Mercado abrirá em 1 h 47 min
  • BOVESPA

    120.700,67
    +405,99 (+0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.514,10
    +184,26 (+0,38%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,53
    +0,07 (+0,11%)
     
  • OURO

    1.777,70
    +10,90 (+0,62%)
     
  • BTC-USD

    60.716,62
    -2.104,32 (-3,35%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.348,98
    -31,96 (-2,31%)
     
  • S&P500

    4.170,42
    +45,76 (+1,11%)
     
  • DOW JONES

    34.035,99
    +305,10 (+0,90%)
     
  • FTSE

    7.018,59
    +35,09 (+0,50%)
     
  • HANG SENG

    28.969,71
    +176,57 (+0,61%)
     
  • NIKKEI

    29.683,37
    +40,68 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    13.999,25
    -14,75 (-0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7300
    +0,0089 (+0,13%)
     

Novo Galaxy S20 FE com Snapdragon 865+ é homologado pela Anatel

Renan da Silva Dores
·3 minuto de leitura

O Galaxy S20 FE chegou ao mercado em setembro do ano passado com a missão de atrair antigos donos do Galaxy S10 Lite ao trazer hardware de topo de linha a preços mais acessíveis, com cortes nos lugares certos. No entanto, a Samsung mudou sua estratégia e lançou duas variantes do novo topo de linha básico, uma com o Snapdragon 865 e outro com seu próprio Exynos 990.

A empresa espelhou o modelo de disponibilidade dos modelos principais da linha, com a variante com Snapdragon sendo exclusiva de alguns mercados onde o 5G já estava mais difundido, enquanto locais onde a quinta geração da rede móvel ainda não emplacou receberam a versão Exynos, como o Brasil. A ideia parece não ter retornado bons resultados para a gigante sul-coreana, que amarga vendas significativamente mais baixas que as atingidas pelo S10 Lite.

Tudo indica, no entanto, que a empresa pretende consertar seu erro com o lançamento de uma nova variante do S20 FE, desta vez equipada com o Snapdragon 865+. O modelo turbinado deve manter basicamente as mesmas especificações das versões que já estão à venda, com exceção do chip, e tem sido visto em certificações em órgãos pelo mundo, já munido do Android 11.

Variante com Snapdragon 865+ passa pela Anatel

Com número de modelo SM-G780G/DS, o novo Galaxy S20 FE com Snapdragon 865+ fez sua primeira aparição no início de março com Android 11, mas sem detalhes de suas especificações. Nas semanas seguintes, os rumores começaram a indicar que a Samsung lançaria a variante Snapdragon do aparelho em novos mercados, com o mesmo número de modelo envolvido nos vazamentos.

Com número de modelo SM-G780G/DS, o novo S20 FE com Snapdragon 865+ já passou pela Anatel (Imagem: Reprodução/TudoCelular)
Com número de modelo SM-G780G/DS, o novo S20 FE com Snapdragon 865+ já passou pela Anatel (Imagem: Reprodução/TudoCelular)

Agora, o novo dispositivo acaba de passar pela Anatel, praticamente confirmando sua chegada ao Brasil. Assim como o Galaxy S20, o S20 FE chegou por aqui munido do Exynos 990, o que causou certa aversão devido ao histórico controverso dos chips da companhia. Com a chegada do modelo com Snapdragon, o topo de linha básico pode voltar a balançar o mercado brasileiro, e dar trabalho ao recém-lançado Moto G100 da Motorola.

S20 FE com Exynos deve sair de linha

Ainda de acordo com os rumores, a nova estratégia da Samsung pode fazer com que o S20 FE com Exynos deixe de ser produzido. A informação chega através do renomado leaker Ice Universe, que cita a existência do modelo com Snapdragon 865+ e sugere que a variante Exynos sairá de linha. A substituição deve ser bem recebida pelos usuários, mas pode influenciar no preço do aparelho, considerando que o chip da Qualcomm possui custo elevado de implementação.

A nova versão do S20 FE deve ser bem recebida pelo público, mas pode ter preço final maior (Imagem: Divulgação/Samsung)
A nova versão do S20 FE deve ser bem recebida pelo público, mas pode ter preço final maior (Imagem: Divulgação/Samsung)

Diferenças no processamento à parte, o Galaxy S20 FE é equipado com tela Super AMOLED de 120 Hz com suporte a HDR10+, 6 GB ou 8 GB de RAM, 128 GB ou 256 GB de armazenamento expansível, câmera tripla com sensor principal de 12 MP, ultra wide de 12 MP e telefoto de 8 MP, sensor frontal de 32 MP e bateria de 4.500 mAh com suporte a carregamento rápido de 25 W, recarga sem fio de 15 W e carregamento reverso para acessórios.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: