Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.872,10
    -569,68 (-1,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Netflix tem planos de entrar na indústria de games, diz site

·1 minuto de leitura

Após levar seu sucesso Stranger Things para o mundo dos jogos, e trazer o popular The Witcher para o universo das séries, a Netflix que entrar de vez nos videogames. Segundo o site The Information, o streaming está se aproximando de veteranos da indústria dos jogos para investir no setor.

As informações publicadas pelo site são de pessoas próximas da empresa. As fontes disseram também que o objetivo é criar um serviço por assinatura de jogos semelhante ao Apple Arcade e o Google Stadia. O modelo funciona através de uma afiliação mensal em que o usuário pode acessar um game via streaming.

Não foi especificado se os planos da Netflix envolvem desenvolver jogos próprios, agregar títulos de terceiros ou até mesmo unir os dois, assim como acontece com seus filmes e séries do catálogo.

Tudum nos games

Em 2017 foi lançado o primeiro jogo de Stranger Things, para Android e iOS. Já na E3 de 2019, a produtora teve um painel para apresentar algumas novidades suas nos videogames. Na época, anunciaram Stranger Things 3 e The Dark Crystal: Age of Resistance Tactics, ambos também para PC, PS4 e Xbox.

Durante uma chamada de resultados em 2020, o CEO da Netflix, Reed Hastings, falou sobre seu interesse nos videogames, afirmando que a área "tem uma série de aspectos em termos de multiplayer que estão mudando, e-sports que estão mudando, jogos para PC”.

Até o momento, o mais próximo de um videogame na plataforma são as experiências interativas Black Mirror: Bandersnatch e Você Radical, com Bear Grylls.

A empresa também está com licenças para produzir séries e filmes de grandes jogos, como o sucesso de The Witcher, com Henry Cavill, Resident Evil: Infinite Darkness, Assassin's Creed, Sonic Prime e Dota 2.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos