Mercado abrirá em 6 h 43 min

Nova patente registrada pela Sony revela detalhes do controle do PlayStation 5

Rafael Arbulu

A Sony fez um pedido emergencial de registro de patentes que mostra alguns novos detalhes do que pode vir a ser o controle de seu novo console, o PlayStation 5, previsto para lançamento apenas em dezembro de 2020. Segundo a documentação, a fabricante japonesa deve remover um ou dois botões do layout atual, mas também incluirá diversos outros botões, especialmente na parte traseira do joystick.

De acordo com os diagramas desenhados no registro, parece que o DUALSHOCK 5 deve se manter relativamente igual em design em relação ao modelo do PlayStation 4 atual. Algumas diferenças, porém, se fazem notar: serão dois pares de botões – um grande e um pequeno – alinhados na traseira do controle. Ao que tudo indica, os botões terão funções delegadas pelo seu tamanho: os maiores serão voltados ao conforto na “pegada” do usuário, enquanto os menores, pela vaga descrição da patente, trarão “novas opções de comando para personagens”.

(Imagem: Reprodução/Let's Go Digital)

Ainda não existe uma imagem – nem mesmo conceitual ou de algum kit de desenvolvedor – dos controles do PlayStation 5, então é meio difícil determinar ou especular qualquer utilidade dos novos botões. A Sony, porém, não é alheia ao uso de botões traseiros, tendo lançado recentemente um acessório a ser acoplado ao DUALSHOCK 4, com o mesmo funcionamento (ainda que em funções diferentes).

Ademais, o site holandês Let’s Go Digital aponta que esta patente foi especificamente registrada dentro da categoria de “Utilidade” e não de “Design”. Há uma diferença importante aqui: “Design” implica aprimorar um produto já existente, ao passo que “Utilidade” normalmente é usada para a criação de novos produtos. Ainda que o controle do PlayStation 5 seja de fato um “novo” produto em si, existe a possibilidade de que essa patente seja para algo totalmente alheio ao PlayStation 5.

Por ora, a Sony se mantém em seu característico silêncio. O PlayStation 5 já teve até um jogo anunciado, mas a fabricante japonesa só deve começar a mostrá-lo, de fato, a partir do mês de fevereiro ou março, quando a empresa produz eventos próprios para o setor de jogos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: