Mercado fechará em 6 h 56 min

Novo game de Harry Potter deve ser anunciado sem alarde devido a J.K. Rowling

Claudio Yuge

Um dos games mais aguardados para este final de geração de consoles é um do qual muito pouco tem se falado. Já tem um tempinho que o mercado espera por um novo título baseado em Harry Potter e, agora, duas pessoas envolvidas no projeto confirmam que ele, na verdade, está muito próximo de ser anunciado. Mas por que não estamos sabendo tanto sobre isso? Bem, segundo o que as fontes disseram ao Bloomberg, uma das razões são as recentes declarações transfóbicas de J.K. Rowling.

Embora a série de filmes de Harry Potter tenha encerrado, Rowling continua bastante envolvida com a franquia, seja no desenvolvimento de outros derivados para o cinema, como Animais Fantásticos e Onde Habitam; ou em projetos envolvendo games, a exemplo do título de mundo aberto que vem sendo produzido pela Warner Bros Interactive.

O game recebeu um investimento de grande porte e permitirá aos jogadores viver como magos e aprendizes em Hogwarts. Segundo dois profissionais envolvidos nesse trabalho, tudo vem sendo desenvolvido pela Avalanche Software, em Utah, nos Estados Unidos, e a previsão é de que seja lançado no final de 2021, para PlayStation 5 e Xbox Series X.

Ao lado de um novo game do Batman, Harry Potter é visto internamente como o “carro-chefe” na Warner Bros Interactive para a próxima temporada. Um vídeo do projeto chegou a circular em 2018 e, segundo as fontes, o material é autêntico, embora a maioria dos rumores que surgiu desde então não seja. Elas também disseram que a pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2) teve impacto no ritmo de desenvolvimento, mas que tudo segue bem para a estreia no prazo previsto.

A questão, contudo, gira em torno da publicidade, pois a ideia seria um investimento pesado em torno do anúncio oficial, que deve acontecer no evento digital DC FanDome, em agosto. Ao que parece, tanto a Warner Bros Interactive quanto os colaboradores estariam reticentes em serem associados à Rowling neste momento.

Declarações de Rowling pegaram muito mal

Para quem ainda não sabe o que aconteceu, a criadora de Harry Potter, que já havia feito comentários transfóbicos no passado, voltou a causar polêmicas sobre o assunto no dia 6 de junho. Ela se referiu no Twitter a “pessoas que se menstruam” ao se referir às mulheres, em comparação com pessoas trans entre outros comentários considerados ofensivos.


O resultado foi que a comunidade trans se sentiu humilhada, e os textos de Rowling foram denunciados por fãs e colaboradores. Até mesmo o elenco de Harry Potter, incluindo Daniel Radcliffe e Emma Watson, disse que discordavam dessal. A Warner Bros também respondeu, dizendo que ser uma empresa de "cultura inclusiva".

Na Avalanche Software, a gerência do estúdio preferiu não abordar esse assunto, contudo, as fontes confirmaram que a visão de Rowling no ambiente de trabalho é de que ela é “amplamente transfóbica”. A situação deixou alguns membros da equipe desconfortáveis ​​e provocou discussões privadas entre os funcionários.

Felicia Grady, editora-gerente de um site de fãs de Harry Potter, o MuggleNet, acredita que isso pode diminuir o interesse pelo jogo. "Com base no que vi dos fãs, acredito que os comentários de Rowling tiveram algum efeito sobre o nível de expectativa que eles têm pelo RPG de Harry Potter ou outro conteúdo futuro. Vimos comentários de fãs que não desejam mais apoiar Rowling ou a marca financeiramente”, afirmou ao Bloomberg.

Game corre risco de ser cancelado

A CNBC informou há duas semanas que existem negociações entre a AT&T, controladora do grupo Warner Bros, e interessados em comprar a divisão de games, a Warner Bros Interactive. Caso essa venda aconteça, o novo jogo pode ser descontinuado. Além de uma possível expectativa menor, o que baixaria substancialmente as vendas, um projeto caro e de longo prazo como esse correrá riscos de cancelamento se houver mudança de ares, prevê Matthew Kanterman, analista da Bloomberg Intelligence.

Os planos iniciais eram de que esse título fosse apresentado durante a Electronic Entertainment Expo (E3), que, como sabemos, foi cancelada este ano devido à COVID-19. Agora, fica a expectativa de como será o anúncio da novidade em agosto, durante o DC Fandome — e se esse projeto realmente verá a luz do dia.

Fonte: Canaltech