Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.426,00
    -522,45 (-0,51%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.831,95
    -213,15 (-0,42%)
     
  • OURO

    1.861,20
    -0,20 (-0,01%)
     
  • BTC-USD

    54.389,37
    -750,86 (-1,36%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.402,14
    -65,80 (-4,48%)
     
  • S&P500

    4.704,54
    +15,87 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.870,95
    -60,10 (-0,17%)
     
  • FTSE

    7.255,96
    -35,24 (-0,48%)
     
  • HANG SENG

    25.319,72
    -330,36 (-1,29%)
     
  • NIKKEI

    29.683,09
    +84,43 (+0,29%)
     
  • NASDAQ

    16.494,75
    +13,50 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3313
    +0,0125 (+0,20%)
     

Nikon apresenta câmera Z9 com suporte para captura de até 120 fotos por segundo

·4 min de leitura

A Nikon apresentou de forma oficial nesta quinta-feira (28) a sua nova câmera mirrorless, a Z9. Com recursos voltados para praticidade de uso e alta qualidade de imagem, a marca procura colocar mais um produto competitivo no mercado de dispositivos do tipo, competindo contra modelos como a Sony A1 e a Canon EOS R3.

Nikon Z9 tem sensor de 45,7 MP e grava vídeos em 8K

O corpo da câmera traz uma construção bastante similar a produtos anteriores da marca, porém com reposicionamentos no botão para reproduzir conteúdos capturados na galeria e também no comando de foco automático, controles que foram colocados em locais diferentes para otimizar a ergonomia em diversas situações de uso.

Na parte interna, a Z9 tem um sensor de 45,7 megapixels, com suporte para 20 capturas de fotos por segundo em formato RAW, ou até 30 fotos por segundo em JPEG — também é possível alcançar até 120 fotos por segundo no modo de captura em 11 megapixels. Pela primeira vez, a Nikon lança uma câmera profissional sem a presença de um obturador mecânico, indicando que a marca confia na qualidade de seu obturador eletrônico.

Câmera pode tirar até 120 fotos por segundo em 11 megapixels (Imagem: Divulgação/Nikon)
Câmera pode tirar até 120 fotos por segundo em 11 megapixels (Imagem: Divulgação/Nikon)

Com essas características, a Z9 tem suporte para sincronização com flash a até 1/200 de segundo, ou seja, a maior velocidade já registrada em um obturador eletrônico. Isso também significa que o produto é bastante resistente ao rolling shutter, e portanto deverá apresentar resultados sem distorções em capturas de imagens em movimentos rápidos, como esportes, pássaros ou outros animais.

Além disso, a tecnologia de sensor empilhado permite que os tempos de buffering sejam consideravelmente melhorados, o que leva a uma capacidade de até mil capturas em sequência no modo JPEG ou com algoritmos de compressão de alta eficiência. Para vídeos, a Z9 traz suporte para gravação em resolução 8K a 30 fps e 10-bit, ou 4K com oversample e a mesma taxa de quadros. Para o 4K tradicional, é possível fazer gravações a até 120 fps — a Nikon anunciou que uma futura atualização de firmware possibilitará a gravação em 8K@60 fps a 12-bit, além de permitir a utilização do formato Apple ProRes RAW a 4K@60 fps, e trazer um novo formato proprietário chamado de N-RAW.

Recursos de IA foram incrementados

Foco automático é capaz de detectar animais em rápido movimento (Imagem: Divulgação/Nikon)
Foco automático é capaz de detectar animais em rápido movimento (Imagem: Divulgação/Nikon)

Além da alta capacidade de captura de fotos, a câmera Z9 é a mais inteligente que a Nikon já produziu, de acordo com a marca. O sistema de foco automático foi completamente redesenhado, e consegue identificar uma grande diversidade de elementos na cena, como olhos, faces e corpos de pessoas, além de cachorros, gatos, pássaros e outros animais, aviões, trens, motocicletas e bicicletas.

O reconhecimento desses seres e objetos não precisa ser especificado pelo usuário, já que o modo automático já será capaz de identificar o que está enquadrado. A Z9 também tem um sistema de monitoramento 3D de conteúdos, o que poderá ajudar no foco de elementos em movimentações rápidas.

Obturador eletrônico da câmera promete alta performance e sem rolling shutter (Imagem: Divulgação/Nikon)
Obturador eletrônico da câmera promete alta performance e sem rolling shutter (Imagem: Divulgação/Nikon)

Já a estabilização de imagem — denominada de "Redução de Vibração" pela Nikon — é capaz de combinar movimentos do corpo da câmera e da lente para compensação de tremidas indesejadas, o que resultará em fotos e vídeos com menos borrões. Porém, o recurso só poderá ser utilizado de forma completa em conjunto com uma quantidade limitada de lentes, que incluem a recém lançada Z 100-400mm F/4.5-5.6 VR S, e também as já conhecidas Nikkor Z 70-200m F/2.8 e Z MC 105mm f/2.8 VR.

A construção da Z9 ainda traz um visor interno com tecnologia OLED, 3,69 milhões de pontos e suporte para 60 Hz, além de um display LCD na parte traseira, que não traz suportes completamente articuláveis mas é capaz de fazer algumas movimentações mais simples. De acordo com a Nikon, a bateria do produto tem capacidade para até 740 fotos por carga usando a tela, ou 700 fotos com a utilização do visor.

As fotos e vídeos capturados podem ser gravados por meio de cartão CFexpress tipo B, e há uma entrada USB para transferência de arquivos de forma rápida, além de compatibilidade com os aplicativos NX MobileAir e NX Tether, que poderão auxiliar na organização dos arquivos, upload e edição de conteúdos.

Preço e disponibilidade

Produto pode fazer gravações a 8K e 30 quadros por segundo (Imagem: Divulgação/Nikon)
Produto pode fazer gravações a 8K e 30 quadros por segundo (Imagem: Divulgação/Nikon)

A Nikon Z9 será vendida nos Estados Unidos a partir do final do ano, com um preço sugerido de 5.500 dólares (cerca de R$ 30.886 em conversão direta) — para efeito de comparação, a câmera Sony A1 é disponibilizada a partir de 6.500 dólares (R$ 36.502), e a Canon EOS R3 custa 6.000 dólares (R$ 33.964).

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos