Mercado fechará em 5 h 56 min
  • BOVESPA

    98.288,08
    -1.333,50 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.470,46
    -591,15 (-1,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    107,80
    -1,98 (-1,80%)
     
  • OURO

    1.819,40
    +1,90 (+0,10%)
     
  • BTC-USD

    18.879,29
    -1.207,15 (-6,01%)
     
  • CMC Crypto 200

    403,86
    -27,61 (-6,40%)
     
  • S&P500

    3.742,37
    -76,46 (-2,00%)
     
  • DOW JONES

    30.460,62
    -568,69 (-1,83%)
     
  • FTSE

    7.133,05
    -179,27 (-2,45%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    26.393,04
    -411,56 (-1,54%)
     
  • NASDAQ

    11.409,50
    -281,50 (-2,41%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4682
    +0,0576 (+1,06%)
     

Nothing Phone (1): lançamento terá venda limitada por convites

A nova empresa de Carl Pei, fundador da OnePlus, vai se inspirar no lançamento do primeiro smartphone da marca em 2014 e adotar a mesma estratégia de limitar as unidades de vendas do Nothing Phone (1) por meio de convites aos interessados.

No mais novo vídeo publicado pela Nothing em seu canal oficial no YouTube, executivos da empresa discutem a adoção do sistema de convites, afirmando que “o importante é que pessoas da comunidade tenham o primeiro acesso” ao produto.

Akis Evangelidis, co-fundador da Nothing e chefe de marketing, sintetiza a estratégia afirmando que entregará os primeiros convites às pessoas da comunidade, independentemente de suas intenções de comprar ou não durante a pré-venda: “queremos ter certeza que os apoiadores iniciais […] sejam os primeiros a ter o Phone (1).”

Carl Pei, co-fundador e CEO da Nothing, destaca que a estratégia de lançar o produto de uma vez para todos os interessados tem seus problemas, uma vez que a empresa enfrentou falta de estoque do fone de ouvido Ear (1) pouco após o início das vendas.

Nothing Phone (1) aposta no visual único para atrair público (Imagem: YouTube/Marques Brownlee)
Nothing Phone (1) aposta no visual único para atrair público (Imagem: YouTube/Marques Brownlee)

“Podemos esperar até que tenhamos vários celulares acumulados e então começar a vender ou podemos iniciar as vendas o mais rápido possível. Escolhemos o segundo”, revela Carl Pei.

O executivo quer que algumas pessoas que acompanharam a trajetória da Nothing e esperam há um ano pela chegada do Phone (1) tenham acesso o quanto antes. “E conforme produzimos mais e mais [smartphones], conforme a produção aumenta, podemos abrir para que mais e mais pessoas comprem.”

Nothing Phone (1) se destaca pela traseira transparente e símbolos iluminados com 900 LEDs (Imagem: Reprodução/Nothing)
Nothing Phone (1) se destaca pela traseira transparente e símbolos iluminados com 900 LEDs (Imagem: Reprodução/Nothing)

O Nothing Phone (1) teve seu design revelado após muitas expectativas, sendo um aparelho de laterais retas de alumínio, tela flat com entalhe no canto superior esquerdo para a câmera de selfies e tampa traseira exclusiva com LEDs chamados de “Glyph”, permitindo que notificações, chamadas telefônicas e outros recursos aproveitem a iluminação para destacar o dispositivo dos demais.

Até o momento a fabricante não revelou detalhes a respeito das especificações do smartphone, mas vazamentos indicam que o Phone (1) terá processador Snapdragon 7 Gen 1, tela de 90 Hz, bateria de 4.500 mAh e recarga por fio de até 65W, além de suportar carregamento sem fio e reverso.

O aparelho será lançado oficialmente no dia 12 de julho e mais detalhes ainda serão divulgados oficialmente pela Nothing até lá.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos