Mercado abrirá em 2 h 18 min
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    75,06
    +1,08 (+1,46%)
     
  • OURO

    1.748,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    43.872,04
    +807,73 (+1,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.093,05
    -10,01 (-0,91%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.067,76
    +16,28 (+0,23%)
     
  • HANG SENG

    24.208,78
    +16,62 (+0,07%)
     
  • NIKKEI

    30.240,06
    -8,75 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    15.274,00
    -44,75 (-0,29%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2461
    -0,0095 (-0,15%)
     

Nintendo Switch │ Como trocar os Joy-Con com drift de graça

·6 minuto de leitura

Os controles do seu Nintendo Switch começaram a se mexer sozinhos? Isso pode ser um problema chamado “drift”, muito comum nos Joy-Con desde o lançamento do console, em 2017.

Embora não seja a única a lidar com o defeito (o controle DualSense, do PlayStation 5, também sofre com drift), a empresa já foi até alvo de ação coletiva nos Estados Unidos em julho de 2019, que a acusa de negligência. Além disso, o recém-anunciado Nintendo Switch OLED também não deve trazer nenhuma mudança interna nos Joy-Con.

A boa notícia é que a própria Nintendo oferece a troca dos controles com drift de graça, mesmo se o aparelho estiver fora da garantia. Saiba mais sobre esse defeito e como entrar em contato com a assistência da Nintendo no Brasil neste artigo.

O que causa o drift?

Até o momento, a Nintendo não explicou oficialmente o motivo dos Joy-Con terem drift. Contudo, os próprios usuários têm algumas apostas: a primeira teoria diz que o drift é causado pela poeira ou pela sujeira que entra no controle; a segunda diz que as partes internas se desgastam após o uso contínuo do controle, deixando o botão “frouxo” — por isso há mais relatos de drift no controlador esquerdo.

Drift nos Joy-Con é muito chato. Porém, tem como resolver — e de graça! (Foto: Divulgação/Nintendo)
Drift nos Joy-Con é muito chato. Porém, tem como resolver — e de graça! (Foto: Divulgação/Nintendo)

O que a Nintendo fez para resolver o problema?

Tecnicamente, nada. A estrutura do Joy-Con é a mesma desde o lançamento. Nem mesmo a chegada do novo Nintendo Switch OLED deve mudar o problema.

Em 2019, a empresa divulgou um documento oficial dizendo estar ciente do problema:

“Na Nintendo, temos muito orgulho em criar produtos de qualidade e estamos continuamente fazendo melhorias neles. Estamos cientes dos relatos recentes de que alguns controladores Joy-Con não estão respondendo corretamente. Queremos que os nossos consumidores se divirtam com o Nintendo Switch e, se alguma coisa atrapalhar esse objetivo, recomendamos que visitem https://support.nintendo.com para que possamos ajudar”.

Em 2020, o presidente da Nintendo, Shuntaro Furukawa, pediu desculpas durante uma reunião com investidores por “quaisquer inconveniências experienciadas pelos consumidores”. Devido ao andamento da ação coletiva nos Estados Unidos, ele ainda falou: “não tenho informações para compartilhar sobre quaisquer ações específicas que tomamos”.

Mesmo assim, fãs ao redor do mundo tentam resolver o drift sozinhos. Recentemente, um youtuber descobriu que um pedaço de papel pode sanar o problema. O porém é que desmontar qualquer parte do console viola a política de garantia da Nintendo.

Como pedir a troca ou reparo do Joy-Con com drift?

A maneira oficial de resolver o drift é solicitar a troca ou reparo dos Joy-Con para a própria Nintendo. A empresa informou ao Canaltech que o mais recorrente é os controles serem trocados por novos. Mas atenção: usuários relatam que nem sempre há no estoque os mesmos modelos e cores — ou seja, existe a chance de você enviar seus Joy-Con especiais e receber um par vermelho e azul ou cinza padrões, por exemplo. Você deverá ser informado por email.

Felizmente, todo o processo é gratuito. O usuário não paga para enviar os controles pelo Correio nem para receber os novos.

