Mercado fechará em 3 h 6 min
  • BOVESPA

    111.162,77
    -2.420,23 (-2,13%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.112,23
    -486,30 (-0,94%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,73
    -0,72 (-0,95%)
     
  • OURO

    1.737,70
    -14,30 (-0,82%)
     
  • BTC-USD

    41.277,28
    -1.698,86 (-3,95%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.018,41
    -38,74 (-3,66%)
     
  • S&P500

    4.351,26
    -91,85 (-2,07%)
     
  • DOW JONES

    34.302,22
    -567,15 (-1,63%)
     
  • FTSE

    7.028,10
    -35,30 (-0,50%)
     
  • HANG SENG

    24.500,39
    +291,61 (+1,20%)
     
  • NIKKEI

    30.183,96
    -56,10 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.770,75
    -424,00 (-2,79%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3480
    +0,0412 (+0,65%)
     

NFTs são o modelo de negócio ideal para o mundo ‘metaverso’

·2 minuto de leitura
O 'metaverso' terá um impacto profundo na vida das pessoas e mudará a economia de forma significativa. (Tristan Fewings/Getty Images for Sotheby's)
  • Tokens não-fungíveis poderão ser a fonte de renda para o mundo ‘metaverso’

  • ‘Valores devem passar de US$ 175 bilhões’, afirma pioneiro da criptomoeda

  • Modelos de negócio serão adaptados para compra e venda de NFTs

O 'metaverso' terá um impacto profundo na vida das pessoas e mudará a economia de forma significativa. Quem faz essa afirmação é Willian Quigley, cofundador da Tether e pioneiro da criptomoeda. Ele também é líder da Worldwide Asset eXchange ou WAX, uma cadeia de blockchains para tokens não fungíveis (NFTs) e videogames.

Leia também:

O metaverso, um mundo virtual habilitado para internet onde as pessoas têm avatares e interagem com ativos digitais e até objetos com realidade aumentada, está se desenvolvendo rapidamente conforme a tecnologia blockchain evolui.

Em entrevista para a Bloomberg.com, Quigley afirmou que as criptomoedas serão um movimento de massa que os tradicionais compradores de arte estão mudando o foco para as novas artes digitais. “Este não é um fenômeno de mercado de massa. Suspeito que não haja muitos compradores de arte tradicionais que abandonaram o Rembrandt e estão comprando o Crypto Punk. Principalmente os cripto-ricos (pessoas ricas que compram NFTs)”, afirmou o cofundador da WAX.

“Do ponto de vista do produto de consumo, o que é interessante para mim não é um NFT sendo vendido por US$ 1 milhão, mas um milhão de NFTs sendo vendido a US$ 1 cada. Um novo negócio para colecionáveis ​​digitais. Isso me parece ter pernas mais longas e, no geral, um mercado maior”, completou.

Quingley também pontuou sobre como o mundo ‘metaverso’ vai mudar as formas de negócio. “Quando pudermos ter uma sobreposição digital de nossa realidade, será uma grande mudança nos modelos de negócios, uma grande mudança na forma como interagimos uns com os outros e com o mundo. É realmente difícil imaginar e exagerar o impacto. Aposto que o modelo de receita para o metaverso será os NFTs”, disse.

Para Willian Quigley, os videogames são uma fonte de renda gigantesca para NFTs. “É um negócio de US$ 175 bilhões anualmente. Acho que o metaverso deve ter ordens de magnitude maiores porque é tudo; não é apenas um jogo”, finalizou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos