Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.647,99
    +1.462,52 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.798,38
    +658,14 (+1,26%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,66
    +1,35 (+1,66%)
     
  • OURO

    1.768,10
    -29,80 (-1,66%)
     
  • BTC-USD

    60.821,32
    -1.044,68 (-1,69%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,06
    +57,32 (+4,07%)
     
  • S&P500

    4.471,37
    +33,11 (+0,75%)
     
  • DOW JONES

    35.294,76
    +382,20 (+1,09%)
     
  • FTSE

    7.234,03
    +26,32 (+0,37%)
     
  • HANG SENG

    25.330,96
    +368,37 (+1,48%)
     
  • NIKKEI

    29.068,63
    +517,70 (+1,81%)
     
  • NASDAQ

    15.144,25
    +107,00 (+0,71%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3297
    -0,0741 (-1,16%)
     

Nervosismo com Evergrande diminui e Ibovespa aponta abertura em alta

·1 minuto de leitura
China Evergrande em Hong Kong

SÃO PAULO (Reuters) - As ações brasileiras devem abrir com alta moderada nesta terça-feira, seguindo um alívio momentâneo dos mercados internacionais diante de uma possível solução para evitar o calote da gigante chinesa Evergrande e uma crise imobiliária na China.

Às 9:42, o contrato de Ibovespa com vencimento em outubro apontava alta de 0,22%, aos 109.870 pontos, minutos antes da abertura do mercado à vista.

O presidente do Evergrande, Hui Ka Yuan, disse que cumprirá responsabilidades com os clientes, investidores, parceiros e instituições financeiras. Porém, não houve sinalização de um apoio do governo da China à companhia, que tem de pagar juros de dívida a investidores nos próximos dias.

Na segunda-feira, o Ibovespa teve queda 2,33%, aos 108.843 pontos, com a quinta queda seguida levando-o ao menor fechamento desde 23 de novembro do ano passado.

(Por Aluísio Alves)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos