Mercado abrirá em 9 h 14 min
  • BOVESPA

    113.583,01
    +300,34 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.598,53
    +492,82 (+0,96%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,18
    +0,73 (+0,97%)
     
  • OURO

    1.750,50
    -1,50 (-0,09%)
     
  • BTC-USD

    42.511,83
    -1.543,79 (-3,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.052,64
    -48,88 (-4,44%)
     
  • S&P500

    4.443,11
    -12,37 (-0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.869,37
    +71,37 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.063,40
    +11,92 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    24.588,17
    +379,39 (+1,57%)
     
  • NIKKEI

    30.139,65
    -100,41 (-0,33%)
     
  • NASDAQ

    15.171,25
    -23,50 (-0,15%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2919
    -0,0149 (-0,24%)
     

‘Novo Egito’: Fantástico mostra o paraíso das pirâmides com Bitcoin

·3 minuto de leitura
Praia do Forte em Cabo Frio Gas Consultoria
Praia do Forte em Cabo Frio Gas Consultoria

O Fantástico novamente voltou a Cabo Frio para mostrar que dez empresas são investigadas pelo Ministério Público, Polícia Federal e CVM, inclusive a maior da região, Gas Consultoria.

Essa é a segunda reportagem do programa de maior audiência dos domingos a noite sobre o assunto em duas edições seguidas. O que chamou atenção foi o caso de Wesley Pessano, morto a tiros no último mês quando trafegava em um veículo de luxo na Região dos Lagos.

Esse episódio de extrema violência acabou escancarando um problema da região, com a presença de pelo menos 10 empresas apontadas como pirâmides financeiras, que repercutiram no Fantástico.

Concorrentes na captação de clientes elas estariam até tentando matar os ‘traders’ e ‘empresário’ concorrentes, sugere a linha de investigação adotada pela polícia.

Na região, a empresa que mais chama atenção das autoridades é a Gas Consultoria, sob o comando de Glaidson Acacio Dos Santos e sua esposa venezuelana Mirelis Yoseline Diaz Zerpa, que constam como sócios no cadastro da empresa junto a Receita Federal.

Fantástico volta a falar da situação de Cabo Frio e da investigação contra a Gas Consultoria

Segundo o Fantástico, Cabo Frio ganhou o apelido de “Novo Egito” e já pode ser o paraíso das pirâmides. Com várias empresas da região operando esquemas similares as pirâmides financeiras, o problema só cresce.

No último domingo (22), o Fantástico mostrou que obteve acesso aos autos da investigação do Ministério Público contra a Gas Consultoria, revelando que a empresa já foi até ouvida pelos promotores.

Em sua fala, Glaidson Acacio disse que sua empresa não atua no ramo das criptomoedas, mas apenas com inteligência artificial, tecnologia da informação, computação robótica e produção de softwares, dando consultoria sobre esses temas.

Em abril de 2021, mais de R$ 7 milhões foram apreendidos em um helicóptero em Búzios, dinheiro que era da Gas Consultoria, afirmou o Fantástico. Dessa forma, Glaidson também é investigado pela Polícia Federal, com inquérito em aberto.

Além disso, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) já emitiu seu parecer afirmando que essa empresa tem indícios de que opera um esquema de pirâmide financeira. Assim, outro inquérito investiga as ações da Gas Consultoria que podem se tratar de um crime contra a economia popular.

Vale notar que a Gas Consultoria não tem sites e nem redes sociais para se apresentar aos clientes. A reportagem ainda tentou contato com Glaidson pelos telefones disponíveis no cadastro da empresa, mas não conseguiu.

Em nota, a empresa acabou se posicionando que a Gas, empresa de Glaidson, atua apenas no ramo de consultoria em tecnologia, não compactua com ilegalidades e está a disposição das autoridades e de todos para esclarecimentos.

Rastro de crimes na mira das autoridades locais

Com todos esses problemas, o mercado de criptomoedas de Cabo Frio e Região dos Lagos está sob a mira das autoridades locais, que montaram uma força-tarefa para apurar as denúncias já recebidas.

Contudo, os possíveis golpes já começaram a encerrar suas operações no local com a forte pressão dos investidores e inquéritos policiais. No início de julho, um grupo armado protestou contra uma empresa de Bitcoin em Cabo Frio, a Black Warior, que acabou encerrando suas atividades na cidade após esse episódio.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos