Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.580,79
    +234,97 (+0,21%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    -72,85 (-0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,44
    +0,67 (+0,61%)
     
  • OURO

    1.864,30
    -1,10 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    29.638,83
    +455,07 (+1,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    660,79
    +4,96 (+0,76%)
     
  • S&P500

    3.941,48
    -32,27 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.928,62
    +48,38 (+0,15%)
     
  • FTSE

    7.484,35
    -29,09 (-0,39%)
     
  • HANG SENG

    20.112,10
    -357,96 (-1,75%)
     
  • NIKKEI

    26.596,99
    -151,15 (-0,57%)
     
  • NASDAQ

    11.810,00
    +39,00 (+0,33%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1655
    -0,0067 (-0,13%)
     

NASA: Hubble descobre buraco negro que está criando estrelas

NASA descobriu buraco negro que está criando estrelas ao invés de devorá-las. Foto: Reprodução da internet.
NASA descobriu buraco negro que está criando estrelas ao invés de devorá-las. Foto: Reprodução da internet.
  • A NASA descobriu um buraco negro que expele matéria para a criação de estrelas;

  • A descoberta foi feita por meio do telescópio Hubble na galáxia anã Henize 2-10;

  • A Henize 2-10 conta com uma alta formação de estrelas e sua condição é considerada parecida com a do começo do universo.

Quando se fala em buraco negro, a imaginação de muitos evoca destruição e caos. Essa percepção existe porque tudo que se aproxima desse corpo de alta densidade é sugado para dentro, inclusive a luz.

Contudo, a NASA, agência do governo federal dos EUA que pesquisa e desenvolve tecnologias e programas de exploração espacial, descobriu um buraco negro que expele matéria para o desenvolvimento de estrelas ao seu redor. A descoberta foi feita na galáxia anã Henize 2-10 por meio do telescópio Hubble.

Leia também:

Há um intenso processo de formação estelar criado pelo buraco negro ao centro da região. A Henize 2-10 conta com uma alta formação de estrelas e sua condição é considerada parecida com a do começo do universo.

É conhecimento científico que buracos negros podem expelir materiais absorvidos em forma gasosa por causa das forças magnéticas intensas. Contudo, os massivos o fazem em uma alta velocidade, impedindo a ‘alimentação’ dos ‘berçários estelares’, que são as nebulosas.

A região presente na Henize 2-10 tem um tamanho que possibilita aos gases abastecerem onde há formação de estrelas.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos