Mercado abrirá em 2 h 51 min
  • BOVESPA

    120.061,99
    -871,79 (-0,72%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.867,62
    +338,65 (+0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,13
    -0,22 (-0,36%)
     
  • OURO

    1.787,70
    -5,40 (-0,30%)
     
  • BTC-USD

    54.247,38
    -1.209,80 (-2,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.254,90
    -8,06 (-0,64%)
     
  • S&P500

    4.173,42
    +38,48 (+0,93%)
     
  • DOW JONES

    34.137,31
    +316,01 (+0,93%)
     
  • FTSE

    6.907,18
    +11,89 (+0,17%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    +133,42 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.188,17
    +679,62 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    13.915,25
    -4,00 (-0,03%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6452
    -0,0568 (-0,85%)
     

Netflix conquista 35 indicações ao Oscar em ano dominado por streaming

Lisa Richwine
·1 minuto de leitura
Escritórios da Netflix em Hollywood, EUA

Por Lisa Richwine

LOS ANGELES (Reuters) - A Netflix recebeu nesta segunda-feira 35 indicações ao Oscar por 16 filmes, incluindo "Mank" e "Os 7 de Chicago", liderando as empresas de streaming que se beneficiaram das medidas de isolamento social que fecharam os cinemas do mundo todo.

"Mank", um drama em preto e branco sobre a Hollywood dos anos 1930, superou todos os outros filmes ao receber 10 indicações, incluindo para melhor filme, diretor, ator e atriz coadjuvante.

Muitos dos candidatos ao Oscar deste ano foram exibidos por serviços de streaming ou foram oferecidos via vídeo sob demanda.

"Aprendemos muitas lições difíceis no ano passado, mas uma boa foi que as pessoas encontrarão uma maneira de ir ao cinema, mesmo que só consigam ir até a sala", disse Aaron Sorkin, diretor de "Os 7 de Chicago".

O filme de Sorkin também foi indicado para melhor filme, dando à Netflix duas chances de conquistar o prêmio principal da indústria cinematográfica. A empresa começou a lançar filmes originais em 2015, mas nunca ganhou o prêmio de melhor filme.

Os filmes da Netflix vão competir com o drama "Nomadland", que está sendo exibido em cinemas e transmitindo pelo serviço Hulu, da Walt Disney. A Disney obteve 15 indicações ao Oscar no total, incluindo três para o filme de animação da Pixar "Soul", disponível no serviço de streaming Disney+.

A Amazon Studios ganhou um lugar na corrida de melhor filme com "O Som do Silêncio", a história de um baterista que perde a audição, e 12 indicações no total, um recorde para a empresa. "Uma Noite em Miami" obteve três indicações.

A Apple recebeu suas primeiras indicações ao Oscar por filmes transmitidos pela Apple TV+. As indicações incluíram melhor filme de animação para "Wolfwalkers".