Mercado abrirá em 6 h 34 min

Negociações sobre resgate da TAP estão em andamento, diz ministro de Portugal

.

LISBOA (Reuters) - Portugal disse nesta terça-feira que está negociando com acionistas da companhia aérea TAP uma proposta de auxílio e se preparado para todos os cenários, após uma reportagem afirmar que o país se prepara para estatizar a empresa.

O acionista Atlantic Gateway e o governo não chegaram a um acordo sobre um resgate estatal de 1,2 bilhão de euros para a companhia aérea, informou o jornal semanal Expresso.

Portugal detém 50% da TAP e a Atlantic Gateway possui 45% da companhia aérea, que sofreu pesadas perdas devido à crise do coronavírus.

"Neste momento, estamos preparados para tudo", disse o ministro de Infraestrutura, Nuno Santos, numa audiência parlamentar nesta terça-feira. "Ainda vamos enviar uma proposta ao nosso parceiro privado e espero que seja aceita."

O jornal também afirmou que o governo enviará um projeto ao presidente do país para estatizar a TAP.

Santos disse que seria um "desastre econômico e social" se Portugal perdesse a TAP. Ele disse ser importante "reestruturar" a empresa, mas não confirmou ou negou se a companhia aérea seria estatizada.

"Quase 90% dos turistas chegam a Portugal por via aérea e metade deles chega pela TAP", afirmou Nuno Santos. "Não podemos permitir que a TAP entre em falência."

Um porta-voz da TAP disse que a empresa não estava ciente da mudança, mas que uma assembleia de acionistas está a caminho.

A TAP reportou prejuízo líquido de 395 milhões de euros no primeiro trimestre, principalmente devido a bloqueios causados pelo coronavírus que interromperam a maioria das viagens aéreas.

Cerca de 90% dos funcionários da TAP foram suspensos temporariamente em abril.

(Por Catarina Demony e Sergio Gonçalves)