Seus Joy-Cons especiais estão com defeito? Pense bem antes de enviar pra assistência, pois eles podem não voltar (Foto: Divulgação/Nintendo)
Seus Joy-Cons especiais estão com defeito? Pense bem antes de enviar pra assistência, pois eles podem não voltar (Foto: Divulgação/Nintendo)

A assistência técnica autorizada pela Nintendo no Brasil é a Deal4b. Desde setembro de 2020, eles são o centro oficial de reparos de Nintendo Switch, Nintendo Switch Lite e Pro Controller, estejam eles dentro ou fora da garantia de três meses.

A Nintendo orienta o usuário a enviar um email para suporte.nintendo@deal4b.com.br solicitando a troca ou o reparo. Também há um número de telefone para tirar dúvidas: (11) 3197–4895 — o Canaltech, porém, não conseguiu ser atendido nos nossos testes.

A Deal4b pede que, neste primeiro contato, o cliente solicite apenas o atendimento, sem enviar nenhuma informação pessoal. Depois, a empresa responderá o email e enviará alguns termos e condições prévias. Caso o usuário concorde, dá-se início ao processo.

A empresa vai pedir algumas informações básicas, como:

  • Nome completo

  • CPF ou CNPJ

  • Endereço completo com CEP

  • E-mail

  • Telefone

  • Informações dos produtos que serão enviados

A empresa também deverá pedir uma foto ou vídeo que comprovem o defeito. Você pode gravar com a câmera do celular mesmo, mostrando algo se mexendo na tela sem a movimentação dos botões.

Outra sugestão mais certeira é gravar um vídeo mostrando a calibração dos botões. O passo a passo é o seguinte:

  1. Na tela inicial do Switch, vá em Configuração do console

  2. Desça o menu até Controles e sensores

  3. Entre em Calibrar Botões Analógicos

  4. Aperte o botão analógico com defeito

  5. Mexa o botão analógico até que o ícone do desenho ande sozinho para algum lado

  6. Com um celular, grave um vídeo do Nintendo Switch

Quando o controle está com drift, o ícone de "+" se mexe sozinho (Captura de tela: Felipe Goldenboy/Canaltech)
Quando o controle está com drift, o ícone de "+" se mexe sozinho (Captura de tela: Felipe Goldenboy/Canaltech)

É possível que a assistência peça informações sobre o número de série do videogame. Você consegue essas informações seguindo o tutorial abaixo:

  1. Na tela inicial, vá em Configuração do console

  2. Procure por Console

  3. Vá até Número de série

  4. Nesta página você encontrará os números de série do console, da bateria e de cada Joy-Con.

Nesta tela, você consegue ver todos os códigos necessários (Captura de tela: Felipe Goldenboy/Canaltech)
Nesta tela, você consegue ver todos os códigos necessários (Captura de tela: Felipe Goldenboy/Canaltech)

Após as informações serem enviadas, você deverá receber um email dos Correios autorizando a postagem. Como a modalidade utilizada é a de logística reserva, você não paga nada por isso: é só informar o número na agência que o envio para a Deal4b será feito sem qualquer custo.

Em contato por email, a Deal4b informou ao Canaltech o seguinte:

"Após a chegada do produto na empresa, ele é submetido a uma análise técnica. No caso dos Joy-con, caso seja constatado que há um desgaste nos analógicos, nós temos autorização da Nintendo para realizar a troca por novos Joy-con."

O vaivém dos joysticks pode demorar semanas, dependendo da demanda da empresa. Entretanto, relatos na internet contam que a troca costuma acontecer em alguns dias apenas.

E se meu Nintendo Switch Lite ou Pro Controller tiver drift?

Controles do Nintendo Switch Lite não são destacáveis como os do Nintendo Switch padrão (Foto: Divulgação/Nintendo)
Controles do Nintendo Switch Lite não são destacáveis como os do Nintendo Switch padrão (Foto: Divulgação/Nintendo)

Os relatos de drift no Nintendo Switch Lite e no Pro Controller são poucos quando comparados aos dos Nintendo Switch padrão. Entretanto, caso você tenha a má sorte, poderá realizar o mesmo processo para contatar a assistência autorizada da Nintendo. O problema é que a troca ou o reparo não será de graça, e os valores podem variar — a menos que o aparelho esteja na garantia de três meses. "Cada caso é tratado de forma individual, e após a análise nós fornecemos todas as informações que o cliente solicita acerca do problema", informou a Deal4b.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos