Mercado fechará em 4 h 56 min
  • BOVESPA

    111.728,36
    -2.084,51 (-1,83%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.511,54
    -218,26 (-0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,84
    +0,34 (+0,38%)
     
  • OURO

    1.761,60
    -9,60 (-0,54%)
     
  • BTC-USD

    21.365,20
    -2.066,95 (-8,82%)
     
  • CMC Crypto 200

    507,24
    -34,36 (-6,34%)
     
  • S&P500

    4.230,26
    -53,48 (-1,25%)
     
  • DOW JONES

    33.731,45
    -267,59 (-0,79%)
     
  • FTSE

    7.562,20
    +20,35 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    19.773,03
    +9,12 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    28.930,33
    -11,81 (-0,04%)
     
  • NASDAQ

    13.285,25
    -238,00 (-1,76%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2317
    +0,0179 (+0,34%)
     

Nasa revela plano para trazer à Terra amostras marcianas em 2033

A Nasa detalhou, nesta quarta-feira (27), como trará à Terra cerca de 30 amostras de rochas marcianas em 2033, um plano que agora inclui o envio de dois novos helicópteros ao Planeta Vermelho.

O rover Perseverance, que pousou em Marte há um ano e meio, já coletou 11 amostras de rochas.

Mas trazê-las à Terra para que possam ser estudadas em profundidade em busca de vestígios de vida antiga acaba sendo uma missão complexa, que exige várias etapas.

Até agora, a Nasa planejava enviar outro rover a Marte, que armazenaria as amostras coletadas pelo Perseverance para levá-las a um módulo de pouso. Nesse módulo haveria, por sua vez, um minifoguete pronto para colocar as amostras na órbita do Planeta Vermelho em 2031.

No entanto, a Nasa decidiu que o segundo rover não existirá. Em vez disso, o próprio Perseverance, que mostrou bom desempenho, se aproximará do foguete, chamado Mars Ascent Vehicle.

As amostras serão recuperadas do Perseverance usando um braço robótico construído pela Agência Espacial Europeia (ESA) e integrado ao módulo de pouso, conforme planejado anteriormente.

Mas, como precaução, uma solução alternativa foi fornecida caso o Perseverance esteja imobilizado.

O módulo de pouso, que deve decolar da Terra no verão de 2028 e chegar a Marte em meados de 2030, terá dois pequenos helicópteros acoplados a ele, além do minifoguete e do braço robótico.

Em Marte já existe um helicóptero, batizado de Ingenuity. Seu desempenho superou todas as expectativas: realizou 29 voos em vez dos cinco inicialmente previstos.

Os dois novos helicópteros serão ligeiramente mais pesados, equipados com rodas para se deslocarem no solo e um pequeno braço que lhes permitirá recolher as amostras, que podem pesar até 150 gramas.

Nesse caso, as amostras seriam lançadas pelo Perseverance no solo, recuperadas por helicópteros e depositadas no módulo de pouso em poucos dias.

Lá, as amostras também seriam recolhidas pelo braço robótico, que pode se estender até dois metros, para serem colocadas no minifoguete.

As amostras serão eventualmente transferidas para um orbitador previamente posicionado em torno de Marte, que está programado para decolar da Terra em 2027.

Assim que a carga útil for recuperada, este orbitador retornará à Terra para pousar no deserto de Utah em 2033.

O Perseverance tem um total de 43 tubos para armazenar amostras. Em breve, depositará uma dúzia em solo marciano para formar um estoque de emergência. Os outros 30 serão destinados a serem recuperados.

la/iba/ll/gm/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos