080 se posiciona bem no meio das duas irmãs (Imagem: Big Hardware Player (硬件大玩家)/Bilibili)
O cenário foi parecido nos testes feitos no 3DMark, em que a RTX 4080 se posiciona bem no meio das duas irmãs (Imagem: Big Hardware Player (硬件大玩家)/Bilibili)

Entre os pontos que mais chamam atenção no review está a avaliação de eficiência energética, que considera o consumo real do chip gráfico e tenta estabelecer sua curva de eficiência, em que os ganhos de desempenho deixam de escalar de maneira linear com a quantidade de energia consumida. Mesmo com o TGP estabelecido em 450 W, a RTX 4090 mostrou que praticamente não perde desempenho ao ser limitada a 70% do consumo estabelecido, entre 300 W e 320 W.

Big Hardware Play encontrou um cenário extremamente parecido com a RTX 4080: ainda que seu TGP seja configurado em 320 W, o componente consegue entregar quase o mesmo nível de desempenho ao ser configurada para 87% do consumo, por volta dos 280 W. O canal concluiu que é possível ir além e limitar ainda mais a GPU, para 80%, ou algo em torno de 260 W, apresentando perdas de desempenho pouco expressivas considerando a economia em energia.

Rodando Cyberpunk 2077, a RTX 4080 praticamente não perde desempenho nem mesmo quando é limitada a um consumo de 260 W (Imagem: Big Hardware Player (硬件大玩家)/Bilibili)
Rodando Cyberpunk 2077, a RTX 4080 praticamente não perde desempenho nem mesmo quando é limitada a um consumo de 260 W (Imagem: Big Hardware Player (硬件大玩家)/Bilibili)

Em virtude das diferenças nas memórias, aspectos como configurações gráficas e a própria maneira como os dados de desempenho são apresentados em médias, além de eventuais problemas na tradução, o ideal é aguardar por mais testes de um número maior de veículos, que devem ser publicados nesta quarta-feira (16) — mesmo dia que a RTX 4080 chega às lojas.

Dito isso, a novidade parece apresentar uma evolução significativa frente à RTX 3080, e até mesmo em comparação à RTX 3090 Ti se considerarmos os avanços da arquitetura Ada Lovelace (melhor desempenho de Ray Tracing, Tensor Cores para IA mais robustos e mais), restando apenas saber como ela se posiciona diante das recém-anunciadas concorrentes da linha AMD Radeon RX 7000.

RTX 4080 estreia nesta semana com 16 GB de RAM

Nova topo de linha da Nvidia, a GeForce RTX 4080 estreia equipada com chip AD103, trazendo 9.728 núcleos CUDA distribuídos em 76 SMs, com 76 RT Cores e 304 Tensor Cores.

O clock base é estabelecido em 2.210 MHz e o boost em 2.510 MHz, com poder computacional chegando aos 48 TFLOPs. Fecha o pacote os 16 GB de VRAM GDDR6X, trabalhando a 23 Gbps em interface de 256-bit para oferecer largura de banda de 736 GB/s.

Prometendo saltos marcantes de desempenho frente à RTX 3080 e até à RTX 3080 Ti, a RTX 4080 estreia nesta quarta (16) com preço salgado de US$ 1,199 (Imagem: Nvidia)
Prometendo saltos marcantes de desempenho frente à RTX 3080 e até à RTX 3080 Ti, a RTX 4080 estreia nesta quarta (16) com preço salgado de US$ 1,199 (Imagem: Nvidia)

Durante o anúncio, a companhia garantiu que a RTX 4080 é "a escolha ideal para profissionais" que precisam trabalhar com cenas 3D mais complexas ou edições de vídeo em altíssimas resoluções sem compressão, como em arquivos RAW em 12K.

Com preço sugerido de US$ 1,199 (~R$ 6.400) — bastante salgado quando consideramos que a RTX 3090 Ti já pode ser encontrada por volta dos US$ 999 (~R$ 5.330) — a GPU chega ao mercado globalmente nesta quarta, 16 de novembro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: