Mercado fechará em 2 h 51 min
  • BOVESPA

    103.861,18
    +1.945,73 (+1,91%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.449,26
    +750,54 (+1,51%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,65
    +2,47 (+3,73%)
     
  • OURO

    1.788,40
    +11,90 (+0,67%)
     
  • BTC-USD

    58.803,33
    +1.414,88 (+2,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.496,03
    +26,95 (+1,83%)
     
  • S&P500

    4.641,84
    +74,84 (+1,64%)
     
  • DOW JONES

    34.941,00
    +457,28 (+1,33%)
     
  • FTSE

    7.147,94
    +88,49 (+1,25%)
     
  • HANG SENG

    23.658,92
    +183,66 (+0,78%)
     
  • NIKKEI

    27.935,62
    +113,86 (+0,41%)
     
  • NASDAQ

    16.370,25
    +219,75 (+1,36%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3696
    -0,0004 (-0,01%)
     

Nutrien dobra capacidade de produção de fertilizantes no Brasil

·1 min de leitura

(Bloomberg) -- A Nutrien, um dos maiores fornecedores mundiais de fertilizantes, vai construir quatro misturadores do insumo no Brasil para mais que dobrar sua capacidade no país.

Most Read from Bloomberg

As novas unidades começam a operar em 2023, disse Roberto Carlos Oliveira, diretor de fertilizantes da Nutrien para a América Latina. A empresa também tem ampliado a capacidade em outras quatro fábricas que já possui no país.

O investimento faz parte do plano de expansão da Nutrien no Brasil, o quarto maior consumidor mundial de fertilizantes. As fábricas serão localizadas nas regiões do Cerrado e Sudeste, próximas às fazendas, ao contrário de concorrentes, cujas instalações ficam normalmente próximas aos portos, segundo Oliveira. A proximidade com as fazendas ajudou a evitar atrasos nas entregas mesmo em meio aos gargalos logísticos que atrapalharam o comércio global este ano, segundo ele. A Nutrien importa cerca de 90% dos nutrientes agrícolas vendidos localmente.

“Conseguimos atender todos os nossos clientes sem atrasar um dia”, disse Oliveira.

Fabricantes de fertilizantes buscam expandir as operações em meio à escassez global do insumo, o que tem impulsionado os preços.

A Nutrien entregou um recorde de 1 milhão de toneladas de fertilizantes na América Latina no acumulado deste ano, com previsão de fechar 2021 com 1,2 milhão de toneladas entregues. No Brasil, a empresa espera elevar em 40% o volume de entregas em 2021, disse Oliveira.

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos