Mercado abrirá em 9 h 13 min
  • BOVESPA

    95.368,76
    -4.236,78 (-4,25%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    37.393,71
    -607,60 (-1,60%)
     
  • PETROLEO CRU

    37,58
    +0,19 (+0,51%)
     
  • OURO

    1.879,00
    -0,20 (-0,01%)
     
  • BTC-USD

    13.247,36
    +30,07 (+0,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    262,21
    -10,48 (-3,84%)
     
  • S&P500

    3.271,03
    -119,65 (-3,53%)
     
  • DOW JONES

    26.519,95
    -943,24 (-3,43%)
     
  • FTSE

    5.582,80
    -146,19 (-2,55%)
     
  • HANG SENG

    24.438,04
    -270,76 (-1,10%)
     
  • NIKKEI

    23.249,75
    -168,76 (-0,72%)
     
  • NASDAQ

    11.237,00
    +104,25 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7402
    +0,0058 (+0,09%)
     

Nintendo vence processo milionário contra loja que fazia desbloqueio do Switch

Felipe Ribeiro
·1 minuto de leitura

Se há uma empresa no mundo dos games que combate ferrenhamente a pirataria, essa empresa é a Nintendo. E mais um capítulo dessa saga terminou nesta semana. Depois de processar a Uberchips.com, uma loja online que vendia os desbloqueios da Team-Xecuter para o Switch, chegou a hora de gozar da "vitória". A Big N receberá algo na casa de US$ 2 milhões por um acordo que, além de englobar o fechamento da loja e de seus ativos, também vai garantir que os chips e hacks sejam destruídos.

Leia também: Nintendo processa vendedores de chips piratas para o Switch

Em uma ação conjunta, a Nintendo e a própria Uberchips apresentaram uma proposta de decisão final e uma liminar permanente. Como esperado, a loja está proibida de vender chips Team-Xecuter ou dispositivos semelhantes daqui em diante.

A liminar permanente com a qual ambas as partes concordaram proíbe o operador do site de trafegar em qualquer dispositivo fraudulento, incluindo SX Pro, SX Core e SX Lite, que foram lançados recentemente e que funcionam em qualquer versão do Switch, ao contrário dos desbloqueios mais antigos, que funcionavam apenas no Switch clássico. Violar os direitos autorais da Nintendo de qualquer outra forma também não é uma opção, e todo o estoque restante deve ser destruído.

Parte do documento de acordo entre Nintendo e Uberchips/ (Imagem: Torrent Freak)
Parte do documento de acordo entre Nintendo e Uberchips/ (Imagem: Torrent Freak)

De acordo com o Torrent Freak, o julgamento da ação em si ainda não foi finalizado, uma vez que Nintendo e Uberchips acabaram de fechar o acordo. Mas, se tudo correr bem, o processo deve ser finalizado sem maiores problemas, pois trata-se de uma ação de encerramento consensual. Ainda segundo o site, a Big N segue perseguindo outros destravamentos do Switch.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: