Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.812,87
    +105,11 (+0,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.729,80
    -4,24 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    90,48
    -0,02 (-0,02%)
     
  • OURO

    1.773,00
    +1,80 (+0,10%)
     
  • BTC-USD

    23.363,59
    +40,98 (+0,18%)
     
  • CMC Crypto 200

    558,74
    +1,01 (+0,18%)
     
  • S&P500

    4.283,74
    +9,70 (+0,23%)
     
  • DOW JONES

    33.999,04
    +18,72 (+0,06%)
     
  • FTSE

    7.541,85
    +26,10 (+0,35%)
     
  • HANG SENG

    19.763,91
    -158,54 (-0,80%)
     
  • NIKKEI

    28.942,14
    -280,63 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    13.528,00
    +4,75 (+0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2346
    -0,0246 (-0,47%)
     

NASA marca lançamento de próxima missão tripulada à ISS para fim de setembro

A agência espacial norte-americana (NASA) anunciou na última quinta-feira (21) que o lançamento de sua próxima missão tripulada à ISS, a Crew-5, ocorrerá a partir de 29 de setembro. A missão levará dois astronautas norte-americanos (Nicole Mann e John Cassada), um japonês (Koichi Wakata) e uma cosmonauta russa (Anna Kikina) a bordo da cápsula Crew Dragon Endurance para uma estadia de seis meses no laboratório orbital.

Este será o segundo voo da Endurance, que fez sua viagem inaugural em novembro passado, durante a missão Crew-3. Será a primeira vez que os quatro motores Draco frontais da cápsula, que são usados para ajustes de altitude e orientação durance o voo, são usados em uma missão comercial tripulada.

O foguete Falcon 9 será "novo em folha", mas sofreu danos durante o trajeto da fábrica da SpaceX em Hawthorne, na Califórnia, para as instalações de teste da empresa em McGregor, no Texas. Com isso o "interestágio", seção que conecta o primeiro e segundo estágios do foguete, está sendo substituído, junto com parte da instrumentação.

Anna Kikina será a primeira cosmonauta russa a voar em uma missão comercial para a NASA. (Imagem: Roscosmos)
Anna Kikina será a primeira cosmonauta russa a voar em uma missão comercial para a NASA. (Imagem: Roscosmos)

Esta será a primeira vez que uma cosmonauta voa em uma espaçonave da SpaceX, fruto de um acordo de "troca de tripulação" entre a NASA e a agência espacial russa, a Roscosmos, firmado em meados de julho.

Em troca, o astronauta norte-americano Frank Rubio irá à ISS com os cosmonautas Sergey Prokopyev e Dmitry Petelin na missão Soyuz MS-22, com lançamento marcado para 21 de setembro a partir do cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos