Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.939,54
    -580,98 (-1,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.017,75
    -138,50 (-0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Nova teoria pode explicar existência da matéria escura

·2 minuto de leitura
Nova teoria pode explicar existência da matéria escura
Nova teoria pode explicar existência da matéria escura

A matéria escura é um dos maiores mistérios do universo. Responsável por cerca de 85% de toda a massa do cosmos, o material não emite luz e suas propriedades são desconhecidas. No entanto, um estudo da Universidade da Califórnia publicado no Journal of High Energy Physics pode ajudar a explicar do que é feito esse composto.

Nas últimas décadas, telescópios e diversos tipos de tecnologias de detecção espacial foram usadas para tentar estudar a matéria escura, no entanto, nada foi encontrado. Justamente o fato de ela não ser detectável que fez os pesquisadores desenvolverem uma nova teoria para sua existência.

O estudo indica a presença de uma dimensão extra no espaço-tempo, onde a matéria escura fica localizada. Isso ocorre pois as partículas do composto não se comportam como partículas que conhecemos devido a uma reação que ocorre na interação das moléculas do material. “Na última década, os físicos passaram a reconhecer que, além da matéria escura, as forças ocultas da escuridão podem governar as interações da matéria escura. Isso poderia reescrever completamente as regras de como se deve procurar a matéria escura”, disse Flip Tanedo, professor assistente de física e astronomia e autor do artigo.

Existência da matéria escura

“Nosso universo observado tem três dimensões de espaço. Propomos que pode haver uma quarta dimensão que apenas as forças escuras conhecem. A dimensão extra pode explicar por que a matéria escura se escondeu tão bem de nossas tentativas de estudá-la em um laboratório”, completou.

A característica principal da teoria extradimensional é que a força entre as partículas de matéria escura é descrita por um número infinito de partículas diferentes com massas diferentes chamadas de continuum. Já objetos comuns são feitos por um único tipo de partícula e massa fixa.

Leia mais:

Dessa forma, a matéria comum e a matéria escura não podem interagir entre si, o que gera a existência nula do material na nossa dimensão. “Meu programa de pesquisa visa uma das suposições que fazemos sobre a física das partículas: que a interação das partículas é bem descrita pela troca de mais partículas”, completa o pesquisador.

“Embora isso seja verdade para a matéria comum, não há razão para supor isso para a matéria escura. Suas interações poderiam ser descritas por um continuum de partículas trocadas em vez de apenas trocar um único tipo de partícula de força”, finaliza Tanedo.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos