Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,83 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,39 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,98
    +1,48 (+1,79%)
     
  • OURO

    1.793,10
    +11,20 (+0,63%)
     
  • BTC-USD

    61.000,51
    +173,77 (+0,29%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,69 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,94 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.204,55
    +14,25 (+0,20%)
     
  • HANG SENG

    26.126,93
    +109,40 (+0,42%)
     
  • NIKKEI

    28.804,85
    +96,27 (+0,34%)
     
  • NASDAQ

    15.324,00
    -154,75 (-1,00%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5808
    -0,0002 (-0,00%)
     

No STJD, Flamengo pede não reconhecimento de recurso contra liminar de público em jogos do time

·1 minuto de leitura


Na última segunda-feira, o departamento jurídico do Flamengo ingressou no STJD com um pedido pelo não reconhecimento dos recursos dos 17 clubes e da CBF contra a liminar que liberava a presença de torcedores nos jogos do Rubro-Negro. A informação é do site "ge".

> Como chega o Barcelona para a semifinal da Libertadores contra o Flamengo

O Flamengo alega que a ação dos 17 clubes e da CBF no STJD foi realizada fora do prazo previsto no Código Brasileiro de Justiça Desportiva CBJD). Conforme revelou o site, o clube cita o artigo 138 do CBJD, que prevê três dias, "contados da proclamação do resultado do julgamento", para recursos voluntários.

- No caso em tela, a decisão liminar foi deferida em 4 de agosto de 2021, ou seja, há mais de 40 (quarenta) dias... de modo que a intempestividade é indubitável - diz um trecho da defesa do Flamengo.

> Quem será o campeão da Libertadores? Veja as chaves e simule!

Já a CBF afirma que foi notificada da decisão apenas no dia 14 de setembro. Assim, a entidade estaria dentro do prazo de recurso previsto no CBJD. Ainda segundo o site, o caso seria levado a julgamento no dia 23 de setembro. No entanto, como haverá novo Conselho Técnico no dia 28 entre os clubes, o julgamento foi desmarcado.

Vale lembrar que, na última quinta-feira, o vice-presidente do STJD, Felipe Bevilaquia, derrubou a liminar que dava ao Rubro-Negro aval para a realização de partidas com público no Campeonato Brasileiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos