Mercado fechado
  • BOVESPA

    112.764,26
    +3.046,32 (+2,78%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.853,37
    +392,82 (+0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    91,88
    -2,46 (-2,61%)
     
  • OURO

    1.818,90
    +11,70 (+0,65%)
     
  • BTC-USD

    24.425,22
    +733,69 (+3,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    574,64
    +3,36 (+0,59%)
     
  • S&P500

    4.280,15
    +72,88 (+1,73%)
     
  • DOW JONES

    33.761,05
    +424,38 (+1,27%)
     
  • FTSE

    7.500,89
    +34,98 (+0,47%)
     
  • HANG SENG

    20.175,62
    +93,19 (+0,46%)
     
  • NIKKEI

    28.546,98
    +727,65 (+2,62%)
     
  • NASDAQ

    13.580,00
    +268,75 (+2,02%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2024
    -0,1213 (-2,28%)
     

Netflix perdeu quase 1 milhão de assinantes em 3 meses

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A Netflix anunciou que perdeu quase um milhão de assinantes no segundo trimestre de 2022. Somando com as baixas dos três meses anteriores, o resultado final é uma perda de aproximadamente 1,2 milhão de assinantes.

Mesmo com o saldo negativo, o resultado agradou o mercado e as ações da empresa subiram 8% (anteriormente, elas haviam caído 67%). Isso porque o streaming projetava uma perda duas vezes maior (2 milhões de assinaturas), e se surpreendeu com os números apresentados.

Apesar dos resultados negativos, a Netflix mostrou confiança para o próximo trimestre (Imagem: CardMapr.nl, Unsplash)
Apesar dos resultados negativos, a Netflix mostrou confiança para o próximo trimestre (Imagem: CardMapr.nl, Unsplash)

Vale lembrar que a primeira queda de assinantes aconteceu no primeiro trimestre de 2022, e se deve ao fato da ampla concorrência e da popularização de outras plataformas. Além disso, a Netflix retirou os seus serviços da Rússia, em consequência da guerra da Ucrânia, o que contribuiu com o saldo negativo.

Projeções da Netflix para o próximo trimestre

Mesmo com esse resultado negativo expressivo, a empresa domina o mercado dos streamings com quase 221 milhões de assinantes pagos. Para julho, agosto e setembro de 2022, a Netflix prevê uma retomada do crescimento com mais de um milhão de novas assinaturas.

Mudanças no sistema de cobranças da Netflix

Uma das ações tomadas pelo streaming para não ter prejuízos financeiros é a cobrança de uma taxa extra para quem divide a conta com pessoas que não estejam no mesmo endereço.

Essa medida já foi adotada no Chile, Peru e Costa Rica, mas parece que não deu muito certo. Isso porque muitos assinantes afirmam não terem recebido mensagens esclarecedoras da plataforma sobre o assunto.

A cobrança da taxa extra é uma das tentativas da Netflix para alcançar resultados positivos (Imagem:Rupixen, Unsplash)
A cobrança da taxa extra é uma das tentativas da Netflix para alcançar resultados positivos (Imagem:Rupixen, Unsplash)

Outra ação que está sendo estudada pela empresa é lançar um plano mais barato suportado por publicidade. Desse modo, os consumidores pagariam menos, mas teriam que assistir aos anúncios dentro das produções escolhidas.

Ainda não é certo se essas medidas trarão os resultados esperados para o streaming. Resta aguardar pelos próximos passos da Netflix.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos