Mercado abrirá em 9 mins
  • BOVESPA

    119.646,40
    -989,99 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.125,71
    -369,70 (-0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,91
    -0,40 (-0,75%)
     
  • OURO

    1.871,40
    +4,90 (+0,26%)
     
  • BTC-USD

    32.708,10
    -794,00 (-2,37%)
     
  • CMC Crypto 200

    648,98
    -51,64 (-7,37%)
     
  • S&P500

    3.851,85
    +52,94 (+1,39%)
     
  • DOW JONES

    31.188,38
    +257,86 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.748,42
    +8,03 (+0,12%)
     
  • HANG SENG

    29.927,76
    -34,71 (-0,12%)
     
  • NIKKEI

    28.756,86
    +233,60 (+0,82%)
     
  • NASDAQ

    13.343,00
    +48,75 (+0,37%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4219
    +0,0139 (+0,22%)
     

Nova central multimídia da Jaguar usa IA para prever o que usuário quer fazer

Felipe Ribeiro
·2 minuto de leitura

As centrais multimídia estão ganhando cada vez mais importância dentro dos automóveis. Antes considerados artigos de luxo, hoje esses aparelhos podem, inclusive, determinar se a pessoa vai ou não adquirir aquele automóvel e se tornaram itens obrigatórios em qualquer modelo. A maior parte delas reúne características bem parecidas, como a possibilidade de pareamento com dispositivos Android e iOS e a tela sensível ao toque. Esse último item, porém, pode estar com os dias contados graças a uma nova tecnologia desenvolvida pela Jaguar Land Rover.

A montadora britânica, em parceria com a Universidade de Cambridge, criou uma tecnologia chamada de "toque preditivo", que permite a interação com a tela sem a necessidade de tocá-la. Isso ocorre graças ao auxílio de inteligência artificial e sensores que captam o movimento dos dedos.

A Jaguar Land Rover alega que o toque preditivo pode reduzir o uso da tela sensível ao toque em até 50%, mantendo o motorista com os olhos na estrada por mais tempo e reduzindo a proliferação de bactérias e vírus. Ainda não foi visto o quão bem essa tecnologia funciona, como vimos tecnologias semelhantes aparecerem nos smartphones ao longo dos anos com graus variados de sucesso, mas nenhuma delas se mostrou mais eficaz do que tocar fisicamente no visor.

Arte mostra como seria essa nova tela multimídia sem toque (Imagem: Jaguar Land Rover)
Arte mostra como seria essa nova tela multimídia sem toque (Imagem: Jaguar Land Rover)

Também não está claro quando essa tecnologia poderá equipar os carros do grupo britânico, mas a empresa diz que ela pode ​​ser perfeitamente integrada às telas sensíveis ao toque e às telas interativas existentes, desde que os dados sensoriais corretos estejam disponíveis para suportar o algoritmo de machine learning. Isso pode significar que há a possibilidade de que esse recurso possa ser enviado over the air para modelos já existentes.

Em outras palavras, o toque preditivo pode muito bem ser oferecido por meio de uma atualização para alguns veículos — resta saber exatamente quais.

Central do Polo Beats tem tecnologia parecida com a proposta pela Jaguar (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)
Central do Polo Beats tem tecnologia parecida com a proposta pela Jaguar (Imagem: Felipe Ribeiro/Canaltech)

Nos testes do Canaltech já nos deparamos com algo próximo a isso que a Jaguar está propondo. A central multimídia do Volkswagen Polo Beats, por exemplo, se antecipa a alguns movimentos quando você aproxima o dedo da tela, mostrando indicadores e controladores, por exemplo.

Resta saber se essa nova tecnologia, além de usual, será segura.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: