Mercado fechará em 3 h 20 min
  • BOVESPA

    102.898,28
    -4.836,73 (-4,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.932,96
    -87,09 (-0,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,91
    +0,41 (+0,50%)
     
  • OURO

    1.800,90
    +19,00 (+1,07%)
     
  • BTC-USD

    61.160,29
    -1.612,92 (-2,57%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.457,52
    -45,52 (-3,03%)
     
  • S&P500

    4.529,18
    -20,60 (-0,45%)
     
  • DOW JONES

    35.573,71
    -29,37 (-0,08%)
     
  • FTSE

    7.209,26
    +18,96 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.336,25
    -142,50 (-0,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6811
    +0,1001 (+1,52%)
     

Novo malware rouba contas de plataformas de jogos, como Steam, Epic e Origin

·2 minuto de leitura
Novo malware rouba contas de plataformas de jogos, como Steam, Epic e Origin
Novo malware rouba contas de plataformas de jogos, como Steam, Epic e Origin

Um novo malware está sendo vendido em fóruns da dark web para ser usado por cibercriminosos que queiram roubar contas de várias plataformas de jogos, incluindo Steam, Epic Games Store e EA Origin. O BloodyStealer (literalmente “Ladrão Sangrento”, mais adequadamente “Maldito Ladrão”) é um trojan descoberto em março pelos pesquisadores da Kaspersky, capaz de coletar e roubar uma ampla gama de informações confidenciais.

Esse trojan ladrão consegue acessar e extrair vários tipos de dados, incluindo cookies, senhas do navegador, formulários, cartões bancários, capturas de tela, memória de login e sessões de vários aplicativos. Além disso, o BloodyStealer possui recursos para evitar análise e detecção, sendo também protegido contra engenharia reversa, características que chamaram a atenção dos pesquisadores.

Leia mais:

Na dark web (parte da internet que exige software especial para ser acessada, como o Tor), o malware é vendido a um baixo preço de assinatura. Por menos de US$ 10 (em nossa moeda, R$ 54 hoje), os cibercriminosos podem fazer uma assinatura de um mês, ou podem adquirir uma assinatura vitalícia por US$ 40 (R$ 217).

recursos do BloodyStealer descritos na darkweb
Recursos do BloodyStealer descritos no anúncio do malware dentro da darkweb – Reprodução/Kaspersky

Os especialistas da Kaspersky detectaram ataques usando o BloodyStealer na Europa, América Latina e na região da Ásia-Pacífico. As informações roubadas podem ser vendidas em diferentes plataformas clandestinas ou canais do Telegram que se dedicam à venda de acesso a contas de jogos online.

Como o malware pode roubar seus jogos

As contas de jogos são um dos alvos preferidos dos cibercriminosos. Combinações de logins e senhas para plataformas populares como Steam, Origin, Ubisoft ou Epic Games podem ser vendidas por um preço tão baixo quanto US$ 14,20 (R$ 77, aproximadamente) por mil contas quando vendidas a granel.

Quando vendidas individualmente, os preços variam entre 1% a 30% do valor de uma conta. Essas contas roubadas não vêm de vazamentos acidentais de dados, mas são o resultado de campanhas cibercriminosas deliberadas que empregam malwares como o BloodyStealer.

Anúncio de venda onde 280 mil nomes de usuário e senhas são vendidos por apenas US$ 4 mil(R$ 22 mil, aproximadamente
Anúncio de venda onde 280 mil nomes de usuário e senhas são vendidos por apenas US$ 4 mil (R$ 22 mil, aproximadamente) – Reprodução/Kaspersky

Para você se manter seguro enquanto joga, os especialistas da Kaspersky recomendam algumas práticas, como proteger suas contas com autenticação em dois fatores sempre que possível. Além disso, é recomendado não clicar em nenhum link para sites externos do chat do jogo.

Outra dica é verificar cuidadosamente o endereço de qualquer recurso que solicite seu nome de usuário e senha, já que a página pode ser falsa. É importante também evitar downloads de produtos piratas e buscar usar softwares de segurança adicionais sempre que possível em todos os dispositivos.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos