Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.923,93
    +998,33 (+0,90%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.234,37
    -223,18 (-0,43%)
     
  • PETROLEO CRU

    80,34
    -0,88 (-1,08%)
     
  • OURO

    1.811,40
    -3,80 (-0,21%)
     
  • BTC-USD

    16.977,18
    -75,99 (-0,45%)
     
  • CMC Crypto 200

    404,33
    +2,91 (+0,72%)
     
  • S&P500

    4.071,70
    -4,87 (-0,12%)
     
  • DOW JONES

    34.429,88
    +34,87 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.556,23
    -2,26 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    18.675,35
    -61,09 (-0,33%)
     
  • NIKKEI

    27.777,90
    -448,18 (-1,59%)
     
  • NASDAQ

    11.979,00
    -83,75 (-0,69%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4940
    +0,0286 (+0,52%)
     

Nomura prevê impulso menor de recuperação do S&P 500 após Fed

(Bloomberg) -- O mercado de derivativos indica que o ritmo de recuperação do índice S&P 500 deve diminuir após a decisão de juros do Federal Reserve, segundo o Nomura.

No momento, a volatilidade relativamente baixa antes da reunião de quarta-feira mostra que o mercado de opções está “cada vez mais otimista” sobre a decisão, disse o estrategista quantitativo Yoshitaka Suda em uma nota. Mas uma mudança no posicionamento com opções pode pesar no mercado, acrescentou.

As esperanças de uma virada dovish do banco central dos EUA aumentaram, mesmo com os formuladores de política monetária prestes a realizar um aumento agressivo de juros pela quinta vez consecutiva.

Mas o índice S&P 500 até agora não conseguiu escapar do mercado de baixa em que entrou em junho. Na tentativa mais recente, o indicador subiu 9% desde 12 de outubro, quando fechou no nível mais baixo desde novembro de 2020.

O risco da reunião do Fed para as ações parece estar principalmente no lado negativo, já que a volatilidade implícita de uma semana para o S&P 500 está “no 20º percentil para a semana anterior às reuniões do FOMC desde janeiro de 2012”, escreveu Suda.

Ele disse que a cobertura de posições a descoberto impulsionou grande parte da recuperação, mas a posição gama dos operadores “já mudou do lado curto para o longo”. Isso levaria os operadores a irem contra a tendência predominante para manter uma exposição de mercado neutra.

Esse movimento dos operadores poderia reduzir o impacto do desmonte de posições curtas.

More stories like this are available on bloomberg.com

©2022 Bloomberg L.P.