Nova York comemora crescimento no número de turistas em 2012

Nova York, 31 dez (EFE).- Nova York voltou a bater este ano o recorde de turistas, com um total de 52 milhões de visitantes em 2012, obtendo acréscimo de 2,1% em comparação ao ano anterior, anunciou nesta segunda-feira o prefeito da cidade americana, Michael Bloomberg.

O setor de turismo gerou impacto econômico de US$ 55,3 milhões na cidade, com despesa direta de visitantes estimada em US$ 36,9 milhões, e com um total de noites hospedadas de 29 milhões.

"Nova York segue atraindo gente de todo mundo", explicou Bloomberg, em entrevista coletiva, na qual destacou que um terço de todos os turistas estrangeiros que visitam os Estados Unidos passam pela 'Big Apple'.

Os turistas americanos em Nova York americanos totalizaram 41 milhões, enquanto 11 milhões eram estrangeiros.

O setor do turismo emprega 356 mil pessoas, cerca de 4% mais do que no ano passado, com salário 50% superior ao da média da cidade. "É uma das fontes de emprego mais importantes" de Nova York, disse o prefeito.

Bloomberg destacou que o recorde de turistas aconteceu apesar da incerteza sobre a situação da economia mundial e os problemas que sofreu a cidade pelo furacão "Sandy". O fenômeno climático atingiu a cidade em 29 de outubro, causando 43 mortos e grandes inundações.

O prefeito disse, no entanto, que a cidade está recebendo cada vez mais turistas de mercados emergentes. Desde 2006, o crescimento de visitantes brasileiros foi de 447%, o de chineses de 442% e o de argentinos de 258%.

Michael Bloomberg aproveitou para ressaltar que Nova York oferece uma combinação sem igual de "cultura, culinária, parques, compras e energia", além de ser cada vez mais segura. O prefeito garantiu que o número de homicídios e tiroteios deste ano foi o menor desde a contabilização das estatísticas.

O objetivo da cidade é alcançar 55 milhões de visitantes em 2015, promovendo tanto o turismo tradicional como convenções e grandes reuniões. Bloomberg ainda lembrou a realização do "All Star Game" da MLB, que deve atrair grande número de fãs do esporte. EFE

Carregando...