Mercado fechará em 2 h 24 min

Nego Di pede desculpas em vídeo e conta: “Querem que me mate"

Patrick Monteiro
·6 minuto de leitura
Nego Di é o líder da semana no 'BBB21' (Divulgação/Globo)
Nego Di saiu rejeitado do 'BBB21' (Divulgação/Globo)

Nego Di usou as redes sociais para falar diretamente com seu público nesta sexta-feira (19). Ele compartilhou dois vídeos que somam cerca de 30 minutos nas redes sociais para falar sobre todos os corridos nas três semanas que ficou no ‘Big Brother Brasil 21’ e outro vídeos que viralizaram com ele lá dentro.

“Estou tentando ficar bem, tentando melhorar. Tenho bastante coisa para falar. Achei que estivesse pronto psicológicamente, maduro o suficiente para encarar essa experiência. Mas eu não estava. Já passei por muita coisa na vida, muitas dificuldades e consegui vencer”, começou o vídeo.

Leia também

Eliminado com 98,76% dos votos, o recorde de rejeição do programa, ele refletiu. “Tentei seguir minha intuição e joguei errado. Errei para caramba. Fiz muita piada idiota e só depois que saí de lá, que pude perceber o quanto errei. Um grande erro que tive com Lucas foi ter virado as costas para ele”, apontou.

Sobre seu parceiro de provas, ele lamentou: “Não ter conhecimento de outras que ele passava. Muita coisa que ele sofreu, eu não estava presente no momento.”

Aqui fora ele se surpreendeu com o índice de rejeição que teve no programa. “Passei a não entender como seria possível se acolhi pessoas, troquei ideias legais. Muita coisa passou desapercebido e não chegou nas pessoas. Foi como se não tivesse existido. Errei e estou matando no peito. Escolhi o lado errado. Não tive sensibilidade suficiente para o jogo”, contou.

Ele quer assumir os atos. “Me deixei manipular. Errei e escolhi ter as atitudes erradas. Não vou chegar aqui agora e dizer 'nunca mais quero olhar na cara de tal integrante' porque aqui fora estou vendo que essa pessoa está errada. Se a pessoa precisar da minha ajuda, vou ajudar. Tenho certeza que, assim como eu fiquei devastado quando vi o estado caótico que estava minha vida pessoal e profissional, essas pessoas também vão ficar muito tristes e abaladas. Até piores do que eu”, profetizou.

Nego relata que não tem orgulho completo de sua participação no game. “Me envergonho de muita coisa que falei quando eu assisto a esses vídeos, tenho vergonha de saber que a minha família também assistiu a tudo isso, porque eu não fui pra lá para fazer isso, eu fui para correr atrás do meu sonho, eu fui para dar uma vida melhor para minha mãe, para dar a dignidade que eu não tive pro meu filho. Era esse o meu objetivo, avaliou.

Arlindo Cruz

Ácido no humor, um vídeo em que ele faz piada com o AVC sofrido por Arlindo Cruz não pegou bem com os fãs do cantor e sua família, que ameaçou processá-lo. “Uma piada que veio à tona foi a que fiz com o sambista Arlindo Cruz, e eu não me orgulho nenhum pouco de ter feito. Na época, já tinha pedido desculpas e levantaram novamente essa questão e eu estou aqui novamente para pedir perdão”, afirmou.

E continuou: “Não parei para pensar, poxa, se fosse minha mãe, se fosse meu pai eu não ia gostar também. Não tenho mais nada para falar a não ser pedir perdão a toda família. Se quiserem entrar com uma ação, processo, eu vou assumir todas as consequências tranquilamente porque sei que errei. E tem outras piadas também que eu já tinha feito, mas uma parada que eu falava muito dentro do Big Brother é que eu era e sou humorista em desconstrução tentando aprender.”

O gaúcho contou que antes do programa já havia mudado seu posicionamento sobre minorias. “Percebi que aquele humor que estava fazendo machucava várias pessoas e o humor é isso, ele passou por evoluções ao longo dos anos. Eu optei por acompanhar essa evolução e tiveram piadas antigas que eu fiz que vieram à tona. Hoje minha cabeça é outra, sou pai”, apontou.

Rejeição

“Quando eu peguei meu celular, eu estava recebendo uma enxurrada de xingamentos, ofensas. Ofensas racistas, xenofóbicas. Nossa, eu estava sendo cancelado de todas as maneiras numa proporção muito grande, de uma maneira que eu nunca tinha imaginado passar na minha vida. Eu entrei ali para buscar o meu sonho e saí dali praticamente com a minha vida pessoal e profissional destruída”, refletiu.

Ele relatou que passou por momentos difíceis na primeira noite no hotel. “Cheguei em determinado momento a pensar, logo que eu peguei meu celular e sentei na cama do hotel, que a minha vida tinha acabado, que a minha vida não fazia mais sentido, que o meu trabalho não fazia mais sentido, porque eu errei para caramba, mas eu também já acertei para caramba”, comentou.

Cancelamento

Nego reavaliou o que vem sofrendo desde a última terça-feira (16). “Foi um linchamento. Quando acabou o jogo, eu fui ameaçado de morte, a minha mãe foi ameaçada de morte. Eu recebi mensagens, a mãe do meu filho recebeu mensagens que iam esquartejar o meu filho de cinco anos, esquartejar minha mãe”, relatou.

E afirmou que a família ainda é perseguida: “Meu filho não está mais indo à escola, tá rolando aula e ele não está indo, minha mãe não está saindo de casa. Eu estou sendo julgado como se fosse um criminoso, pior que um criminoso. Porque não existe pena de morte no Brasil e estou sendo julgado como se eu tivesse matado alguém, como se eu fosse um serial killer, um psicopata, sei lá. Não tem como dizer a maneira como estão me julgando e me linchando na internet”, explicou.

Di ainda comentou a rejeição que sofreu da classe artística. “Tiveram artistas gigantes fazendo praticamente uma festa de aniversário, com balão, com meu nome, postando no feed. Incitando um linchamento nas redes sociais. Artista, inclusive, que já foi cancelado nas redes sociais, que sabe da dor de ser ofendido, ameaçado. E fazendo isso com uma pessoa muito menor”, falou.

E continua: “Artistas que pra minha decepção sempre fuifã e que eu já tinha mandado DM pedindo ajuda na divulgação do meu trabalho. Nunca tive atenção dessas pessoas antes, só quando errei.”

Ele ainda comentou que recebeu mensagens extremas. “Preciso viver, trabalhar. Quero entender até quando vai isso, o que as pessoas querem de mim? Querem que eu desista da minha própria vida, que eu me mate. Recebi mensagens para eu me matar, 'Se mata logo seu lixo'. Eu tenho que me matar, desistir da minha carreira? Quero entender até onde vai o pensamento das pessoas”, contou.

O humorista encerra o vídeo com uma mensagem de esperança. “Mas também estou aqui para agradecer, teve muita gente que brigou por minha causa, fã clubes, obrigado de coração. Artista que me estendeu a mão, não virou as costas. Aos comediantes que fizeram piada, superentendo. Sinto muito pelas pessoas que querem que eu me mate, desista, entre numa depressão. Tenho só uma coisa para dizer: 'Vou voltar, continuar, e vai ser em breve'. Esse recado também é para quem gosta de mim! 'Eu vou voltar!’”, concluiu.