Mercado fechará em 6 h 14 min
  • BOVESPA

    122.573,88
    -1.002,68 (-0,81%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.633,91
    0,00 (0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,50
    -2,06 (-2,92%)
     
  • OURO

    1.835,70
    +21,60 (+1,19%)
     
  • BTC-USD

    39.178,93
    +593,56 (+1,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    960,62
    +33,85 (+3,65%)
     
  • S&P500

    4.408,92
    -14,23 (-0,32%)
     
  • DOW JONES

    34.915,13
    -201,27 (-0,57%)
     
  • FTSE

    7.115,80
    +10,08 (+0,14%)
     
  • HANG SENG

    26.426,55
    +231,73 (+0,88%)
     
  • NIKKEI

    27.584,08
    -57,75 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    15.046,25
    0,00 (0,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1604
    -0,0051 (-0,08%)
     

Novo cronograma do open banking prevê transferências apenas com Pix no sistema em agosto

·3 minuto de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO, 06.05.2021 - Pagamento realizado com o Pix, sistema de pagamentos, transferências DOC e TED gratuitos, em estabelecimento de São Paulo. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, 06.05.2021 - Pagamento realizado com o Pix, sistema de pagamentos, transferências DOC e TED gratuitos, em estabelecimento de São Paulo. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O BC (Banco Central) alterou novamente, nesta quinta-feira (24), o cronograma do open banking, ou sistema financeiro aberto. Na terceira fase, prevista para 30 de agosto, os usuários só poderão fazer transferências com Pix.

Inicialmente, estava prevista a implementação completa na data com outros meios de pagamento, como transferências (TED E DOC), débito em conta e boleto, mas as funcionalidades serão integradas ao sistema de forma escalonada nos meses seguintes.

De acordo com o BC, em 15 de fevereiro do próximo ano as pessoas poderão fazer transferência entre contas do mesmo banco e TED, em 30 de junho será oferecido pagamento por boleto e em 30 de setembro o débito em conta integrará o sistema.

Segundo Diogo Silva, chefe de subunidade no departamento de regulação do BC, o adiamento foi feito porque o Pix é um sistema da autoridade monetária, o que facilita sua padronização. "Há grande aceitação do Pix por parte da população e, no futuro, parece natural que seja substituto da TED, por exemplo", disse.

"Temos várias entregas [dentro do open banking] simultâneas e as instituições precisam testar as implementações e buscar certificações. Elas querem conferir antes de estar disponível para os consumidores", justificou.

Segundo o BC, em agosto apenas transferências estarão disponíveis por meio do Pix, a integração de outras funcionalidades ainda está sendo discutida.

Além disso, a possibilidade de encaminhamento de propostas de operações de crédito de instituições para os clientes, que também começaria em agosto, foi adiada para 30 de março do ano que vem.

A segunda fase, prevista para 15 de julho, não foi alterada. Na etapa, será feito o compartilhamento de dados cadastrais e transacionais dos consumidores entre as instituições participantes.

A quarta fase, que integra outros produtos financeiros além dos bancários, também foi mantida para 15 de dezembro, mas apenas para o compartilhamento de informações entre instituições e empresas. Os dados de clientes de outros setores, como seguros, investimentos e câmbios só poderão ser compartilhados a partir de 31 de maio de 2022.

Neste formato mais ampliado, o open banking passa a ser chamado de open finance (finanças abertas).

O open banking é o processo de compartilhamento de dados financeiros entre instituições. Esse processo, que só se dá com a expressa autorização do consumidor, favorece a busca por serviços e produtos em condições melhores, mais variados ou personalizados.

Assim, o consumidor poderá escolher compartilhar suas informações com diferentes instituições, podendo receber, por exemplo, propostas de crédito, cartões, câmbio, seguros ou investimentos que sejam adaptados à sua realidade ou perfil e que facilitem o dia a dia.

A primeira fase, que entraria em vigor em novembro do ano passado, foi adiada pelo BC e começou a ser implementada em fevereiro deste ano.

*

NOVO CRONOGRAMA DE IMPLEMENTAÇÃO DO OPEN BANKING NO BRASIL

15 de julho de 2021

Fase 2: Compartilhamento de dados cadastrais e transacionais entre as instituições participantes

30 de agosto de 2021

Fase 3: Compartilhamento de serviços de iniciação de pagamento (transferências) por meio do Pix

15 de dezembro de 2021

Fase 4: Compartilhamento de dados de instituições (como lista de produtos e preços) sobre demais operações, como câmbio, investimentos, previdência e seguros​

15 de fevereiro

Compartilhamento de transferências entre contas do mesmo banco e TED

30 de março de 2022

Compartilhamento do serviço de encaminhamento de proposta de operações de crédito

31 de maio de 2022

Compartilhamento de dados de clientes sobre demais operações, como câmbio, investimentos, previdência e seguros​

30 de junho de 2022

Compartilhamento de pagamento por boleto

30 de setembro de 2022

Compartilhamento de débito em conta

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos