Mercado fechará em 6 h 17 min
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,03
    +0,59 (+0,72%)
     
  • OURO

    1.779,80
    +14,10 (+0,80%)
     
  • BTC-USD

    62.329,73
    +1.426,73 (+2,34%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.455,23
    +3,60 (+0,25%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.206,00
    +2,17 (+0,03%)
     
  • HANG SENG

    25.787,21
    +377,46 (+1,49%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.343,75
    +53,25 (+0,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4612
    +0,0697 (+1,09%)
     

Natura lança bolsa de estudos para revendedoras

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Natura vai lançar nesta semana um programa de bolsa de estudos para as revendedoras com desconto de até 80% nas mensalidades dos cursos de graduação, pós-graduação e tecnólogo em mais de mil instituições pelo país.

O projeto, feito em parceria com a Quero Bolsa, expande o portfolio de iniciativas educacionais da empresa, segundo Erasmo Toledo, vice-presidente de negócios da Natura no Brasil.

Desde o ano passado, o programa tem um sistema de crédito educacional que ajuda a financiar cursos para as revendedoras ou membros de suas famílias. Foram financiados mais de R$ 500 mil em estudos, segundo a empresa.

A maior parte dos recursos que a Natura investe no programa educacional tem origem na linha de produtos chamada de Crer para Ver, que direciona o lucro para projetos de educação pública e da rede de revendedoras. Os valores arrecadados com a linha na América Latina cresceram 50% em 2020, para quase R$ 80 milhões, segundo a empresa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos