Mercado abrirá em 4 h 34 min

Nova tecnologia Bluetooth promete revolucionar conteúdos sem fios

O Bluetooth ficou cada vez mais popular ao longo dos últimos anos, especialmente por causa da conexão com dispositivos como fones de ouvido sem fios, caixas de som portáteis e vestíveis como smartwatches e smartbands. Esta tecnologia está prestes a receber uma revolução com o chamado Bluetooth LE Audio, ou seja, uma série de melhorias em aspectos como eficiência energética e qualidade de som, entre outros.

Codec LC3 permitirá um aumento de qualidade a taxas de bits semelhantes (Imagem: Bluetooth SIG)
Codec LC3 permitirá um aumento de qualidade a taxas de bits semelhantes (Imagem: Bluetooth SIG)

O conjunto de vantagens já tinha sido anunciado no início de 2020 pelo Bluetooth SIG, organização responsável pelos padrões implementados nessa tecnologia de conectividade. Entretanto, o início da pandemia de covid-19 fez com que o lançamento da novidade fosse adiado até agora.

O Bluetooth LE Audio promete uma série de inovações, e a mais relevante delas é a adoção de um novo codec chamado LC3. Com ele, é possível transmitir áudio com uma qualidade muito mais alta, com taxas de bits semelhantes às que já são vistas atualmente — ou, alternativamente, manter a qualidade atual a uma taxa de bits mais baixa, o que reduz o consumo de energia e aumenta a duração de baterias.

Bluetooth LE Audio multiplicará possibilidades de pareamento

Dispositivos poderão ser conectados ao Bluetooth assim como acontece com o Wi-Fi (Imagem: Captura de tela/Bluetooth SIG)
Dispositivos poderão ser conectados ao Bluetooth assim como acontece com o Wi-Fi (Imagem: Captura de tela/Bluetooth SIG)

Outro recurso prometido pelo Bluetooth LE Audio é o chamado Auracast. Com ele, usuários poderão conectar múltiplos dispositivos de áudio em uma mesma fonte, ao mesmo tempo e com áudio sincronizado.

Dessa forma, redes de Bluetooth serão compartilhadas e encontradas de forma similar ao que já acontece com o Wi-Fi, em que uma lista de conexões próximas será mostrada. Naturalmente, elas deverão ser protegidas por meio de senhas, e outras maneiras de pareamento ainda incluem a leitura de QR Codes ou aproximação com NFC.

Além disso, a nova tecnologia permitirá que fones TWS mantenham conexões mais estáveis, já que cada lado do produto poderá realizar suas comunicações de forma independente. Espera-se que o Bluetooth LE Audio traga melhorias também para outros produtos além dos fones, como aparelhos auditivos, por exemplo.

Ainda não se sabe exatamente quando as novidades serão popularizadas, mas é provável que aconteça ao longo dos próximos meses — a versão beta do Android 13 já prevê a compatibilidade com o Bluetooth LE Audio. Usuários de alguns produtos atuais já poderão usufruir da tecnologia, mas estimativas mostram que grande parte dos itens utilizados no momento não serão compatíveis.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos